sexta-feira, 10 de agosto de 2018

ESCOLA DOMINICAL CENTRAL GOSPEL ESBOÇO - Subsídio da Lição 7



AULA EM___DE______DE 2018 – LIÇÃO 7
(Revista: Central Gospel - nº 55)

Tema: Asa, Confiança Plena no Senhor

Texto Bíblico Básico:

2 Crônicas 14.1-7,11
1 - E Abias dormiu com seus pais, e o sepultaram na Cidade de Davi; e Asa, seu filho, reinou em seu lugar; nos seus dias, esteve a terra em paz dez anos.
2 - E Asa fez o que era bom e reto aos olhos do SENHOR, seu Deus,
3 - porque tirou os altares dos deuses estranhos e os altos, e quebrou as estátuas, e cortou os bosques.
4 - E mandou a Judá que buscassem ao SENHOR, Deus de seus pais, e que observassem a lei e o mandamento.
5 - Também tirou de todas as cidades de Judá os altos e as imagens do sol; e o reino esteve quieto diante dele.
6 - E edificou cidades fortes em Judá, porque a terra estava quieta, e não havia guerra contra ele naqueles anos, porquanto o SENHOR lhe dera repouso.
7 - Disse, pois, a Judá: Edifiquemos estas cidades e cerquemo-las de muros, torres, portas e ferrolhos, enquanto a terra ainda está quieta diante de nós, pois buscamos ao SENHOR, nosso Deus; buscamo-lo e deu-nos repouso em redor. Edificaram, pois, e prosperaram.
11 - E Asa clamou ao SENHOR, seu Deus, e disse: SENHOR, nada para ti é ajudar, quer o poderoso quer o de nenhuma força; ajuda-nos, pois, SENHOR, nosso Deus, porque em ti confiamos e no teu nome viemos contra esta multidão; SENHOR, tu és o nosso Deus, não prevaleça contra ti o homem.

Texto áureo: 2 Cr 16.9a
 _________________________________________
 PALAVRA INTRODUTÓRIA
- Professor(a), nesta lição é interessante dar uma revisada na lição anterior.
"o primeiro regente das tribos do Sul a ser fiel a Deus, depois da divisão do reino", é bom explicar aos alunos essa divisão do reino de Israel e assim explicar o contexto que vivia os dois reinos na época do rei Asa.
"ordenando que toda a idolatria fosse removida da terra", a idolatria sempre um problema que começou lá atrás na tomada de Canaã quando deixaram muitos cananeus habitando no meio do povo, esses cananeus não abandonaram suas religiões, permaneceram com seus cultos, sendo controlados e muitas vezes rechaçados pelos reis, nos momentos em que os reis relaxavam os idólatras praticavam e promoviam sua idolatria na nação.
_______________________________________________
1. A IDOLATRIA EM UM REINO DIVIDIDO
"entretanto, o Reino do Sul (Judá) também oscilou entre a idolatria e o culto a Jeová", o ideal é que não houvesse oscilação nenhuma e que todos os reis fossem adoradores, porém o reino do sul teve reis que oscilaram entre bons e ruins diante de Deus conseguiu preservar a identidade de povo de Deus, já o reino do Norte onde nenhum rei foi reto diante de Deus perdeu completamente a identidade de povo do Senhor.

1.1. O culto idólatra no Antigo Testamento
- "a procissão da imagem de um falso deus", a ideia de se levar uma imagem numa procissão não surgiu na igreja Católica como se pode pensar, mas bem anterior a ela, como se vê aqui desde os tempos do Antigo Testamento.

2. OS FEITOS DE ASA
- "com Hanani repreendendo o rei", essa repreensão foi pela falta de confiança em Deus e por isso Deus usou o profeta para o repreender, note que o rei não recebeu a reprimenda.

"Porém Asa se indignou contra o vidente, e lançou-o na casa do tronco; porque estava enfurecido contra ele, por causa disto; também Asa, no mesmo tempo, oprimiu a alguns do povo." 2 Cr 16.10

2.1. O avivamento de Judá
...

2.2. A vitória sobre os etíopes
- "formado por uma infantaria de 300 mil homens", a infantaria é a tropa formada por homens a pé, com pouco valor tático em relação a cavalaria em campo aberto. Talvez Salomão tenha sido o único rei a reunir cavalaria, pois era uma tropa extremamente cara. Somente a mão do Senhor poderia ter dado essa vitória a Israel com um efetivo militar tão reduzido.
"nas palavras do cronista, todos os etíopes foram mortos", os cronistas eram responsáveis por registrar as crônicas do reino, ou seja os fatos relevantes da vida diária, o cronista aqui mencionado é o escritor de Crônica, um que provavelmente reuniu os grandes feitos das crônicas do rei e escreveu esses dois livros.

2.2.1. O segredo da vitória de Asa
- "evidencia-se na oração que ele dirigiu aos céus", o segredo foi a fé em Deus e essa fé está demonstrada nessa oração, ele pede ajuda de Deus, declara confiar no Senhor, reconhece Jeová como Deus e demonstra que Deus deve estar em primeiro lugar.

2.3. A deposição de Maaca, grande propagadora da idolatria no Reino do Sul (Judá)
- "Asa destituiu a rainha-mãe (1 Rs 15.1,2), impedindo-a de reintroduzir a idolatria", essa mensagem serve para muitos ministros nos dias atuais, que são praticantes do nepotismo em suas igrejas, facilitando a introdução e ascendência de seus parentes aos cargos dentro das igrejas, muitas vezes esses mesmos líderes criticam ferrenhamente os políticos que fazem o mesmo com os cargos públicos. Asa destituiu a própria mãe e muitos não possuem essa coragem para fazer algo parecido hoje.

2.4. A guerra contra Israel
- "ao decidir aliar-se a Ben-Hadade, rei da Síria, para enfrentar Baasa, rei de Israel", ele se uniu a um rei estrangeiro para enfrentar seu próprio povo, isso pode representar o que acontece hoje quando crentes se unem a impios para se opor aos próprios irmãos. É necessário mais união no povo de Deus.
Após essa aliança houve muitas guerras no reino do sul.

2.4.1. O resultado da aliança com a Síria
- "mas Asa, em vez de reconhecer seu erro, mandou amarrar o profeta com correntes", esse é o próximo estágio de quem deixa de lado a direção de Deus, passa a tentar silenciar os profetas, para que não denunciem seus erros.

3. UM GRAVE ERRO: LEVANTAR-SE CONTRA UM PROFETA DO SENHOR

3.1. A doença de Asa e sua morte
- "O escritor sagrado pontua que, na sua enfermidade, [Asa] não buscou ao SENHOR, mas, antes, aos médicos", esse é um problema que acontece com aqueles que não são punidos rigorosamente diante de seus pecado, acabam cometendo os mesmos erros tão logo possível. Asa mais uma vez deixa de buscar a Deus.
- "provavelmente, estavam ligados ao ocultismo e às artes mágicas", a medicina naquela época era associada a magia, por isso a palavra "médico" e "mago", vem da mesma raiz.

3.2. O cristão e a medicina: um adendo necessário
- "É Deus quem capacita o homem para desenvolver e exercer a medicina; contudo, é Dele que vem a cura", é bom que o servo de Deus vá no médico, senão o Senhor curaria a todos, mas Deus não quer que sejamos relaxados com a saúde.

CONCLUSÃO
- "Asa começou a trilhar uma trajetória descendente.", e por ser ele um rei, levou a decadência em todo o reino, assim também se alguém sendo um líder deixar de confiar em Deus pode levar seus liderados a sofrem consequências ruins.
- Corrija a atividade proposta e faça a revisão.


Pr Marcos André


Contatos Pr Marcos André: palestras, aulas e pregações: 21 969786830 (Tim e zap) 21 992791366 (Claro)

SE VOCÊ QUER AJUDAR ESSA OBRA, ENTÃO CLIQUE NO ANÚNCIO ABAIXO! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários estão liberados, dessa forma o seu comentário será publicado direto no CLUBE DA TEOLOGIA.
Porém se ele for abusivo ou usar palavras de baixo calão será removido.