INICIE CLICANDO NO NOSSO MENU PRINCIPAL



__________________________________________________________________

quarta-feira, 7 de setembro de 2016

ARTIGO - O Rei dos Judeus Crucificado



A morte de cruz era uma punição romana e era humilhante, não bastava a pessoa ser executada, primeiro ela era humilhada, era despida de suas roupas e devia carregar o madeiro do local da condenação até o local da execução passando por dentro da cidade, sempre com a ideia de mostrar o que o império faz com aqueles que se opõem a ele. Os casos de rebelião eram os que os romanos mais puniam com essa pena. Foi exatamente esse que do qual Jesus foi acusado.  

Isso era uma forma do governo romano dizer para os moradores das províncias o que acontece com aqueles que perturbam a paz nas cidades do império.

A acusação era pregada na cruz, para que todos vissem o motivo pelo qual a pessoa foi condenada e desistissem de fazer o mesmo, Jesus foi o único caso no qual não foi pregado o que Ele fez, mas sim o que, de fato Ele é:
“JESUS NAZARENO, O REI DOS JUDEUS”, Jo 19.19

Pilatos escreveu essa frase para provocar o fariseus, pois ele estava apenas executando Jesus para acalmar os ânimos, porém ele não sabia que estava escrevendo naquela cruz a maior verdade do universo. A verdade que amedronta o mundo e os judeus até hoje.

Pr Marcos André
licks1996@gmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários estão liberados, dessa forma o seu comentário será publicado direto no CLUBE DA TEOLOGIA.
Porém se ele for abusivo ou usar palavras de baixo calão será removido.