INICIE CLICANDO NO NOSSO MENU PRINCIPAL

terça-feira, 19 de junho de 2018

ESCOLA DOMINICAL CENTRAL GOSPEL ESBOÇO - Subsídio da Lição 13




AULA EM___DE______DE 2018 – LIÇÃO 13
(Revista: Central Gospel - nº 54)

Tema: A Bendita Esperança
Texto Bíblico Básico:

Romanos 8.16-25
16 - O mesmo Espírito testifica com o nosso espírito que somos filhos de Deus.
17 - E, se nós somos filhos, somos, logo, herdeiros também, herdeiros de Deus, e coerdeiros de Cristo; se é certo que com ele padecemos, para que também com ele sejamos glorificados.
18 - Porque para mim tenho por certo que as aflições deste tempo presente não são para comparar com a glória que em nós há de ser revelada.
19 - Porque a ardente expectação da criatura espera a manifestação dos filhos de Deus.
20 - Porque a criação ficou sujeita à vaidade, não por sua vontade, mas por causa do que a sujeitou,
21 - na esperança de que também a mesma criatura será libertada da servidão da corrupção, para a liberdade da glória dos filhos de Deus.
22 - Porque sabemos que toda a criação geme e está juntamente com dores de parto até agora.
23 - E não só ela, mas nós mesmos, que temos as primícias do Espírito, também gememos em nós mesmos, esperando a adoção, a saber, a redenção do nosso corpo.
24 - Porque, em esperança, fomos salvos. Ora a esperança que se vê não é esperança; porque o que alguém vê, como o esperará?
25 - Mas, se esperamos o que não vemos, com paciência o esperamos.

Texto áureo: Tt 2.13
 _________________________________________
 PALAVRA INTRODUTÓRIA
- Professor(a), nesta lição exorte os alunos a não deixarem a esperança enfraquecer, é interessante orar nesse sentido no início da aula e depois no fim, passe a aula toda levando os alunos a isso.
"a esperança do cristão em relação à vida futura", ou seja, ao que ocorrerá no futuro, o Arrebatamento da Igreja, o nosso destino final. Atualmente existem um número grande de crentes que não aguardam a volta de Cristo, alguns pregadores não pregam sobre o assunto, por não ser assunto do interesse dos grandes congressos.
"é uma caminhada em direção ao céu, onde passará a eternidade", se entendemos que o céu é o lugar da eternidade e que aqui a vida passa rápido, então deveríamos dar uma maior atenção a ele.

_______________________________________________
1. DESCREVENDO A ESPERANÇA


1.1. O que é esperança?
- "a glória futura que há...não é comparável às aflições deste mundo", Paulo ao ensinar isso, chama a atenção para os crentes firmarem a esperança em algo melhor, porque o mundo tem muitos atrativos que disfarçam toda a maldade que ocorre no mundo inteiro. Nesse exato momento crianças estão sendo aliciadas ao tráfico, moças estão sendo estupradas, homens estão sendo mortos nas guerras, jovens estão morrendo de fome e tantas outras atrocidades que ocorrem por aí.
"não deve deixar sua esperança desvanecer quando os sofrimentos ou adversidades se apresentam com grande vulto", para alguns que já alcançaram a maturidade, são nesses momentos que a esperança se torna forte, mas para aqueles que ainda são imaturos ainda carece de alguém estar cuidando para que não se perca essa esperança.

1.2. Como obter a esperança?
- "É a comunhão com Deus que faz o crente entender os mistérios ocultos ao homem natural", conforme o crente vai entendendo, e aqui entra a importância do estudo e da vivência na obra de Deus, ele fica mais firme na sua esperança e mais confiante na sua fé, as provas e adversidades não o abalam na carreira que Cristo o colocou. 


1.2.1. A esperança é o alento do cristão
- "quando a tribulação bate à pota, a fé arrefece", quer dizer que a fé esfria, lembrando que esses são os crente imaturos falado anteriormente, que não conhece ainda o significado da salvação. Quando um crente adquire o conhecimento do Senhor, a revelação da cruz, passa a ocorrer o contrário, a fé dele se fortalece nas adversidades.


1.2.2. Visando a um objetivo eterno
- "Pedro comparou-nos a peregrinos e forasteiros neste mundo", não somos proibidos por Deus de fazer planos nessa vida e de lutar por eles, mas devemos estar conscientes de que Jesus pode voltar a qualquer momento e teremos de deixar tudo pra trás.
"porquanto estamos sujeitos a tentações, fraquezas e a outros tantos empecilhos", os dias atuais são muito complicados as tentações tiram mais crentes da Igreja do que as perseguições, é necessário que os crentes tenham intimidade com Deus para que não se esqueçam da promessa do Senhor, "vou preparar lugar...".

2. AS RECOMPENSAS DA ESPERANÇA

2.1. A esperança no presente
- "Ele acrescenta aos Seus santos todas as coisas necessárias", quer dizer que Deus dá o sustento e o que mais for necessário para que o crente possa exercer sua fé e sempre tenha a esperança de que se Ele pode dar o que é necessário então pode dar o que pedimos.
"O Senhor sempre suprirá as necessidades dos Seus servos fiéis", caso alguém tenha passado por momentos difíceis como passou Jó, deve se lembrar de que até mesmo a Jó não faltou o alimento, ainda que com tanto sofrimento.

2.1.1. Não é pecado desejar prosperidade 
"dotado por Deus de instintos para o seu bem viver", instintos são vontades relacionadas à natureza do ser humano, aquilo que o homem faz sem precisar que seja mandado fazer.
"desejar possuir algo valoroso e/ou esforçar-se para obter", é um instinto humano querer possuir coisas. Claro que esse sentimento aliado ao pecado do gênero humano deixaram o ser humano muito competitivo e avarento, por isso é necessário que haja controle.
"Jesus quer ver Seu povo saudável, alegre e cheio de esperança", ter  esperança que pode alcançar de Deus algo melhor, material ou espiritual é exercitar a fé e isso é bom para o crente.
"ele possui como se não possuísse", pergunte aos alunos o que eles entendem dessa frase, ouça as respostas e comente, basicamente significa "possuir sem que o bem lhe prenda", agindo como se não possuísse nada. O cristão deve estar pronto para deixar tudo pra trás ao ser chamado por Deus.

2.2. A esperança do porvir
"que ganha salário mínimo terá condições de adquirir um carro importado, e assim por diante", essas falas registradas aqui se referem à teologia da prosperidade que afirma que a pessoa vai se tornar próspero financeiramente e adquirir coisas inimagináveis se ela for fiel nas ofertas e dízimos, porém a realidade mostra que o Senhor nos abençoa no que for necessário para sustento da família, para viver dignamente. Na verdade quem quer possuir bons salários e boas oportunidades de emprego deve estudar, se esforçar, se disciplinar, planejar e acima de tudo trabalhar. 
"concede conforto e até riqueza a muitos", para todos os que Deus concedeu riquezas tiveram que trabalhar e lutar, só no caso de Jó que dobrou a riqueza sem fazer nenhum esforço, é um caso a parte, porque em Jó Deus opera a justiça, pois o Senhor permitiu que tudo fosse tirado dele. 

CONCLUSÃO
- "O Espírito Santo é o vitalizador da esperança cristã", quer dizer que quando essa esperança está enfraquecido o Espírito de Deus revigora ela no crente. Para alguns crente que perdem de vez a esperança é porque perderam o Espírito Santo primeiro.
- Faça a revisão e corrija a atividade proposta.

Pr Marcos André



Contatos Pr Marcos André: palestras, aulas e pregações: 21 969786830 (Tim e zap) 21 992791366 (Claro)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários estão liberados, dessa forma o seu comentário será publicado direto no CLUBE DA TEOLOGIA.
Porém se ele for abusivo ou usar palavras de baixo calão será removido.