INICIE CLICANDO NO NOSSO MENU PRINCIPAL



__________________________________________________________________

terça-feira, 21 de agosto de 2012

ESCOLA DOMINICAL - Esboço e Subsídio Lição 9 - Revista da CPAD

AULA EM 26 DE AGOSTO DE 2012 - LIÇÃO 9
(Revista: CPAD)

Tema: “A Angústia das Dívidas”
  
Texto Áureo: Sl  128.1,2
  
INTRODUÇÃO
- Amado(a) professor(a), apresente esta aula com o objetivo de
orientar aos alunos a controlarem melhor suas finanças.
- “sociedade...consumista”, as propagandas na mídia induzem as
pessoas a comprarem como se para isso fosso o motivo da criação
do homem. Isso pode ser interessante para os governos, a fim de
aquecer as economias, mas não é bom para as pessoas que ficam
com suas finanças aprisionadas, não podendo abençoar suas famílias,
nem a congregação.

- “honrarmos nossos compromissos”, muitos irmãos se enrolam tanto
que acabam sujando o nome e escandalizando a igreja. Muitos irmãos
falam bem nos púlpitos mas no meio da sua vizinhança são conhecidos 
__________________________________________
1. QUEM É O DONO DO NOSSO DINHEIRO

1. De a Deus o que lhe pertence.
- “não nos pertence”, eu recomendaria você dizer: na verdade todas as
nossas finança são do Senhor, nós entregamos 10% em reconhecimento e
agradecimento pelo emprego que o Senhor nos deu, e os outros 90%
o Senhor deixa conosco para administrarmos.

- Comente também que o dízimo não pode ser visto como moeda de
troca, não quer dizer que dando o dízimo teremos todos os problemas
financeiros resolvidos.

2. A disciplina e orçamento financeiro.
- “disciplinado”, ter disciplina é ter capacidade de seguir regras, no caso
das finanças devemos seguir as regras básicas, tipo não gastar mais do que
se ganha.
-“supérfluas”, coisas que não são necessidades para a família na hora das
compras.
- “orçamento”, calculo da receita e da despesa, quando não fazemos o nosso
orçamento, acabamos fazendo dívidas além de nossa condição de pagar.

3. Cuidado com a cobiça.
- Se o crente viver conforme este mundo, então será influenciado pela sociedade
consumista.
- “Serviço de Proteção ao Crédito”, é o famoso SPC.
-Um outro serviço de proteção ao crédito é o Serasa, ligado aos bancos.
 _________________________________________
2. O CONSUMISMO E AS DÍVIDAS
           
            1. Os males do consumismo inconsciente.
            - “consumismo inconsciente”, é aquele em que a pessoa compra sem
conhecimento  da necessidade e do benefício que produto pode trazer, ou
seja compra simplesmente porque estava na promoção ou porque está na
moda.
- “estar satisfeito”, infelizmente algumas pessoas compram algo somente
por ser lançamento, porém o novo produto não era necessário e na maioria
das vezes tem recursos que nunca serão usados.

2. Adquirir o que se pode pagar.
-  Isso pode ocorrer também com o cartão de crédito, quando não temos
uma reserva para imprevistos, pois o dinheiro daria para pagar, mas uma
adversidade, como um defeito no carro por exemplo, pode acabar fazendo-nos
perder o controle, por isso ter uma reserva é essencial.

-“liquidações”, lembre aos alunos que o barato pode sair caro, um produto
ou serviço barato, geralmente é inferior e terá que ser reposto ou refeito,
tornando o gasto maior se tivesse optado pelo preço mediano.

3. Aja com integridade fuja da corrupção
- Na tentativa de conseguir dinheiro acrescentar na renda, alguns irmãos
se deixam levar pelas propostas ilícitas Ex: gato de energia, água, internet,
fraude na declaração do imposto de renda, entre outras.
 _________________________________________
3. É POSSÍVEL LIVRAR-SE DAS DÍVIDAS

1. Cuidado com seu cartão de crédito e com o cheque especial.
- “com muita sabedoria”, o ideal seria que o cartão de crédito fosse
usado somente para situações de emergência. Se a pessoa identificar que
não consegue se controlar, então é melhor que não tenha cartão de
crédito.

O pagamento a vista é a melhor opção, seria melhor poupar o dinheiro
para adquirir o que se deseja, pois com o dinheiro em mão, pode-se
conseguir um bom preço.
-“impulsos”, são aquilo que nos impulsionam a comprar, como
promoções, status, moda. O impulso faz com que deixemos de pesquisar
preço, e de juntar a quantia pra compra.

2. Vivendo de modo simples, porém tranquilo e santo.
- “caem em tentação”, são as propostas de Satanás para que deixemos
nossos objetivos e venhamos a pecar e sair da presença de Deus.
- “concupiscências”, é o desejo exagerado da carne, se o irmão deixar
se levar por esses desejos cairá com certeza.
- Lembre aos alunos que não podemos ter nada nessa vida que não
deixaríamos pelo Senhor. Comente que Abraão deveria estar em condições
de entregar seu próprio filho e o jovem rico deveria estar em condições de
vender tudo e seguir o Mestre.

3. Confie em Deus.
- “perdido o emprego”, relembre aos alunos, que os crentes também perdem
o emprego, também tomam prejuízos, também ficam enfermos.

- Recomende aos alunos que procurem ter um fundo de reserva, que procurem
ter uma poupança da família. Deus nos deu a inteligência para usarmos, não
é falta de fé a família ter uma poupança para pagar estudos dos filhos, ou
comprar uma casa, e até mesmo passar por tempos difíceis.

- “ore e confie”, é um erro levar os problemas primeiro a conhecimento de
terceiros, ao invés de falar primeiro com Deus e confiar nEle.  
________________________________________
CONCLUSÃO
- Relembre e passe essas dicas:
- Não compre os produtos mais baratos, por se estragarem mais facilmente;
- Faça manutenção na rede hidráulica para evitar aumento da conta d’água;
- Use lâmpadas eletrônicas para diminuir a conta de luz;
- Pague primeiro as dívidas que geram juros mais altos, como a fatura do
cartão de crédito e o cheque especial.
- Veja se você encontra outras dicas interessantes.

- Às vezes sentimos uma vontade muito grande de ajudar a obra missionária,
de separar uma oferta especial para a igreja ou de abençoar com uma
cesta básica a algum necessitado, mas acabamos não fazendo devido às
diversas dívidas adquiridas sem controle. Que possamos saber administrar nossas
finanças para abençoar nossa casa e a casa de Deus.

 Boa aula!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários estão liberados, dessa forma o seu comentário será publicado direto no CLUBE DA TEOLOGIA.
Porém se ele for abusivo ou usar palavras de baixo calão será removido.