INICIE CLICANDO NO NOSSO MENU PRINCIPAL



__________________________________________________________________

quinta-feira, 12 de julho de 2012

ESCOLA DOMINICAL - Esboço e Subsídio - Lição 3 - Revista Betel


AULA EM 15 DE JULHO DE 2012 – LIÇÃO 3
(Revista: EDITORA BETEL)

Tema: “O Primeiro Milagre de Jesus”
  
Texto Áureo: Jo 2.11
  
INTRODUÇÃO
            - Professor, você pode começar explicando havia a necessidade de
apresentar Jesus como Deus, pois essa sempre foi a maior dificuldade
tanto para os judeus como para os gregos e romanos, ninguém
duvida que Jesus existiu, porém muitos tem dúvida se Ele é o Cristo
prometido de Deus.
- Outro lado da narrativa de João visa apresentar Jesus como homem
que viveu em nosso meio, passando pelos mesmos problemas, mostrando
que Cristo deixou sua majestade para trazer a mensagem do Evangelho
ao mundo.
- “cumprir sua missão”, os milagres de Jesus não tem um fim em
si mesmo, não era objetive do Mestre a realização de milagres, seu
objetivo era anunciar o Reino de Deus. Você pode abordar esse assunto
devido a uma grande procura por milagres nas igrejas.

1. O PRIMEIRO SINAL DE JESUS
- Esse na verdade, não foi o primeiro sinal de Jesus, pois se sua mãe
lhe pediu ajuda, provável mente Ele já fizera outros sinais, porém
esse foi o “primeiro sinal em público”.

1.1. O Simbolismo do vinho
- Os fatos narrados nas bodas de Caná da Galileia são cheios de
simbolismo. Porém o vinho tem um simbolismo interessantes veja:
- Representando o Reino de Deus – Tinha acabado o vinho mostrando
que a Antiga Aliança já não podia mais fazer efeito, por isso
Jesus providência o vinho da nova Aliança, Jesus é quem trás o Reino
de Deus como trouxe o vinho na festa.
- Representando alegria – Em um casamento pode acontecer de faltar
alegria, mas se Jesus estiver dentro dele então a renovação do vinho
está garantida.

1.2. A confiança de Maria
- Maria levou o problema imediatamente a Jesus, assim deve ser
a nossa postura, diante de um problema devemos imediatamente levá-lo
ao Mestre. Ela sabia quem era aquele que estava presente na festa, por
isso recorre a Ele, nós também sabemos quem Ele é, por isso devemos
sempre recorrer a Ele.

1.3. O milagre realizado
- Havia um processo para a realização daquele milagre onde os servos
fariam sua parte e o Mestre faria o sobre natural acontecer. Existem alguns
milagres nos casamentos, nos ministérios ou nas igrejas, em que
precisamos fazer a nossa parte e o Senhor nos honra fazem acontecer o
milagre.
- Porém conhecemos irmãos que querem receber a vitória, sem esforço
não investem, não lutam.
 ________________________________________
2. A PEDAGOGIA DO MILAGRE
         - “pedagogia”, é o estudo da educação e do aprendizado, neste tópico
veremos o que se pode aprender desse milagre.
- Este milagre é um sinal, um prodígio para se confirmar algo, no caso
é para confirmar que Jesus é o Filho de Deus, e que está no controle de
tudo, e se Ele estiver presente o vinho (alegria) está garantido.

           2.1. Ensinar pela atitude
        - Comente que na dificuldade daquele casal naquela festa, pôde-se
conhecer um pouco mais ao Senhor Jesus. Entende-se com isso que os
problemas podem nos dar experiências e mais intimidade com o nosso
Senhor.
- Diga aos alunos que às vezes o Senhor nos permite passar por atitudes
para depois nos usar com mais conhecimento de causa.

2.2. Ensinar pelo milagre
- O milagre é uma forma de fazer com que a mensagem do evangelho
chegue àqueles que não a ouvem, Pois existem pessoas que nunca param
para ouvir as pregações, nem para ir a igreja, ou abrir a porta de sua casa,
porém quando vem a dificuldade essa pessoa arruma um tempo para Deus.
Alguns recebem a benção e nunca mais volta a igreja, outros porém, ficam
e entram para esse exército a lutar as guerras do Senhor.

- O milagre na verdade, serve para confirmar aquilo que se prega nos
púlpitos, ainda que se faça muitos milagres não pode faltar a palavra
de Deus. O ministério de Jesus era do ensino e não dos milagres.

2.3. Ensinar pela revelação
- Esse milagre tem uma revelação especial para casais assim como
tem outra para o povo.
- Existe a revelação geral das Escrituras, que é o plano da Salvação
e a lei do Senhor. Existe também a revelação especial que é um
ensinamento específico em cada evento.
________________________________________
3. A METÁFORA DO BOM VINHO
- O vinho colocado no início é a lei, não é ruim, pelo contrário, é boa,
mas não é eficaz para salvar o homem, a lei na verdade é uma preparação
para a Graça. O melhor vinho.

- Para vir a Graça, o homem deveria estar condenado para recebê-la,
pois a Graça é a proposta de salvação, e como o ser humano receberia
essa proposta se ele não tivesse condenado. A lei tem essa função
de condenar, pois ela diz não darás falso testemunho, logo condenou
a todos que mentiram., dentre muitos outros mandamentos, ela nos
condenou a todos. Todavia ela é boa, porque trouxe o conhecimento
de Deus e a promessa do Libertador.

3.1. A necessidade de uma renovação
- Você pode comparar dizendo que assim como Jesus renovou o vinho
para dar continuidade ao casamento, também renovou a aliança com seu
próprio sangue representado pelo vinho. Assim poderá ser realizado o
seu próprio casamento com a Igreja.

3.2. As necessidades levadas a Jesus
- Cabe ressaltar que o milagre ocorreu porque alguém levou o problema
a Jesus, ninguém conhecia Jesus como Maria conhecia, ela sabia quem
Ele era, e por isso resolveu falar com Ele. Nós sabemos quem é o
Mestre, o que Ele pode fazer e o que Ele já fez, então devemos
fazer como Maria e levar a Cristo a causa daqueles que não o conhecem
para que seu nome seja reconhecido entre os homens.

3.3. A virtude de ouvir
- Veja que existe um nível mais profundo do que o ouvir, que é o "escutar". 
- Comente que poucas pessoas sabem escutar.
 Ouvir é perceber o som através da audição.
 Escutar é processar o som percebido dar atenção a; ouvir, sentir, perceber.
- Tem pessoas que não sabem escutar, apenas ouvem e em seguida
não se lembram mais o que foi falado.

-“empenhou-se numa solução”, diante de um problema algumas
pessoas se empenham em achar o culpado, enquanto o certo seria
buscar a solução. Assim que ficaram sabendo do fato, poderiam ter
se empenhado para saber de quem era a responsabilidade pela falta
de vinho.
___________________________
CONCLUSÃO
- Comente que o milagre não tem a finalidade de produzir fé, a fé vem
pelo ouvir e ouvir a palavra, porém com Jesus os milagres, as parábolas
e as situações em geral serviam para ensinar.

 Boa aula!
 _____________________________________________

Marcos André - professor

4 comentários:

  1. PAZ DO SENHOR AMADO IRMÃO, PARABÉNS PELOS COMENTÁRIOS, SIMPLES, OBJETIVO E AO MESMO TMEPO PROFUNDO, QUE DEUS ABENÇOE E CONTINUE ESCREVENDO ESTAREI TODA SEMANA AQUI BUSCANDO SUBISIDO PARA A EBD
    PAZ

    ResponderExcluir
  2. Deus abençõe sua vida em dedicação a obra de DEUS! Esses comentários abrem nossa visão para aplicação da aula na EBD. Continue firme! Lhe deixo para meditação I Cor 15:58.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado amigo, eu li o texto que você deixou, gostei muito, estarei sempre trabalhando, fica na paz e ore por nós.

      Excluir
  3. otimo, mim ajudou muito, vlw DEUS VOS ABENÇOE espero sempre achar recurso ak abraço.

    ResponderExcluir

Todos os comentários estão liberados, dessa forma o seu comentário será publicado direto no CLUBE DA TEOLOGIA.
Porém se ele for abusivo ou usar palavras de baixo calão será removido.