sexta-feira, 20 de agosto de 2010

CURSO DE OBREIROS - Aula 6


           Reeditei esta aula porque estava com erro, a aula 7 sai em seguida:  

h) Proatividade
             
                       Esse é um termo relativamente novo mundo, diz respeito às atitudes preventivas em um determinado projeto ou tarefa, é o ato de se prever possíveis necessidades ou falhas no futuro. Diríamos que proatividade é a soma de iniciativa e envolvimento nos diversos projetos e realizações da igreja.  Ex: ao ser marcado um culto ao ar livre, o obreiro deve, antes de tudo, pensar em coisas como som, folhetos, ponto de luz para a instalação do som e etc, ainda que não seja da sua alçada. O obreiro não deve se comportar como se não fosse responsabilidade dele, a realização de algum trabalho na igreja. Se os crentes aplicassem os conceitos de proatividade em sua vida profissional, seriam pessoas de sucesso em suas carreiras. Alguns obreiros pró-ativos da Bíblia, foram Paulo, Pedro, Estêvão, etc... Aplique isso na sua vida!    

i) Equilíbrio

                        O obreiro deve a todo custo ter um comportamento equilibrado, ele deve saber identificar o momento de descontração e o momento de assumir a postura séria para as atividades, e ao descontrair deve evitar brincadeiras extravagantes, piadas a fora de tempo, ou com temas duvidosos (infames, com mentiras Pv 26.18,19 , com o Espírito Santo ou com algum personagem bíblico) O obreiro deve se lembrar que: “Na multidão de palavras não falta pecado, mas o que refreia os lábios é prudente” Pv 10.19
              Ao assumir uma postura séria, deve-se evitar os exageros, para não parecer um ranzinza, lembre-se que o evangelho é alegria, dificilmente o visitante retornará ao ser tratado com aspereza pelo obreiro. 
j) Prontidão
             
                        O obreiro pode, na sua essência, ser comparado ao soldado e am qualquer atividade da igreja ele é como o soldado em combate, por isso ele precisa estar sempre em prontidão para atuar em qualquer frente, seja para trazer a igreja uma saudação da Palavra de Deus, tirar dois ou três hinos da Harpa, fazer abertura do culto, iniciar a EBD, etc, nenhuma atividade deve deixar de ser realizada por falta de obreiros, é necessário o obreiro estar preparado. Recomenda-se ao obreiro, deixar um esboço pronto na Bíblia para uma possível oportunidade de pregar, antes de sair de casa o obreiro pode já preparar uma palavra de saudação e também deve o obreiro, se preparar até para dirigir ou iniciar o culto. Lembre-se que Deus quer que teu ministério cresça, então, quando vir uma oportunidade não desperdice!
                         Existem obreiros tristes, frustrados, que culpam o pastor, o dirigente e o ministério, mas na verdade a culpa é do próprio obreiro, que nunca se preparou para assumir o lugar para o qual o SENHOR o chamou.

              Marcos Andre - Professor
 
    

4 comentários:

  1. Meu amado irmão, é uma bênção esse curso apara obreiro, não somente pelo cargo mas porque também aprendemos muito como se portar diante da igreja e dos irmãos.
    A Paz do Senhor.

    ResponderExcluir
  2. Somos o exemplo dos fiéis, como diz a própria palavra no livro de Timóteo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso mesmo é de Deus esse comentário rsrss.
      Abraços amigo.

      Excluir

Todos os comentários estão liberados, dessa forma o seu comentário será publicado direto no CLUBE DA TEOLOGIA.
Porém se ele for abusivo ou usar palavras de baixo calão será removido.