sábado, 4 de junho de 2016

ESCOLA DOMINICAL BETEL ESBOÇO - Subsídio da Lição 10 - Revista da Editora Betel


AULA EM 05 DE JUNHO DE 2016 – LIÇÃO 10
(Revista: Editora Betel)

Tema: bondade: a prática do amor sem expectativa de recompensa

Texto Áureo: Romanos 15.14

DEVIDO À ALGUNS PROBLEMAS, OS ESBOÇOS ESTÃO SENDO PUBLICADOS DE FORMA RESUMIDA NESSE FIM DE SEMANA
  
INTRODUÇÃO
- Querido(a) professor(a), passe aos alunos que essa é a ultima das três características que dizem respeito ao próximo e por isso é necessário amor ao próximo. 
- “determina uma ação mais imediata”, a bondade parece ser o mesmo que benignidade, mas o comentarista dá a ideia de que bondade está associada às práticas da pessoa e que a benignidade está associado à característica.
- “independente de alguma recompensa”, assim como o amor de Deus opera sem esperar nada em troca, também a bondade não espera nenhuma recompensa.
__________________________________________
1. FAZENDO O BEM E DESPREZANDO O MAL

1.1. Um ato de bondade transforma uma vida
- “uma recompensa divina”, quando temos bondade em nossa vida não esperamos recompensas dos homens porém sabemos que o Senhor nos recompensará.
- “maior de todas as bênçãos” oferecidas à humanidade”, se refere à salvação da alma.

1.2. Ser bom é ser generoso
- “através do amadurecimento do fruto”, note que é preciso primeiro amadurecer o fruto do Espírito, por isso entendemos que ninguém se torna bom de um momento para o outro, é preciso haver amadurecimento do fruto.
- “a recompensa para sua vida também virá”, porém a pessoa não pode praticar a bondade com esse intuito, mas deve praticar por ser bom.

1.3. Apresentar os padrões bíblicos é um ato de bondade
- “aliando esse estilo de vida a uma vida próspera”, quer dizer que os meios de comunicação denominado mídia associa a vida sem Deus a uma vida livre e de bem estar. Devido às barbáries que grupos religiosos fazem pelo mundo, os que professam a fé em Cristo são vistos como presos ao fanatismo.
_____________________________________________
2.  DESFRUTANDO DA BONDADE DE DEUS
2.1. A Bondade de Deus produz vida
- “perdeu tudo o que havia recebido”, porém a maior perda que o ser humano sofreu foi a da presença de Deus. O primeiro casal foi expulso da presença do Senhor.
- “faz parte da essência de Deus”, quer dizer que se o ser humano pratica o bem, então ele começa a ficar parecido com os homens de Deus.

2.2. A humanidade e a bondade de Deus
- “Sua generosidade é sem medida”, isso porque Deus abençoa o ser humano mesmo depois da queda.
- “proporcionou que tivéssemos saúde”, quer dizer que ter vida e ter saúde é uma benção do Senhor, devemos estar sempre gratos. Quando o ser humano não reconhece isso ele está agindo com ingratidão.
- “deve ser compartilhada”, quando atribuímos a Deus nossas bênçãos e agimos com generosidade, passamos a anunciar o nome de Cristo sem palavras.
2.3. Liberalidade é bondade
- “arma mais perigosa: a mentira”, Além da mentira, Satanás ainda pode disfarçar a mentira falando uma verdade, pois ele afirmou também que o ser humano seria conhecedor do bem e do mal, isso era uma verdade para sustentar a mentira de que Deus temia que o homem viesse a conhecer os mistérios.
- “Deus humanizado”, se referindo a Cristo, é claro.
- “Autorizou Paulo a mostrar”, nem tudo que foi revelado a Paulo foi autorizado a ser mostrado, pois está guardado para a redenção do homem. O ser humano não suportaria todo conhecimento dos mistérios do Reino.
________________________________________
3. Lições práticas

3.1. Ser bom é abrir mão do nosso eu
- “essas três características”, se referindo as três ultimas características do fruto do Espírito estudas: longanimidade, benignidade e bondade.
- “abrir mão de nós mesmos”, essas características afetam o nosso ego diretamente, pois para praticá-las é necessário se renunciar em prol do próximo.
- “relacionar...fora dos padrões”, só os crentes não libertos fazem isso, infelizmente alguns crentes possuem a carteira da igreja, mas ainda não são transformados.
3.2. O fruto promove a santificação
- “diante do Senhor por toda eternidade”, o período que passamos nesse mundo é como um aprendizado com seus testes para nos aperfeiçoar para a eternidade, a santificação é a conduta que possibilitará isso.
- “informações negativas”, os meios de comunicação de jornalismo investem mais em notícias ruins do que qualquer outra coisa, isso gera um clima desanimador.   

3.3. Permanecendo naquilo que aprendemos
- “desafiar todos os conceitos”, os conceitos atuais são um pouco diferentes dos antigos, mas de forma genérica são parecidos, pois a cibercultura tornou fácil fazer aquilo que as culturas anteriores já tentavam fazer, que criar relacionamentos superficiais e sem vínculos de intimidade. Assim ocorre com o advento das redes sociais.

CONCLUSÃO
- Professor(a), procure resumir o que foi ensinado e passe com os alunos ponto a ponto.
- Corrija o questionário.

Marcos André – professor

Boa Aula!

SE VOCÊ QUER AJUDAR ESSA OBRA, ENTÃO CLIQUE NO ANÚNCIO ABAIXO!

Um comentário:

  1. BONDADE; ANTONIMO DE MALDADE

    Quando o homem caiu em pecado tornou-se um ser duro de coração, quando nosso professor fala dos noticiários que predominam são os coisas ruins, não é simplesmente porque o repórter ou o canal de comunicação preferem noticiar esse tipo de assunto, mas é porque é esse tipo de noticia que sacia o desejo da maioria das pessoas. Como foi noticiada nesta semana uma criança de dez anos sendo assassinada por um policial, abri os comentários das pessoas sobre esta triste noticia e percebi a satisfação de muitos, e é possível que até muitos “cristãos” se sintam realizados com acontecimentos desse naipe, isso não é outra coisa; é ausência do bem, é MALDADE. Quando lemos sobre o que acontecia no coliseu em Roma, vemos o prazer que as pessoas tinham em ver seres humanos se autodestruindo, a alegria que eles tinham em ver um leão estraçalhando um cristão indefeso, percebemos nisso a falta do amor de Deus em seus corações, aí nos perguntamos, será que isso só era naqueles dias? Não. A ausência do bem está impregnada no coração do homem, e é justamente a proposta de Deus através do fruto do espírito retornar o homem ao seu estado original, e esta mudança só podem acontecer por intermédio do espírito santo. Deixando, pois, toda a malícia, e todo o engano, e fingimentos, e invejas, e todas as murmurações,
    Desejai afetuosamente, como meninos novamente nascidos, o leite racional, não falsificado, para que por ele vades crescendo;
    Se é que já provastes que o Senhor é benigno;

    1 Pedro 2:1-3 Revesti-vos, pois, como eleitos de Deus, santos e amados, de entranhas de misericórdia, de benignidade, humildade, mansidão, longanimidade;
    Suportando-vos uns aos outros, e perdoando-vos uns aos outros, se alguém tiver queixa contra outro; assim como Cristo vos perdoou, assim fazei vós também.
    E, sobre tudo isto, revesti-vos de amor, que é o vínculo da perfeição.
    Colossenses 3:12-14
    Nesses versículos e em muitos outros vemos a proposta de Deus para refazer a sua criatura mater., pois o pecado a deformou.
    Que Deus na pessoa do seu filho através do seu espírito, faça crescer em nossos corações a bondade, e que possamos ser tão bom para o nosso semelhante o quanto ele foi para nós. 33 Não devias tu, igualmente, ter compaixão do teu companheiro, como eu também tive misericórdia de ti?
    Abraço forte; Ev. Evaldo Barbosa

    ResponderExcluir

Todos os comentários estão liberados, dessa forma o seu comentário será publicado direto no CLUBE DA TEOLOGIA.
Porém se ele for abusivo ou usar palavras de baixo calão será removido.