terça-feira, 3 de janeiro de 2017

ESCOLA DOMINICAL CPAD ESBOÇO - Subsídio da Lição 2


AULA EM 8 DE JANEIRO DE 2017 – LIÇÃO 2
(Revista: CPAD)

Tema: O propósito do Fruto do Espírito

Texto Áureo: Mt 3.8
  
INTRODUÇÃO
- Professor(a), nesta lição fala a respeito da vida cristã prática, que é a melhor forma de demonstrar o fruto do Espírito Santo.
- “que podem ser utilizados para designar nossas ações e motivos”, seria aquilo que produzimos com nossas atitudes, ou as consequências delas.
- “para nos ensinar o valor de uma vida frutífera”, sendo Ele mesmo o maior exemplo de vida Cristã, muitos crentes não tomam Jesus como exemplo para seus atos, até pregam o que Ele ensinou acerca de perdão e amor, mas na verdade poucos cristãos agem como Jesus agia.
- “Nós somos fruto do sacrifício de Cristo”, somos o que Jesus produziu com sua atitude de amor, devemos também produzir frutos com atitudes semelhantes de amor ao próximo.
_______________________________________
I - A VIDA CONTROLADA PELO ESPÍRITO

1. O que significa ser controlado pelo Espírito? 
- “diariamente, não somente aos domingos”, chega a ser impressionante como alguns irmãos não conseguem aplicar o que se fala nas pregações e estudo fora da igreja, parecem ter o fruto somente aos domingos. Alguns chegam enaltecer a pregação ou o louvor, mas não executam nada do que se fala ali.
- “precisamos cumprir o imperativo bíblico”, é algo que é imposto como uma ordem, veja:
“E não vos embriagueis com vinho, em que há contenda, mas enchei-vos do Espírito;” Ef 5.18 não é uma simples ordem contra a bebida, mas sim uma ordem para se encher do Espírito Santo.
- “O verbo encher aqui remete também a ser controlado”, pode ser também ocupar todo o espaço interior com o Espírito Santo para que não sobre nenhum espaço para as coisas do mundo.
- “mais preocupados com os bens desse mundo”, se refere ao falso evangelho que ensina a busca por bênçãos materiais em primeiro lugar. É a teologia da prosperidade pregada em muitas igrejas principalmente as que estão na mídia.

2. Um viver santo.
- “uma compreensão melhor de Deus e do seu Reino”, quando alguém entende o propósito da salvação e valor de vida cristã, dificilmente se afasta da presença de Deus. Por isso a necessidade do estudo e da consagração.
- “mesmo habitando em um mundo corrompido pelo pecado”, a melhor prática da santidade é estar nesse mundo cheio de imundície e não se contaminar com ela.
- “um determinado nível de maturação”, ou seja, ela tem que crescer, assim como o crente precisa crescer na graça e conhecimento.
- “ele se torna vulnerável ao pecado e a todo vento de doutrina”, os novos convertidos aceitam melhor a repreensão e as crianças também, mas o crente com tempo de igreja e que permanece imaturo rejeita a repreensão e isso faz com que ele seja levado por esses ventos de doutrina.
- “astúcia dos que alegam falar em nome de Deus”, alguns desses astutos chegam a adentrar em igrejas e casas ensinando novas doutrinas e práticas de revelação e curas estranhas ao Evangelho de Jesus e arrastam a muitos incautos.

3. A verdadeira comunhão.
- “Então invista tempo no seu relacionamento com Ele”, os teóricos da prosperidade convencem as pessoas a investirem dinheiro no Reino de Deus, quando na verdade o melhor investimento no Reino de Cristo é “tempo”. As pessoas não têm mais tempo para Deus e sua obra, preferem tudo rápido ou pronto.
Peça a alguém para ler:
“Então conheçamos, e prossigamos em conhecer ao Senhor; a sua saída, como a alva, é certa; e ele a nós virá como a chuva, como chuva serôdia que rega a terra.” Os 6.3
- “Ore, jejue e adore ao Senhor”, essa e a chamada vida devocional e a melhor prática dela é fora da igreja, em casa.
- “evidenciarão que o Pai habita em nós”, quer dizer que todos poderão ver a presença de Deus em nossa vida.
- “os discípulos precisariam desse revestimento de poder”, o comentarista está se referindo ao batismo com o Espírito Santo ocorrido no dia de Pentecostes, porém há uma discussão antiga sobre isso. A maioria dos estudiosos afirmam que o fruto do Espírito não vem desse revestimento ocorrido no dia de pentecostes e a prática nos mostra isso, pois há muitos crentes que evidenciam os dons espirituais se darem o testemunho do fruto do Espírito.
_________________________________
II - O FRUTO DO ESPÍRITO EVIDENCIA O CARÁTER DE CRISTO EM NÓS

1. O que é caráter? 
- “qualidade inerente a um indivíduo, desde o nascimento”, o caráter é um dos elementos que forma a personalidade e que pode ser moldado durante a vida do indivíduo.
- “identificam o caráter de Cristo em nós”, Cristo tem um caráter próprio Dele e que pode influenciar o nosso caráter se deixarmos o Espírito Santo habitar em nós. Então passamos a praticar as mesmas obras de Jesus.
- “passa por uma transformação interior”, é o Santo Espírito entrando na alma da pessoa e fazendo uma faxina interna colocando tudo no seu devido lugar.
- “uma nova maneira de pensar e agir”, a pessoa passa a ter uma nova concepção das coisas e passa a ver as pessoas e situações de forma diferente, pela ótica divina, ou seja, ela passa aos poucos a ter um coração segundo o coração de Deus.

2. Caráter gerado pelo Espírito Santo.
- “faz com que a nossa natureza adâmica seja destronada”, o Espírito Santo vai moldando o crente à natureza divina. Coisas que até então a pessoa não se importava começa a se importar e assuntos que não gostava de falar passa a gostar, e por aí vai.
- “temos condição de negarmos a nós mesmos”, a pessoa passa a ter condições de negar a vontade da carne, de praticar as suas obras.
- “mas para nos transformar”, essa transformação é o que realmente importa, pois nos capacita a morar no céu.
- “muitos não dão lugar ao Espírito”, aqui está se referindo a deixar o Espírito trabalhar na sua vida, porém no meio pentecostal o “dar lugar ao Espírito” pode significar deixar Ele usar a pessoa nos dons espirituais.

3. Um novo estilo de vida.
- “muitos estão pregando um pseudoevangelho”, é o falso evangelho, fraude, que tem aparência de Evangelho de Cristo, mas é do diabo.
- “não exige mais renúncia e nem mudança de vida”, não importa a vida espiritual da pessoa, mas sim a sua capacidade de consumir, de ofertar, de dizimar e de fazer número.
- “têm roupas de ovelhas, mas são harpagês”, harpagês é uma grega que significa ganancioso, avarento, deriva no português para "harpagão” mesmo significado, ou seja, avarento, o que tem interesse de conseguir dinheiro, de explorar o rebanho.
- “mas por aquilo que é. Suas ações precisam revelar”, porém só mantendo uma certa proximidade com esses crentes é que podemos identificar os falsos cristãos.
___________________________________________
III - TESTEMUNHANDO AS VIRTUDES DO REINO DE DEUS

1. O propósito do fruto.
- “para revelar Cristo ao mundo”, a vida do servo de Cristo é um constante anuncio do Evangelho e isso o crente pode fazer de várias formas falando, aconselhando, visitando, mandando mensagem, telefonando ou dando um bom testemunho.
- “em meio a uma sociedade comprometida pelo pecado”, o convite do Espírito Santo é para dar o bom testemunho, viver santo e justo fora da igreja, fazer isso dentro da igreja é muito fácil, porém fazer fora da igreja é mais difícil.
- “e não viver segundo os princípios do Reino”, em pleno século XXI esse parece ser o maior problema das igrejas, crentes nominais, se dizem cristãos, porém não vivem no princípio do Reino.

2. Uma vida produtiva.
- “para que não seja arrancado, ceifado”, peça a um aluno para ler o texto:
“Toda a vara em mim, que não dá fruto, a tira; e limpa toda aquela que dá fruto, para que dê mais fruto.” Jo 15.2 , a igreja não lança a pessoa fora, mas a própria pessoa não sente mais a presença de Deus. Esses crentes infrutíferos não buscam mais a Deus, querem outras coisas menos Deus.
- “ou sua vida está como um galho seco?”, a pessoa que passa anos na igreja e não consegue falar do amor de Jesus para ninguém está enquadrado nessa pergunta. Deve rever seus conceitos cristãos.

3. O que fazer para manter a produtividade?
- “precisa adubar a terra, regar as sementes e retirar as ervas daninhas”, isso é tratar a plantação, investir tempo e recursos nela.
- “um Pai que cuida de nós para que venhamos a frutificar”, Deus investiu muito em nós e cuida dos seus filhos, no texto de referência afirma que Ele limpa as varas que produzem frutos, para continuarem produzindo.
- “algumas vezes somos “podados””, a poda ocorre quando existem muitos galhos improdutivos na planta, assim algumas áreas na vide de alguns crentes estão improdutivas e assim o Senhor precisa podar, cortar algumas atividades do seu povo.
- “que venhamos nos tornar pessoas mais fortes”, são nas aflições os crentes buscam mais a Deus, oram mais, jejuam e leem a Bíblia, por isso ficam mais fortes.
____________________________________
CONCLUSÃO
- “para isso precisamos estar ligados à Videira”, estar ligado a Videira é estar em Cristo, Ele mesmo disse:
“Eu sou a videira verdadeira, e meu Pai é o lavrador.” Jo 15.1
“Se vós estiverdes em mim, e as minhas palavras estiverem em vós, pedireis tudo o que quiserdes, e vos será feito.”, Jo 15.7
- “assim sereis meus discípulos”, quer dizer que aquele que chegou o tempo de dar fruto e não produz, não pode ser discípulo do Mestre.
- Faça uma revisão da aula com os alunos.
- Não deixe de corrigir o questionário.

Respostas:
   
O que significa ser controlado pelo Espírito Santo?
Significa ser cheio do Espírito Santo diariamente.

Segundo a lição, o que é necessário para que a planta produza frutos?
Para que uma planta produza frutos ela precisa alcançar um determinado nível de maturação.

O que os discípulos precisavam para produzir bons frutos e dar continuidade a obra de Jesus?
Os discípulos precisariam ser revestidos de poder.

Como podemos identificar uma árvore?
Através dos seus frutos.

O que é caráter?
Segundo o Dicionário Houaiss, é a “qualidade inerente a um indivíduo, desde o nascimento; temperamento, índole”.

Pr Marcos André – professor
Boa Aula!

SE VOCÊ QUER AJUDAR ESSA OBRA, ENTÃO CLIQUE NO ANÚNCIO ABAIXO! 

10 comentários:

  1. Paz Deus abençoe por esse conteúdo muito edificante.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Feliz Ano novo pastor Marcos André! Que Deus continue te usando nesse ministério da palavra! Que 2017 seja ano de conquistas e vitórias na sua vida, na sua família, no seu ministério! Abração. A Paz do Senhor Jesus! São os sinceros votos da Dupla Mirielli e Welder de Vitória - ES

      Excluir
    2. Amém irmã Mirielli e irmão Welder, é bom contar com irmãos e irmãs como vocês, estou fechando a agenda pra 2017, se o ministério aí quiser a gente leva a Palavra aí. Vitória é perto do Rio.
      Obrigado pela consideração de vocês para com o nosso ministério.

      Paz de Cristo

      Excluir
  2. Por que eu nao acho o significado da palavra harpagês

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É porque ela é uma palavra grega, que significa ganancioso ou avarento.

      Excluir
  3. Parabéns meu irmão que o Espírito Santo de Deus continua usando vc muito bom esse conteúdo.Deus e contigo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado por apreciar nosso trabalho irmão Jacó, Deus está no controle e tem bençãos para todos nós.

      Pr Marcos André - Editor

      Excluir
  4. Muito bom Pr Marcos André este teu trabalho ajuda muito e é muito edificante que Deus continue te abençoando neste trabalho.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amém varão, paz de Jesus obrigado pelas palavras de incentivo.

      Pr Marcos André - Editor

      Excluir

Todos os comentários estão liberados, dessa forma o seu comentário será publicado direto no CLUBE DA TEOLOGIA.
Porém se ele for abusivo ou usar palavras de baixo calão será removido.