INICIE CLICANDO NO NOSSO MENU PRINCIPAL



__________________________________________________________________

quinta-feira, 6 de junho de 2013

ESCOLA DOMINICAL - Esboço e Subsídio da Lição 10 - Revista da CPAD


AULA EM 9 DE JUNHO DE 2013 – LIÇÃO 10
(Revista: CPAD)

Tema: “A NECESSIDADE E A URGÊNCIA DO CULTO DOMÉSTICO”
  
Texto Áureo: Dt 11.19
  
INTRODUÇÃO
- Amado(a) professor(a) nesta lição você deverá orientar a execução do culto no lar, se você ainda não pratica, procure fazê-lo, para ensinar o que você faz. 
- “negligência”, é a negação deliberada em não cumprir alguma ordem ou deixar de fazer algum procedimento padrão, aqui se refere ao deixar de fazer o culto doméstico.
- “longas horas de navegação”, com tudo isso tem sido difícil de reunir a família até mesmo para almoçar ou jantar.
- “terceirizar a formação”, é deixar a formação das crianças nas mãos de terceiros. Aqui se refere aos pais que tendo a responsabilidade de ensinar sobre Deus para seus filhos, deixam isso a cargo da igreja.
__________________________________________
1. O CULTO DOMÉSTICO
                                        
1. Adoração em família.
- “já não se vê o mesmo zelo”, o evangelho no Brasil teve seu caráter um pouco modificado os movimentos novos (neopentecostais) em sua grande maioria não se preocupam com o ensino, se ocupam em sustentar seus grandes templos e programas de rádio e TV, para isso precisam de muitas ofertas, não podem investir em algo sem retorno financeiro como a EBD.
- Por outro lado o antigo movimento pentecostal descobriu que o Neopentecostalismo cresce e ganha dinheiro, então decidiram imitá-lo em muitos aspectos. No final de tudo existem pouquíssimos investimentos nas atividades que realmente ganham almas pra Jesus, como a obra missionária, assistência social e ensino bíblico.
- “livro-texto”, é o livro que o professor usa para extrair suas matérias, os outros ele usa para consultas. Os pais devem usar a Palavra de Deus como principal obra para a criação de seus filhos.

2. A restauração da instrução doméstica.
- “estarão no teu coração”, para que os pais possam ensinar seus filhos, primeiramente a Palavra de Deus deve estar em seu coração, pois ninguém pode dar aquilo que não tem.
- “torna-se imperativo”, é aquilo que é passado como ordem, é necessário que encaremos isso como uma ordem e não uma recomendação.
- “a amar a Deus”, para que alguém venha a amar a Deus, primeiro precisa aprender o que Ele é e o que Ele fez e faz por nós. Dessa forma surgirá uma gratidão e assim o jovem passará a cultivar o amor pelo Pai.
- Muitos pais ensinam a seus filhos que servimos a um Deus vingativo e extremamente ciumento, se esquecem de falar que nosso Deus é amor e que não poupou a Seu próprio Filho por amor de nós.

3. A prática da adoração doméstica.
- “no tocante a quantidade”, desde que Jesus disse que havendo dois ou mais, reunidos em Seu nome, Ele estaria também estaria no meio Mateus 18.20, tendo então um casal já é possível fazer o culto doméstico.
- “linguagem própria”, lembre aos alunos que para alcançar a criança, o pré-adolescente e o jovem, não necessita de uma grande profundidade teológica. A Palavra é explicada pelo Espírito Santo uma explicação simples ou a simples leitura já será excelente.
- Muitos pais tornam a leitura da Bíblia uma coisa chata para a criança e o jovem, porque querem forçá-los a entender o que eles entenderam.

2. O CULTO NO LAR

           1. Organizando o culto doméstico.
            - “elementos indispensáveis”, para as famílias que nunca fizeram o culto no lar é bom começar simplificadamente com um louvor, uma oração e uma breve leitura da Palavra, depois vai aumentando conforme o costume for se estabelecendo.
            - O casal deve fazer o possível para manter essa atividade mesmo que estejam chateados um com o outro, orando e lendo a Bíblia, logo essa chateação vai passar.

2. Ganhando os que ainda não são crentes.
- “não pode ser negligenciado”, geralmente dentro do lar, aquele que não é servo de Jesus fica resistente, sai de perto, com demonstração clara de insatisfação. Oriente aos seus  alunos que não devem obrigar ao não crente a orar ou ler a Bíblia, deixe-o e faça o culto normalmente.
- “ainda pela madrugada”, Jó se esforçava espiritualmente pela sua família, diferente de muitos irmãos que não lutam pela sua casa. 

3. Eu e minha casa servindo ao Senhor.
- “antiquado”, na era pós-moderna muitos crentes estão buscando novidades, mas o evangelho permanece o mesmo e o cabeça da igreja não mudou.
- “são desculpas”, nos casos de cansaço e falta de tempo, os pais devem fazer um esforço para que haja o culto.  
- “um grande obreiro”, Timóteo foi um dos que fizeram a sucessão de Paulo, recebendo dele as orientações em duas cartas. Quem começa aprendendo de Deus dentro do lar tem grande chance de se tornar em alguém diferenciado na obra do Senhor.
________________________________________
3. BENÇÃOS ADVINDAS DO CULTO DOMÉSTICO

1. Fortalece os laços familiares.
- “vida social”, se refere ao relacionamento com os outros indivíduos, no nosso caso, a família. Quer dizer que ao realizar o culto doméstico estamos fortalecendo os laços de amizade e amor com nossos familiares.
- “vida espiritual”, se refere ao relacionamento com Deus. Quer dizer que ao realizar o culto doméstico estamos fortalecendo os laços de amizade e amor com o nosso Deus
- “ela jamais se esqueceu”, diferente de muitos crentes de hoje, que se esquecem de Deus que quando adquirem algum bem material ou posição social logo se esquecem do Senhor e dos irmãos.
- “No momento certo”, no hora certa Ester foi o canal para Deus salvar seu povo, assim hoje muitos filhos estão aprendendo com seus pais em casa e no momento certo no futuro o Senhor os usará em sua obra. Comente com seus alunos se for classe de adultos, que eles podem ter em casa alguém que fará a grande diferença no futuro, um missionário, um grande pregador ou cantor.

2. Santifica e protege a família.
- “tragédias familiares”, isso é consequência do afastamento das famílias do Senhor. Os pais dessa sociedade se lamentam pelas coisas horríveis que ocorrem na sociedade de hoje, mas ele são os primeiros a se oporem quando seus filhos se interessam pela igreja. 
- “das drogas”, a droga de maior destaque na mídia é o crack, devido ao seu efeito altamente destruidor.
- “não encontra espaço”, os filhos se tornam fortes e resistentes às investidas do inimigo. Daniel e seus amigos aprenderam a Palavra de Deus e se tornaram fortes para resistirem às tentações dos manjares de Babilônia. Assim nossos filhos se tornarão fortes para resistirem aos convites desse mundo, um tapinha no cigarro de maconha, um golinho de bebida alcoólica, etc. 

3. Torna a família piedosa.
- “piedoso”, é a qualidade daquele que valoriza a Deus e o obedece.
- “Páscoa”, foi a festa criado por Deus para relembrar aos judeus da sua saída do Egito e dos grandes feitos de Deus naquela ocasião. Hoje em nosso país ela representa a chegada de um coelhinho que bota ovos de chocolate A COISA MAIS IDIOTA DO MUNDO.
- “há voz de júbilo”, voz de alegria, geralmente as família tem seus motivos para se alegrarem, mas fora da presença de Deus eles não vêem isso. O fato de estarmos vivos, com saúde, e unidos faz com que nos alegremos, e somente com Deus nós podemos notar e comemorar isso.
- “de grande valor perante Deus”, quando Deus encontra, em um mundo tão perverso, uma família que o louva e o busca, Ele reserva bênçãos especiais a eles, primeiro espirituais e depois materiais.
________________________________________
CONCLUSÃO
- “quer impor”, o objetivo de Satanás que lidera o sistema mundano é colocar valores mundanos dentro do lar dos crentes para que eles se esqueçam e se afastem de Deus e o triste é que em muitas casas ele tem conseguido isso.
- “a igreja local é fortalecida”, pois os filhos terão uma visão espiritual dessa igreja e passarão a valorizá-la mais, porém quando os filhos não adoram a Deus em casa então a igreja local passa a ser vista por eles como um mero local para uma reunião religiosa.
- “inicie hoje mesmo”, comece de forma simples, pode ser com uma simples oração em família, e aos poucos vá acrescentando elementos, como a leitura de um texto bíblico, depois um louvor, depois uma explanação breve. Dessa forma você vai introduzindo o culto na sua casa e fazendo do lar uma extensão da igreja e um pedacinho do céu.

Marcos André – Superintendente e professor

Boa Aula!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários estão liberados, dessa forma o seu comentário será publicado direto no CLUBE DA TEOLOGIA.
Porém se ele for abusivo ou usar palavras de baixo calão será removido.