INICIE CLICANDO NO NOSSO MENU PRINCIPAL



__________________________________________________________________

quarta-feira, 17 de abril de 2013

ESCOLA DOMINICAL - Esboço e Subsídio para a Lição 3 - Revista da CPAD



AULA EM 21 DE ABRIL DE 2013 - LIÇÃO 3
(Revista: CPAD)

Tema: “AS BASES DO CASAMENTO CRISTÃO”
  
Texto Áureo: Ef 5.25
  
INTRODUÇÃO
- Amado(a) professor(a) nesta lição procure ensinar a receita para um casamento abençoado por Deus.
 - “sendo ridicularizada”, o mundo vive em guerra com Deus, por isso tudo que vem para conduzir as pessoas à Deus, é combatido por aqueles que não querem nada com o Criador.
- “venerado entre todos”, a ordenança aqui é para a Igreja em geral, quer dizer que todos os crentes devem valorizar o casamento e a fidelidade conjugal.
- “leito sem mácula”, parece estar se referindo à fidelidade conjugal. Porém muitos acreditam que pode estar falando da decência do ato sexual.
__________________________________________
1. A VONTADE DE DEUS PARA O CASAMENTO
                                        
1. Um plano global.
- “vontade de Deus para todas as pessoas”, não quer dizer, no entanto, que se alguém não quiser casar-se estará contra a vontade de Deus, existem pessoas que acharem por bem não casarem-se e se dedicaram inteiramente à obra de Deus, como Paulo.
- “multiplique-se”, só haverá multiplicação se a união for entre um homem e uma mulher, dessa forma surgirão filhos. A união entre pessoas do mesmo sexo, está fora do plano global de Deus.

2. Os indicadores da vontade de Deus.
- “decisões conscientes”, são decisões sem engano, conhecendo as vantagens e desvantagens, os prós e os contras e todas as consequências dessa atitude. Conhecendo realmente a pessoa, pela observação do comportamento no noivado. Observando o comportamento dele(a) na casa de seus pais e etc.
- “vontade de Deus”, a vontade de Deus em relação ao casamento pode ser absoluta ou permissiva. Absoluta, quando Deus indica a pessoa com quem gostaria que seu servo ou serva deva contrair matrimônio. Permissiva, quando a pessoa encontra alguém que lhe fará mal, mas mesmo assim deseja casar, então Deus permite.
- “a) paz de Deus”, quando tomamos uma decisão e o Senhor nos aprova nessa escolha, então sentimos a paz no coração pelo Espírito Santo, quem toma decisão errada fica como Balaão, fingindo da mão do Senhor que está contra ele.
- “b) comportamento pessoal”, é necessário os noivos se observarem, vendo o comportamento pessoal do outro, pois certos problemas comportamentais tendem a piorar depois de algum tempo casado.  
- “evidencia claramente”, alguns crentes ficam esperando a revelação de Deus para alguns aspectos que estão claramente evidentes.
- “é muito perigoso”, o perigo está em se receber uma “profetada”, pois alguns profetas falsos lançam profecias mentirosas e acabam causando grandes males.
- “sexo antes e fora do casamento”, sexo antes do casamento é fornicação e fora do casamento é adultério. No mundo atual devido ao apelo sensual da mídia, e das muitas tentações que existem, tem sido muito difícil um casal de noivos se guardarem para o casamento.
- “a virgindade...continua a ser”, um casal de noivos ou de namorados precisam manter a vigilância com algumas situações. Devem manter a prática do jejum regularmente e da oração, jamais devem namorar sozinhos em casa ou ficar namorando até muito tarde.

2. O AMOR VERDADEIRO NO CASAMENTO

          1. O dever primordial do casal.
            - “amar é uma ordem”, todo amor para que cresça é necessário que seja investido tempo, atenção e dedicação. Amor não brota do nada, ele surge a partir de uma pequena atração e vai crescer a partir do investimento que se faz nele, se um marido não investir nada no amor por sua esposa, logo esse amor se esfriará. Lembre que não existe amor a primeira vista.

2. O amor gera união plena.
- “reciprocidade”, significa responder da mesma forma. Exemplo: se uma mulher ama e é amada por seu marido, então há reciprocidade.
- “de propósitos”, quando um casal possui os mesmos propósitos então esse casamento tem grande chance de dar certo.
_________________________________________
3. A FIDELIDADE CONJUGAL

1. Fator indispensável à estabilidade no casamento.
- Acrescente aos alunos que para que a fidelidade exista então o adultério deve ser considerado da forma que Jesus ensinou em Mateus 5.28. Pois para o mundo adultério é ter relação com alguém fora do casamento, mas para o cristão a fidelidade deve estar no coração e não somente no corpo.
- Com a sensualidade e promiscuidade de hoje, dificilmente o conjugue resistirá às tentações, porém se ele for fiel no seu coração então conseguirá vencer com a ajuda de Deus.

2. Cuidado com os falsos padrões.
- “padrão do amor conjugal”, pela Bíblia o amor conjugal deve ser igual ao amor de Jesus. Para o mundo o amor conjugal é baseado na atração física, na paixão e no sexo. Satanás sabe que o ser humano é fraco quanto aos apelos sexuais, por isso ele investe pesado nessa área, enchendo a mídia de todo tipo de apelo sensual.
- “até a morte de um dos conjugues”, assim como os filhos, o conjugue é um presente de Deus somente para essa vida. Por isso cada um deve aproveitar ao máximo a vida ao lado do seu companheiro(a). Ec 9.9 nosso conjugue é a nossa porção nessa vida, por isso deve ser valorizado ao máximo todos os dias do nosso viver.
________________________________________
CONCLUSÃO
- “promovam o crescimento”, a igreja deve investir naquilo que produz crescimento espiritual na graça e no conhecimento do Senhor. Isso se faz com estudo da Palavra e com oração.
- “novas configurações familiares”, se referem claramente aos casais homossexuais, que por não poderem ter filhos adotam crianças e passam viver com uma família, sem se importar como isso afetará o futuro dessa criança que passará a infância sem a presença de uma figura dos pais, ou o pai ou a mãe.
- “desprezam e debocham”, a igreja é a maior defensora do casamento e da família, mas para que isso permaneça assim é necessário que a juventude atual seja ensinada a defender a família, o casamento, a fé e a Palavra de Deus.

Marcos André – Superintendente e professor

Boa Aula!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários estão liberados, dessa forma o seu comentário será publicado direto no CLUBE DA TEOLOGIA.
Porém se ele for abusivo ou usar palavras de baixo calão será removido.