sexta-feira, 21 de outubro de 2016

ESCOLA DOMINICAL BETEL ESBOÇO - Subsídio da Lição 4


AULA EM 23 DE OUTUBRO DE 2016 – LIÇÃO 4
(Revista: Editora Betel)

Tema: O culto cristão: um ato sagrado 

Texto Áureo: Sl 89.7
  
INTRODUÇÃO
- Querido(a) professor(a), nesta lição trabalhe as perguntas, para os alunos participarem essa aula é muito importante.
- “culto é como uma gota de orvalho em busca do oceano”, a palavra “culto” significa adoração ou homenagem a Deus, do Latim, cultu.  Na metáfora de forma poética o comentarista coloca culto como gota de orvalho e o oceano seria Deus.
- “alma faminta diante do celeiro espiritual”, todo ser humano tem necessidade de Deus, porém o adorador sente algo parecido com uma fome espiritual.
- “balindo em busca do Bom Pastor”, balir é o som que a ovelha faz, como o mugido. Em linguagem metafórica nós somos a ovelha e Jesus é o Bom Pastor, por isso esta com letras maiúsculas.  
__________________________________________
1. As bases bíblicas do culto cristão
- “co..

1.1. Vocabulário bíblico para adoração.
- “significado principal é “serviço” ou “culto””, o culto prestado no Templo em Jerusalém tinha uma total característico de serviço, sendo carregado de rituais e significados, o culto prestado agora no tempo da Graça tem característica de alegria e adoração, não perdendo a parte ritualística, apenas se diminuiu os aspectos legalistas.
- “através do oferecimento integral da vida”, o culto é uma declaração de entrega a Deus e como o ser humano foi criado para esse fim, todo mundo se sente bem após um período de adoração.
- “No Antigo Testamento, referia-se ao serviço oferecido a Deus pelo sacerdote”, era a forma como o sacerdote trabalhava, atualmente se refere a forma como adoramos ou formato do culto. A palavra liturgia serve para designar os eventos da cerimônia de culto ao Senhor.

1.2. Bases teológicas do culto.
- “se fundamenta na nova aliança”, professor(a), aproveite para perguntar aos alunos que nova aliança é essa? Aceite como resposta, a aliança em Cristo Jesus!
Você pode pedir para alguém citar um versículo de Hebreus 8 que comprove isso. Veja esse:
“Porque, repreendendo-os, lhes diz: Eis que virão dias, diz o Senhor, Em que com a casa de Israel e com a casa de Judá estabelecerei uma nova aliança,” Hb 8.8
- “sacrifício de louvor”, não mais sacrifício pelo pecado, pois o sacrifício pelo pecado foi pago por Cristo na cruz. Pelo pecado só nos cabe o arrependimento e recorrer ao advogado fiel. 1 Jo 2.1
A expressão "sacrifício de louvor" dá a ideia de pagar um preço pela adoração, assim como era no culto do Antigo Testamento. Jesus pagou um alto preço por nós, é justo que paguemos também um preço para o adorar, como disse um certo adorador: Não oferecerei a Deus holocaustos (sacrifícios) que não me custem nada.
- “O culto é mediado por Jesus Cristo”, em contraposição ao Antigo Testamento, onde o culto era mediado por sumo sacerdote humano.
- “sacerdotes de Deus, isto é, pessoas cujo culto Deus aceita”, no Antigo Testamento Deus não recebia o sacrifício diretamente da mão das pessoas do povo, era sempre intermediado por um sacerdote.
- “para que se comporte eticamente durante o culto”, por não saberem dessas coisas atualmente há muita irreverência e desrespeito durante os cultos.

1.3. Os pré-requisitos do culto.
- “cumprimento de um ritual não basta para que haja culto”, o ritual é a forma com se faz o culto, por exemplo, cantar os hinos da Harpa, Palavra devocional, etc, são rituais, mas só isso não basta.
- “aceitação por Deus do culto oferecido”, o culto está ocorrendo a medida que Deus recebe a nossa adoração, infelizmente não são poucos os que vão a casa de Deus não para cultuar, mas somente para pedir.
- “transforma o ritual em exercício unilateral”, o exercício unilateral é o que é feito por uma só pessoa.
- “envolvimento total da vida”, a pessoa não deve ser adorador somente no culto, na hora da reunião, é preciso não tomar a forma do mundo.
- “deve ser dirigido a Deus”, é preciso tomar cuidado com alguns cultos comemorativos, como aniversário de pastores, por exemplo.
- “modelado pelo ensino bíblico”, o ensino da Palavra de Deus conduz a igreja à correta adoração. A falta do ensino bíblico tem levado muitas igrejas a agregarem doutrinas humanas no culto.
- “mediado por Cristo”, sendo Jesus o único mediador entre Deus e o homem, então tudo que se faz no culto é em direção a Ele para que o Pai receba.
_____________________________________________
2.  A necessidade e essência do culto 
- “esforço para manter interesse por uma coisa pela qual não temos o mínimo de interesse”, muitas pessoas que ainda não tiveram um encontro de verdade com Cristo, por isso ficam entediadas no culto e então vem os pastores que tem medo de a igreja ficar vazia e acrescentam os atrativos no culto.

2.1. A necessidade do culto.
- “No culto, o homem acha a razão da sua existência”, conhecer isso exerce um efeito psicológico na pessoa, pois ela encontra uma razão de tudo no mundo, tudo passa a fazer sentido.
- “o homem não encontra o sentido para vida”, sem um sentido para a vida o ser humano pode ser acometido de várias enfermidades psicossomáticas, como depressão, síndrome do pânico, etc.
- “louvar, orar e pregar a palavra, ela simplesmente obedece”, quer dizer que o culto é um ato de obediência e significa dizer também que não cultuar é desobedecer, simples assim.
- “O perdão restaura a capacidade de adorar”, se referindo ao perdão que Deus nos dá pelo sacrifício de Cristo e também pode ser o perdão que damos ao nosso próximo.

2.2. A essência do culto. 
- “A essência da adoração é o amor”, o amor de Deus por nós é maior exemplo de amor que devemos ter, quando nos aproximamos de Deus somos contagiados pro Seu imenso amor e passamos demonstrar isso com o próximo.
- “impossível adorar a Deus sem amá-lo”, a pessoa pode até sentir uma emoção na hora do culto, mas sem amor ao Senhor fica somente nisso.

2.3. Amor integral da mente.
- “capacidade de pensar e refletir religiosamente”, significa pensar acerca das coisas do Reino e dentro do contexto da Palavra de Deus.
- “Este entendimento é dádiva divina”, quer dizer que é Deus quem dá o conhecimento acerca do Seu Reino nas Escrituras. A pessoa pode conhecer a Bíblia inteira, mas só pode ver Deus na Bíblia pelo Espírito Santo.
- “Amar a Deus com entendimento”, seria o mesmo que dizer amar a Deus e o adorar sabendo o que está fazendo.
- “expressa-se no serviço prestado por meio do coração”, embora o nosso amor resida no coração ele é expressado em obras de serviço a Deus. Uns trabalham por interesse ou para aparecer, mas o verdadeiro cristão trabalha por amor.
________________________________________
3. A reverência no culto 
- “muitas as bênçãos que podemos receber”, bênçãos espirituais.
- “Participar com espírito de reverência”, espírito de respeito, disciplina e honra ao Senhor.

3.1. Razões para a reverência.
- “Não existem sistemas, ordens ou poderes que superem esse Reino”, é Reino Espiritual, que no devido tempo assumirá o controle total, tanto no plano espiritual quanto no plano físico.
- “uma das razões pelo qual devemos prestar uma reverência”, assim como respeitamos as autoridades dos reinos humanos. Um juiz ao adentrar a sala de audiência todos devem ficar de pé, um comandante militar ao chegar a um local de cerimônia todos os militares ficam em atenção. Devemos ter igual reverência ao Senhor.
- “e reverenciamos mais aos homens”, se refere ao respeito que damos às autoridades civis fora e também nas reuniões cristãs. É triste ver alguns cristãos que se comportam com o maior respeito diante de um político e não reverencia a Deus no culto, fica conversando, disperso, transitando na igreja, etc.

3.2. Atitudes reverentes.
- “mantenhamos uma atitude consentânea com o local de adoração”, consentâneo, é aquilo que se adéqua perfeitamente, que está de acordo ou que se enquadra.
- “em qualquer reunião em que o Seu nome seja cultuado”, ainda que essa reunião seja de dois ou três, como o Senhor não falou nada a respeito do local da reunião então e reverência que devemos prestar a Ele deve ser em todo lugar onde tiver dois ou três reunidos em seu nome.
- “A movimentação desnecessária”, em um culto não se deve andar desnecessariamente, apenas os obreiros devem fazer o serviço necessário.
- “as leituras desnecessárias e outras modalidades de irreverências”, leituras desnecessárias pode se referir a uma revista, livros ou até mesmo um texto da Bíblia que não tenha a ver com a passagem lida. E “outras modalidades’ podem ser tabletes ou celulares que muitos irmãos atualmente portam dentro da igreja.
Um tablet ou celular sendo usado para ler a Bíblia não deve ser reprimido, porém sabemos que muitos pastores não aceitam o uso da Bíblia nesses aparelhos, nesse caso deve-se respeitar o pastor local e usar uma Bíblia impressa.
- “devem ser proscritas”, devem ser banidas, proibidas, etc.

3.3. Um culto reverente.
- “Se, na presença do Altíssimo, não demonstrarmos”, lembrando que um dia compareceremos diante da presença do Altíssimo no céu. Enquanto isso estamos ensaiando aqui como será essa apresentação.
- “não estaremos cultuando verdadeiramente”, uma coisa é ir a à igreja e a outra é cultuar, infelizmente alguns irmãos vão à igreja, mas não comparecem para o culto.

CONCLUSÃO
- “acompanhado de uma ética cultual”, não é cultuar da maneira que cada um entende, mas sim da maneira que a Palavra ensina.
- “reverência peculiar do verdadeiro adorador”, é uma reverência própria, que não é forçada, pois o verdadeiro adorador já honra a Deus naturalmente, sem que precise alguém mandá-lo fazer.
- Faça o resumo para a revisão e corrija o questionário.

QUESTIONÁRIO

1. Em que se fundamenta a adoração cristã?
R: a nova aliança (Hb 8).

2. Como expressamos o amor a Deus?
R: No serviço prestado por meio do coração (1Co 13.3).

3. Qual a maneira correta de participarmos do culto?
R: Com espírito de reverência (Hb 12.28).

4. O que é impossível para o Reino de Deus?
R: Ele ser abalado (Hb 12.28).

5. O que Deus valoriza?
R: O adorador sincero e reverente (Ec 5.1).

Marcos André – professor

Boa Aula!

SE VOCÊ QUER AJUDAR ESSA OBRA, ENTÃO CLIQUE NO ANÚNCIO ABAIXO!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários estão liberados, dessa forma o seu comentário será publicado direto no CLUBE DA TEOLOGIA.
Porém se ele for abusivo ou usar palavras de baixo calão será removido.