segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

INTERPRETAÇÃO BÍBLICA - Orações Impedidas

Considere essa passagem bíblica:

"Igualmente vós, maridos, coabitai com elas com entendimento, dando honra à mulher, como vaso mais fraco; como sendo vós os seus co-herdeiros da graça da vida; para que não sejam impedidas as vossas orações.  1 Pe 3.7"

  Alguns pastores tem interpretado esse versículo de forma errônea, afirmando que essa passagem se refere a brigas no lar, e afirmam que as orações do casal não chegarão a Deus por esse motivo.

  O apóstolo Pedro está orientando aqui aos maridos, com relação ao ato sexual, dando honra a mulher, não tratando ela como prostituta na cama, não abusando dela, como fazem os impiedosos do mundo. Pois na época de Pedro a mulher era tratada como objeto, mas o evangelho veio para corrigir essas injustiças e conduzir todos a Deus.

  As orações são impedidas pelo motivo de serem feitas por uma pessoa que tem duas faces, que na igreja parece um cordeiro, mas com a esposa na cama parece ator de filme pornô. Dessa forma as orações são impedidas não por Deus, mas pela própria pessoa.

  Há notícias de irmãs que sofrem com atitudes dessas por parte dos maridos, que muitas vezes são obreiros. 

  Aos maridos saibam que mesmo que a mulher aceite na hora por ser prazeroso, depois ela se sentirá mal e culpada e dessa forma o marido estará prejudicando a vida espiritual de sua esposa. 
  Quase não ouço falar disso nas igrejas. Será que tem alguns atores de filme pornô nos ministérios por aí afora?

Marcos André - Professor

8 comentários:

  1. E VERDADE PASTOR CONCORDO PLENAMENTE COM O SENHOR

    ResponderExcluir
  2. as vezes não sabemos porque eles querem agir assim. por sermos esposas muitas pensam que deve ser subimissa ao esposo de todas as formas.

    ResponderExcluir
  3. É VERDADE!!! MUITOS PENSAM QUE SAMOS OBJETOS.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Alguns irmãos e até mesmo irmãs, pensam que Deus não está contemplando também o ato sexual dos seus filhos, por isso deve haver o entendimento e o respeito. Muitas irmãs estão nas igrejas rindo por fora e sofrendo por dentro, vendo seus maridos falando em o nome do Senhor e depois em casa parece um filho de Satanás. Mas o Senhor Jesus está contemplando tudo isso e nada ficará encoberto por muito tempo. Paz a todas. Entendo porque os comentários estão anônimos.

      Excluir
  4. Muito bom, objetivo e totalmente correto. Creio que a "confusão" tenha sido ocasionada por versões como a NVI, que mudou o "coabitar" por "convívio".

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pode ser irmã Cleide, mas acho que o problema ocorre principalmente por interpretações de alguns que tentam fazer a Bíblia dizer o que não diz, para atender a seus próprios interesses.

      Obrigado por comentar minha querida.

      Excluir
  5. doutrina boba,pois o próprio PAULO DIZ QUE O CORPO DA MULHER NÃO PERTENCE A ELA ,MAS SIM AO MARIDO OU VICE VERSA.PORTANTO NA CAMA SÃOS UM DO OUTRO E O QUE SE PASSA NO QUARTO É ENTRE OS DOIS.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu querido(a), com certeza Paulo não estava se referindo ao ato sexual em si quando escreveu isso, Ele estava dizendo que eles não deveriam negar-se um ao outro em ter relação sexual, já que alguns se dedicavam em longos jejuns e não se permitiam ter a relação sexual com o cônjuge.
      Deixa teu nome no comentário por favor.

      Excluir

Todos os comentários estão liberados, dessa forma o seu comentário será publicado direto no CLUBE DA TEOLOGIA.
Porém se ele for abusivo ou usar palavras de baixo calão será removido.