sábado, 6 de maio de 2017

ESCOLA DOMINICAL CPAD ESBOÇO - Subsidio da Lição 6


AULA EM 7 DE MAIO DE 2017 – LIÇÃO 6
(Revista: CPAD)

Tema: Jônatas, um exemplo de lealdade

Texto Áureo: 1 Sm 18.3
  
INTRODUÇÃO
- Professor(a), nesta lição ensine sobre as qualidades desse homem que nutriu uma amizade verdadeira com Davi.
- “pouca coisa herdou de seu genitor”, Saul foi um rei bom no início, porém sua coragem logo deu lugar a vaidade, a arrogância e por último o ciúme.
- “um guerreiro cheio de coragem e determinação”, poucas vezes é mencionado os feitos de Jônatas, os pregadores se ocupam de falar de Davi e outros, mas Jônatas possuía qualidades incomuns.
- “virtudes indispensáveis a um homem de Deus”, quem faz a obra de Deus deve fazer manutenção dessas qualidades em sua vida. Pois o Senhor
_______________________________________
I - CIRCUNSTÂNCIAS QUE UNIRAM JÔNATAS E DAVI

1. Quem era Jônatas.
- “todas as condições para ser o substituto do pai”, note que Deus não escolheu ele para ser rei, embora tivesse condições para tal, com isso sabemos que Deus tem opções porém só escolhe a alguns para certas tarefas.
- “já fora provada, quando, em Micmás, derrotou toda uma guarnição”, houveram outros episódios, porém esse ficou registrado na Palavra, veja:
“E sucedeu esta primeira derrota, em que Jônatas e o seu pajem de armas feriram uns vinte homens, em cerca de meia jeira de terra que uma junta de bois podia lavrar.” 1 Sm 14.14
- “com a ajuda de seu fiel escudeiro”, o escudeiro era a pessoa que carregava as armas e o escudo dos valentes, geralmente só os nobres reis e filhos de reis possuíam escudeiros. Isso deixavam eles mais eficientes na batalha, pois não estavam cansados no momento da luta.

2. Uma batalha que mudou a história.
- “estavam do lado oposto do vale, também sobre um monte”, o exército ficava no monte para ter o comandamento visual do campo de batalha, pois naquele tempo não havia artilharia, catapulta ou lançadoras, para acertar o exército no monte.
- “campeão de seu povo, desafiava os exércitos de Israel”, a ideia era abalar psicologicamente e resolver a questão com um único combate, onde os filisteus tinham certeza que venceriam.
- “O clima de medo prenunciava a provável derrota”, antes da derrota vem a entrega do ânimo, aquele momento em que a pessoa fala: “perdi!”. O problema é quando a pessoa fala isso antes da luta começar.

3. A presença de Davi.
- “para seus irmãos e para o chefe do exército”, para o chefe do exército era para que ele deixasse Davi chegar a seus irmãos. Davi se envolveu na situação por acaso.
- “Com permissão do rei, e confiando em Deus”, não se sabe ao certo porque Saul permitiu Davi enfrentar o gigante se ele mesmo não acreditava que Davi poderia ganhar a luta.
- “E com uma única pedra derrubou o gigante,”, se escolheu cinco pedras é porque não sabia exatamente o que Deus iria fazer, ele contava que deveria lutar mais um pouco até a vitória.
- “Um exército inteiro posto em fuga”, eles fugiram com o moral no chão após ver seu maior guerreiro ser vencido em combate.
_________________________________
II - UMA AMIZADE APROVADA POR DEUS

1. Jônatas torna-se amigo de Davi. 
- “com o uso de uma simples funda”, o uso dessa arma que não era de guerra, fez com que ficasse em evidência o poder de Deus. Deus faz assim com seus servos usa os incapazes com ferramentas escassas, desde que eles se apresentem e se esforcem na luta.
- “um sentimento de amizade e de amor fraternal”, Jesus foi quem falou do valor de uma amizade, quando se encontra um amigo de verdade passamos a valorizar até mais do que ao próprio irmão.
- “cria circunstâncias ou muda circunstâncias”, Deus cria condições para que façamos a Sua obra e cumpramos o Seu chamado, fecha algumas portas e abre outras, Ele faz isso com aqueles que O escolheu como Senhor.


2. Uma amizade fiel e duradoura.
- “com expressão tocante os sentimentos de Jônatas por Davi”, alguns em decorrência disso apregoam que Jônatas e Davi tivesse algum tipo de relação homossexual, sem nenhuma base bíblica e acreditar nisso é acreditar em contradição da Bíblia, pois ela traz leis contra a homossexualidade.
- “como sentiu no seu íntimo que deveria nutrir por ele profunda amizade”, o trabalho na obra de Deus nos proporciona fazer grandes amizades que nos ajudarão a vencer. Alguns buscam amizades no meio ímpio onde pessoas não tem compromisso com o Senhor.

3. Uma aliança do Senhor.
- “e que ambos deram início a uma relação homoafetiva”, isso é especulação, ou seja, uma afirmação sem base que a sustente. Os grupos homossexuais agora contam com uma edição da Bíblia chamada “Graça sobre Graça”, que salienta e as passagens que eles afirmam fazer alusão à homo afetividade e omite as passagens que condenam essa prática.
- “nenhum texto da Bíblia se diz que Jônatas desobedeceu”, e se tivesse desobedecido a Bíblia o denunciaria com certeza.
- “o amigo que iria livrar Davi”, Deus prepara hoje situações para o futuro, amizades, contatos, etc, tudo para nos livrar do mal.
- “quem usa a Palavra de Deus para justificar seus pecados”, não basta a pessoa cometer abominação, ela também resolve ensinar que Deus permite isso e assim instrui outros a fazem também.
___________________________________________
III - O CARÁTER DE JÔNATAS E SUAS LIÇÕES

1. Um homem de coragem.
- “Revelou-se um comandante de tropas, um herói e um homem de fé”, o Senhor precisa de pessoas assim na Sua obra. Jônatas não tinha o objetivo de assumir o trono, não vemos ele se auto declarando rei. É isso que Deus precise, de pessoas que respeite Suas escolhas.
- “Ele tinha a grandeza espiritual que lhe dava confiança”, a grandeza espiritual de Jônatas era a fé, pois ele acreditava que Deus faria exatamente como havia sido profetizado acerca de Davi. Todo mundo luta melhor quando tem a certeza de que Deus está no controle.

2. Um homem humilde.
- “não ter medo de perder a posição, como herdeiro”, ele considerava o trono como não sendo dele, não intentou usurpá-lo, mas respeitou e entendeu a escolha de Deus.
- “que brigam por cargos e posições”, devido a essas brigas muitos ministérios se tornaram palanques políticos ao invés de altar de adoração a Deus.
- “métodos carnais, seguindo o exemplo dos ímpios”, estratégias de alianças, conchavos e acordos secretos, sem falar de propinas e outras coisas.

3. Um homem leal.
- “Poderia ter ficado ao lado do seu pai”, poderíamos pensar que ele foi desleal a seu pai, porém consideremos que seu pai agia fora da vontade de Deus e Jônatas agiu em nome da amizade por Davi, mais sabendo que Deus o escolhera.
- “Jônatas procurou o amigo e lhe advertiu do perigo”, Jônatas sabia que Saul estava movido pelo ciúme de Davi, não por se preocupar com o reino.
- “mais uma vez selaram o pacto de lealdade diante de Deus”, esse pacto mais tarde deu a benção a Mefibosete quando Davi o exaltou por amor de Jônatas seu amigo. 2 Sm 9.7
- “Jônatas também veio a morrer em Gilboa”, Saul, embora fosse fraco espiritualmente era também um guerreiro e ambos, pai e filho, morreram no lugar onde os guerreiros morrem, o campo de batalha.
____________________________________
CONCLUSÃO
- “Ele estabelece sua vontade diretiva de forma implacável”, o nome disso é soberania, onde Deus toma a decisão sem precisar dar satisfação a ninguém.
- “Jônatas sentiu profunda admiração pelo jovem pastor”, e assim investiu na amizade, sem deixar que a inveja ou ciúme o impedisse de investir na amizade com Davi.
- Faça uma revisão da aula com os alunos.
- Não deixe de corrigir o questionário.

Respostas:
   
Que significa o nome Jônatas?
“Dado por Deus” ou “presente de Deus”.

Quando começou a amizade entre Jônatas e Davi?
Logo após a batalha em que Davi venceu Golias.

Qual a natureza da aliança entre Jônatas e Davi?
De natureza espiritual, “aliança do Senhor”.

Além da coragem física e emocional, que grandeza tinha Jônatas?
Ele tinha grandeza espiritual que lhe dava confiança, diante das adversidades.

Que pacto fizeram Jônatas e Davi?
Um pacto de lealdade diante de Deus.

Pr Marcos André – professor
Contatos palestras, aulas e pregações: 21 969786830 (Tim e zap) 21 992791366 (Claro)

Boa Aula!

SE VOCÊ QUER AJUDAR ESSA OBRA, ENTÃO CLIQUE NO ANÚNCIO ABAIXO!  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários estão liberados, dessa forma o seu comentário será publicado direto no CLUBE DA TEOLOGIA.
Porém se ele for abusivo ou usar palavras de baixo calão será removido.