ESTUDOS TEOLÓGICOS, INTERPRETAÇÃO DA BÍBLIA, ESBOÇO PARA AULAS DA ESCOLA DOMINICAL, ETC

____________________________________________________________________________________

sábado, 26 de janeiro de 2013

ESCOLA DOMINICAL - Esboço e Subsídio - Lição 4 - Revista da Central Gospel



AULA EM___DE______DE 2013 - LIÇÃO 4
(Revista: Central Gospel)

Tema:  AUTORIDADE DO ESPÍRITO SANTO
  
Texto Áureo:  Mt 14.10
 _________________________________________
 PALAVRA INTRODUTÓRIA
- Professor(a), se dedique ao máximo nesta aula e Deus será contigo, estude e o Espírito de Deus o fará lembrar de tudo que você estudou.
- “desde a eternidade”, essa eternidade mencionada aqui não é o infinito daqui pra frente, ela conta também o infinito pra trás, a Triunidade Santa não tem princípio nem fim.
__________________________________________
1. AUTORIDADE PARA VIVIFICAR
- “para perceber a realidade espiritual”, consiste em mostrar a para o individuo como está a sua situação, o Espírito Santo faz isso, veja:
“E, quando ele vier, convencerá o mundo do pecado, e da justiça e do juízo.”João 16.8

1.1. Vida interior
- Uma outra boa explicação para essa vida interior pode ser tirada desse versículo:
“Tendo sido, pois, justificados pela fé, temos paz com Deus, por nosso Senhor Jesus Cristo;” Rm 5.1
- Essa “paz com Deus”, que é mencionada aqui, atua no interior da pessoa que recebeu a Jesus como salvador, o Espírito de Deus vai promovendo a paz com Deus pela atuação na mente e no coração, dessa forma a pessoa tem seu ânimo e sua autoestima fortalecida, consegue assim, trabalhar para o Senhor. Por isso encontramos muitos crentes que passam dificuldades, mas permanecem firmes na presença do Senhor com alegria.

1.2. Vida física
- Você pode acrescentar que em muitos casos o Espírito Santo revigora a força física, pessoas que chegam cansadas pelo trabalho secular e encontram forças para irem à igreja ou evangelismo, isso se explica pelo texto:
“Mas os que esperam no SENHOR renovarão as forças, subirão com asas como águias; correrão, e não se cansarão; caminharão, e não se fatigarão.” Is 40.31

1.3. Vida eterna
- A maior promessa da Bíblia está ligada a essa ação do Espírito Santo, a nossa passagem aqui na terra é um processo de aprendizado e preparo para a vida eterna. Por isso somos orientados a esperarmos a vida eterna.
“Se esperamos em Cristo só nesta vida, somos os mais miseráveis de todos os homens.” 1 Co 15.19
________________________________________
2. AUTORIDADE PARA CONVENCER
            - Você pode comentar que o Espírito Santo está atuando no mundo, por isso ele está operando inclusive na mente do ímpio, caso ele dê ouvidos à Palavra de Deus.

            2.1. Persuasão pela pregação
            - “à apresentação da Palavra de Deus”, à ação do Espírito Santo sempre ocorre na mente do não crente, sempre que este presta atenção à Palavra de Deus, ela é a espada do Espírito, quando o ímpio deixa a Palavra entrar, então o Espírito de Deus combate na mente dele.
- É interessante lembrar só encontra Deus quem procura por Deus, dessa forma só receberá o convencimento do Santo Espírito, aquele que ouve ou lê a Palavra procurando Deus nela, ou mesmo que não esteja procurando, mas sabe que o Senhor está nela. Sabemos disso porque existem muitas pessoas que conhecem a Bíblia, mas não acreditam em Deus, ou não tem e nem querem ter, nenhum compromisso com Ele.

2.2. Convencimento tríplice
- Na verdade as instruções ocorreram antes da prisão e morte do Senhor, foram as últimas orientações de Jesus aos seus apóstolos, e está nos capítulos 14,15 e 16 do evangelho de João.
           
            2.2.1. Consciência do pecado
            - Essa é a consciência do erro, os que não tem Jesus erram e continuam errando sem que isso lhes pese a consciência, mas aquele que deixa a Palavra de Deus entrar começa a ser convencido pelo Espírito de que sua vida está sendo destruída e ele precisa tomar uma atitude.
            - “liberto dessa escravidão”, lembre que pecadores, todos nós somos, porém aquele que não recebeu Jesus como salvador é escrevo do pecado, não consegue se libertar. Os que foram libertos por Jesus até pecam, mas ocorre por acidente, não estão presos ao pecado.

            2.2.2. Padrão da justiça de Deus
            - “Cristo tornou-se padrão de Justiça”, Jesus é o modelo padrão que devemos seguir, todos os outros modelos são fracos.
            - “os homens serão aferidos”, aferir significa comparar com uma medida básica, quer dizer que os homens serão comparados com o Senhor Jesus, a fim de avaliar nossa justiça.
            - “justiça legal”, ocorre quando fazemos o que é certo, quando tomamos atitudes dentro da lei de Deus.
            - “justiça moral”, é a justiça perfeita, é o padrão do comportamento que segue o Senhor como modelo.
           
            2.2.3. Juízo vindouro
            - Dessa forma a pessoa começa a ficar preocupada com o que vai ocorrer após a vida aqui na terra. Muita gente convencida por essa ação do Espírito Santo, acaba por aceitar a Cristo pelo medo do virá depois de tudo. Primeiro aceita-se pelo temor do Senhor, depois ao se conhecer quem é o Senhor que servimos e o que Ele fez por nós na cruz, surge então o amor no coração daquele que recebeu a Jesus.

3. SUBMISSÃO À AUTORIDADE DO ESPÍRITO SANTO

3.1. Transformação necessária
- “transformação da personalidade”, o Espírito Santo molda nosso caráter, transformando nosso jeito de agir e de var as coisas, nossas atitudes vão se transformando, muitas vezes até mesmo a própria pessoa fica admirada com a mudança em si mesmo.
- Comente que muitos irmãos receberam Jesus, vão a igreja e cumprem as ordenanças do Senhor, mas não tiveram seu caráter modificado pelo Espírito. Isso acontece porque não se edificam na Palavra, pois ela é a arma do Espírito na vida da pessoa. Se não entrar ensinamento da Bíblia na mente e no coração do individuo, o Espírito não poderá atuar nele. Ficará na igreja parecendo crente, mas nunca será um crente de verdade. ISSO É PROFUNDO.

3.2. Fidelidade imprescindível
- “manter-se fiel aos estímulos”, quer dizer que o Espírito de Deus vai nos ensinando e nos animando a cada momento, precisamos ser fiel a sua voz. Precisamos estar sensíveis a manifestação do Espírito Santo em nosso dia-a-dia.
- “encontros, relacionamentos”, nessas atividades muitas vezes os crentes se esquecem do Espírito Santo, falam como se não tivessem nenhum compromisso com Ele. Existem crentes que só falam com o Espírito Santo na hora de dormir e olhe lá!
            _________________________________________
CONCLUSÃO
- Muito boa essa ilustração, é interessante chamar a atenção para o homem que ao ver a verdade, anunciou aos outros a boa nova.     
- Recomendo que você faça um pequeno resumo dessa lição e repasse com seus alunos ao final da aula.

Boa aula!

Marcos André - professor

-->

Um comentário:

  1. Otimos comentarios e colocaçoes, me ajudou muito professor. Sou professor da EBD e utilizo essa liçao, suas colocaçoes me abençoaram muito!

    ResponderExcluir

Devido a comentários ofensivos, os comentários serão verificados pelo administrador do CLUBE DA TEOLOGIA e serão liberados posteriormente. Não serão permitidos comentários ofensivos a pessoa e as críticas não assinadas ou não fundamentadas.