sábado, 9 de novembro de 2013

ESCOLA DOMINICAL - Esboço e Subsídio da Lição 6 - Revista da CPAD


AULA EM 10 DE NOVEMBRO DE 2013 - LIÇÃO 6
(Revista: CPAD)

Tema: O exemplo pessoal na educação dos filhos
  
Texto Áureo: Pv 20.07  
  
INTRODUÇÃO
- Amado(a) professor(a), nesta lição direcione o estudo à preocupação com a educação e o exemplo dos pais aos filhos.
- “conjunto de valores, já padronizado”, se refere à lei, foi o que Salomão usou como base na concepção de Provérbios. No nosso caso hoje em dia, usamos os valores morais cristãos.
- “utilizará o exemplo”, professor(a), enfoque bem essa afirmação, pois é parte do objetivo.
__________________________________________
1. A IMPORTÂNCIA DOS LIMITES

1. Satisfazendo necessidades, não vontades.
- “liderar é satisfazer necessidades, não vontades”, os líderes de verdade se preocupam com as necessidades de seus liderados e não com aquilo que eles desejam .
- “deseja que suas vontades sejam imediatamente satisfeitas”, as crianças não tem controle sobre suas vontades, elas acatam a determinação dos pais por instinto.
“A vara e a repreensão dão sabedoria, mas a criança entregue a si mesma, envergonha a sua mãe.”
Provérbios 29:15
- a expressão “entregue a si mesma”, se refere acriança que faz o que quer, sem que os pais lhe deem limites.
 - CONTÉM A RESPOSTA DA QUESTÃO 1, expressa no final do subtópico.

2. Presença versus Agressão.
- “Ele fala sempre aos gritos”, essa é a descrição do pai omisso e autoritário, mas pode-se abordar também o “pai omisso relaxado”, é aquele que até trata bem os filhos, mas não tem tempo pra eles, está sempre ocupado.
“O que não faz uso da vara odeia seu filho, mas o que o ama, desde cedo o castiga.”
Provérbios 13:24 
- “uso da vara”, esse termo não deve ser entendido ao pé da letra, mas o que tem que ser apreendido é o seu sentido genérico, “uso da disciplina” significa corrigir o filho e exigir dele a observância dos princípios estabelecidos.
- CONTÉM A RESPOSTA DA QUESTÃO 2. expressa no meio do tópico.
_____________________________________________
2. ENSINANDO ATRAVÉS DO EXEMPLO (VALORES)

1. Ética da personalidade.
- “relativista”, é a característica do código de conduta, verdade ou ensinamento que depende de elementos externos para sua validade. No relativismo não existe verdade absoluta tudo depende da ocasião e cultura, ou seja, certos pecados são tolerados no relativismo.
- “permissiva”, que é tolerante, que permiti, se refere aos ensinamentos onde quase tudo é permitido.
“Porque da janela da minha casa, olhando eu por minhas frestas,
Vi entre os simples, descobri entre os moços, um moço falto de juízo,”
Provérbios 7:6-7
- “simples”, ingenuidade, o escritor de Provérbios parece apresentar o termo como uma má característica.

- Professor(a), nas lições desse trimestre é importante comentar os versículos de provérbios de referência.

2. Ética do caráter.
- “Ética”, é a parte da filosofia dedicada aos estudos dos valores morais e princípios ideais do comportamento humano perante a sociedade.
- “objetiva transmitir ao seu “filho””, se esse filho for Roboão, então Salomão não conseguiu seu objetivo, pois nos primeiros atos de Roboão ele deixa de ouvir os conselhos dos sábios e ouve o dos jovens, no caso de Jeroboão e a divisão do reino. 1 Rs 12.8
- Aqui vale o seguinte comentário: não adianta ter muito conhecimento e até saber passar esse conhecimento, se não for um bom exemplo para os filhos eles não assimilarão nossos ensinamentos, e sabemos que Salomão em boa parte de sua vida deu um mal exemplo para seus filhos.
“Porque eu era filho tenro na companhia de meu pai, e único diante de minha mãe.
E ele me ensinava e me dizia: Retenha o teu coração as minhas palavras; guarda os meus mandamentos, e vive.”
Provérbios 4:3-4
- CONTÉM A RESPOSTA DA QUESTÃO 3, expressa no meio do tópico.
_________________________________________
3. EDUCAÇÃO INTEGRAL

1. Desenvolvimento mental.
- “discernimento adequado para a vida”, discernimento, significa entendimento, é importante para os jovens entenderem e assim darem a devida importância às questões prioritárias. Atualmente encontramos jovens absortos da vida, como se tudo fosse festa, rede social, e laser, só se despertam para a vida quando sentem a necessidade.
- “valia-se de uma técnica apurada de memorização”, provavelmente o comentarista deduziu isso da condicionante que Salomão dá ao seu interlocutor: “e esconderes contigo os meus mandamentos” em Provérbios 2:1.
“Para fazeres o teu ouvido atento à sabedoria; e inclinares o teu coração ao entendimento;”
Provérbios 2:2 
- “inclinares o teu coração”, significa canalizar as vontades para o entendimento, buscando aprender e praticar.
- Note que os provérbios aqui referenciados visam trabalhar a mente, são conselhos para se ter uma mente sadia, enchendo-a de conhecimento proveitoso.
- CONTÉM A RESPOSTA DA QUESTÃO 4, expressa no início do tópico.

2. Desenvolvimento moral.
- “moral e espiritual do aprendiz”, não basta enchermos nossos filhos de conhecimento, colocando eles nas melhores escolas, é necessário que nos dediquemos a sua vida espiritual.
- Recomendo que você separe um ou dois desses provérbios para apresentar a classe, ou peça para cada um ler um deles, se houver tempo.
- É importante ressaltar que para o aprendizado de nossos filhos a questão do exemplo é fundamental, sem ele nossos esforços serão em vão.
_______________________________________
CONCLUSÃO
- “modelos educacionais”, se refere à educação formal de nosso país e do mundo.
- “inocule”, significa inserir, injetar.
- “nossos pais na fé”, pode estar se referindo aos grandes homens de Deus mencionados na Bíblia Sagrada e também podemos acrescentar os pais da Igreja e até mesmo aqueles que trouxeram o evangelho ao nosso país.
- Para finalizar convém ressaltar que os pais devem dar a devida atenção à educação de seus filhos, para livrá-los das garras do ensino permissivo e relativista que é passado nas escolas seculares.
- Procure ler durante a aula o máximo de referências possíveis.
- Prepare o resumo do que foi mais importante em cada tópico.
- Minhas dicas de respostas devem ser encontradas no conteúdo da revista da EBD.
- A RESPOSTA DA QUESTÃO 5, é pessoal.

Marcos André – Superintendente e professor

Boa Aula!

2 comentários:

  1. Na próxima lição, sobre a arrogância, sugestivo citar duas frases eclesiásticas, comuns que caracterizam essa atitude dentro da igreja, a saber:

    "As portas estão abertas quem não está satisfeito!"

    "Pode ir embora da igreja um dizimista que Deus manda três!"

    Pois é, nada parecido com João 15 "elas ouvem a sua voz..."

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito interessante isso varão. Vou procurar usar na próxima aula.
      Paz.

      Excluir

Todos os comentários estão liberados, dessa forma o seu comentário será publicado direto no CLUBE DA TEOLOGIA.
Porém se ele for abusivo ou usar palavras de baixo calão será removido.