INICIE CLICANDO NO NOSSO MENU PRINCIPAL



__________________________________________________________________

quinta-feira, 1 de novembro de 2012

ESCOLA DOMINICAL - Esboço e Subsídio - Lição 5 - Revista da CPAD



Tema: “Obadias – O Princípio da Retribuição”
  
Texto Áureo: Ob 1.15
  
INTRODUÇÃO
- Amado(a) professor(a), nesta lição mostre um dos princípios
que o Senhor instituiu na sua lei, o da retribuição.
- “soberania divina”, é o atributo de Deus que o define como
um ser supremo e confere a Ele autoridade sobre todas as coisas.
- “lei natural da semeadura”, é uma lei da natureza exposta em
2 Co 9.6.
__________________________________________
1. A SOBERANIA DE DEUS

1. Conceito.
- “calvinistas”, os que defendem as ideias de João Calvino (1509 – 1564),
que foi um grande reformador que elaborou vários comentários a partir
de um estudo sistemático das Escrituras, um de seus estudos é o que
fala sobre a soberania divina.
- “arminianos”, são os que seguem as ideias do teólogo reformador
holandês Jacobus Arminius (1560 – 1609) que também comentou
sobre a soberania divina. (1509 – 1564)
- “uma autolimitação”, é o limite que o Senhor impõe a si mesmo, exemplo:
Pela Sua soberania o Senhor poderia mentir, mas Ele impõe uma regra
a Si mesmo, de não poder mentir.

2. Livre arbítrio.
- “pelo fato de sermos livres”, pela soberania o Senhor poderia nos
obrigar a sermos seus adoradores. Porém pelo livre arbítrio Ele nos
deixa livre para escolhermos.
- Quando o Senhor criou o homem a Sua intenção não era criar um ser que
fosse como um robô ou um boneco de marionete. O Senhor queria que
fossemos livres para decidir e que em nossa decisão, escolhêssemos Ele.
 _________________________________________
2. O LIVRO DE OBADIAS
           
            1. Contexto histórico.
            - “tudo indica que os versículos  10 a 14 refiram-se”, para explicar
            melhor, você pode pedir para os alunos lerem esses versículos e apontar
            os pontos que falam da destruição de Jerusalém.    

2. Estrutura e mensagem.
- “seu estilo é poético”, é um estilo literário que visa embelezar a narração
usando alguns recursos como rima, figuras de linguagem, analogias e etc.
- Lembre-se que o estilo poético só será percebido na língua original.
- “filhos de Esaú”, são os descendentes de Esaú, pois se tornaram também
em uma grande nação e habitaram a montanha de Seir.

3. Posição no Canon.
“justifique tal posição”, é explicar que esse livro se encontra entre Amós
e Jonas devido a semelhança que ele tem com os elementos da profecia de
Amós e Jonas.  
_________________________________________

3. EDOM, O PROFANO

1. Origem.
- “negou passagem a Israel por seu território”, a retribuição que eles receberam
foi devido a esse fato.
- Edom foi invadido no ano 70 d.C. e foi totalmente destruído e hoje o local onde
se situava é um deserto.
- que tratassem os edomitas como irmãos”, o Senhor diz em Obadias que Edom
seria destruído, mas em Deuteronômio Ela manda que seu povo os trate como
irmãos. Isso nos mostra que a vingança é do Senhor e é Ele quem retribui, nós
temos que entregar nossos inimigos nas mãos do Senhor, não devemos fazer
justiça com as próprias mãos.

2. O Deus soberano.
- “Esta chancela destaca a soberania”, chancela é a marca de uma assinatura que
comprova sua autenticidade. No caso do versículo 1 é a frase “assim diz o Senhor
JEOVÁ”, mostrando que as profecias são do Senhor.

3. Preparativos do assedio a Edom.
- ...

4. O rebaixamento de Edom
- “perfeito profético”, essa é uma expressão da fé, é a certeza de que Deus
fará exatamente aquilo que Ele falou que vai fazer.

5. O orgulho leva a ruína.
-“soberba espiritual”, é a soberba daquele que acha que está bem espiritualmente
e que é melhor do que os outros.

4. A RETRIBUIÇÃO DIVINA

1. O princípio da retribuição divina.
- A retribuição divina existe, porém ele é feita por Deus e no tempo de Deus. Não
existe o ditado popular  “aqui se faz, aqui se paga.” é mentira.
- “paradigma”, é um padrão a ser seguido. Aqui está dizendo que o que será feito
com Edom é um padrão para todas as pessoas. Pois cada um receberá exatamente
a medida conforme procederam.

2. O castigo de Edom.
- ...

3. Esaú e Jacó.
- “identificado como Israel e Efraim”, depois da divisão o reino do norte passou
a ser citado por Deus como “Israel” e também como ele era composto por 10 tribos
Deus sempre citava a maior tribo como representando todas as outras “Efraim”.
- “reunificação”, essa profecia se cumprirá no fim dos tempos.
 ________________________________________
CONCLUSÃO
- Para fechar essa lição comente que o que Obadias nos ensina sobre retribuição
deve ser aplicado na nossa vida.
- Lembre-se que há diferença entre consequência e a retribuição.
- “consequência”, é o resultado da semeadura, se alguém plantar algo ruim
vai colher coisa ruim. Consequência é aquilo que advém de uma atitude.
- “retribuição”, é o pagamento na mesma medida, que alguém recebe por algo que
fez, seja bom ou ruim.
- Para nossos erros sempre existem consequências e se não nos consertarmos e ignorarmos
nossos pecados, então virá a retribuição de Deus.

Marcos André - Professor

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários estão liberados, dessa forma o seu comentário será publicado direto no CLUBE DA TEOLOGIA.
Porém se ele for abusivo ou usar palavras de baixo calão será removido.