terça-feira, 6 de novembro de 2012

ESCOLA DOMINICAL - Esboço e Subsídio - Lição 6 - Revista Editora Betel



AULA EM 11 DE NOVEMBRO DE 2012 – LIÇÃO 6
(Revista: EDITORA BETEL)

Tema: “Qualidades de Paulo como Missionário”
  
Texto Áureo: Ato 13.2
  
INTRODUÇÃO
            - Professor(a), aproveite nesta lição para ensinar seus alunos a respeito
da obra missionária.
- “depositaram nele sua confiança”, relembre aos alunos que os que
ajudaram a Paulo foram Ananias e Barnabé. É necessário que os
crentes confiem mais uns nos outros.
- “estatuadas”, o verbo estatuar significa: por, colocar. De início parece
que houve um erro e que a palavra correta seria “estudadas” em vez de
“estatuadas”.

1. UM VASO BEM ACABADO

1.1. Um obreiro preparado
- “fariseus proselitistas”, o proselitismo é a pratica de converter alguém
para sua religião, isso é o que os fariseus faziam e Jesus comenta acerca
deles nessa prática em Mt 23.15, nesse tópico está sendo dito que Paulo e
Barnabé já tinham visto essa prática e de certa forma poderiam utilizar
algum recurso na obra missionária.
- “falava grego e latim”, Paulo já era um poliglota antes de se converter,
dessa forma entendemos porque ele foi escolhido por Deus para pregar aos
gentios, sabemos que Deus capacita, mas Ele também gosta de ver alguém
esforçado, com a busca do conhecimento.

1.2. Um obreiro experiente
- “Paulo foi adquirindo experiência”, quer dizer que os sofrimentos que
ele sofreu na obra, serviram para isso principalmente, dar experiência para
Paulo. Ensine aos alunos que as situações difíceis que passamos servem
para nos preparar para algo mais em nossa vida cristã.
- “novas situações”, devido às novas situações que podem ocorrer, o crente
nunca deve se acomodar, deve estar sempre em oração e meditação na
Palavra de Deus.

1.3. Um servo submisso       
- A submissão é a melhor qualidade de um servo de Deus, às vezes acontecem
situações em que é melhor nos calarmos, quando vemos algo errado, quando
somos prejudicados, quando somos injustiçados, às vezes nos calamos para
que a obra do Senhor não sofra.
- Um obreiro que está sempre reclamando e questionando acaba  atrapalhando
o agir do Espírito Santo.
 ________________________________________
2. UM SOLDADO VALOROSO                            
- João Marcos”, esse é o evangelista Marcos, escritor do segundo evangelho.

            2.1. Um servo sofredor
            - “Paulo assumiu a liderança”, na verdade o chamado para aquela obra
missionária era de Paulo e por outro lado, Barnabé era um homem muito
humilde e não vislumbrava nenhuma glória, por isso eles não tiveram
nenhum problema nessa área.
- Aqui é apresentado os problemas de perseguição que Paulo enfrentou na
viagem, veja que não era qualquer um que se arriscaria em uma obra missionária
com Paulo, tinha que ter muita coragem.

2.2. Um missionário estrategista
- “uma boa estratégia”, você pode comentar que enquanto fazemos a obra de
Deus ocorre uma batalha no mundo espiritual e que tem reflexos no mundo
material.
- Paulo tinha oportunidade de falar na sinagoga por ser fariseu, mas o objetivo
era de, após alguma conversão na sinagoga, ele fixava a igreja na casa de
algum crente novo convertido.

2.3. Um líder adaptável
- “Paulo era flexível”, o contrário de flexível é intolerante, quer dizer que
Paulo passou a ser flexível, pois quando antes da sua conversão ele era
totalmente intolerante com qualquer um que anunciasse outro caminho que
não fosse a religião judaica.
- “o evangelho não é privilégio de alguns”, o evangelho é uma mensagem
e não uma religião e como mensagem ele pode ser transmitido e assimilado
por todas as culturas. Quem transmite a mensagem deve ser flexível para
falar com diversos tipos de pessoas em diversos lugares.
- “ponto de contato social ou cultural”, é aquilo que temos em comum
com as pessoas que tentamos ganhar pra Jesus, um costume, uma tradição,
uma meta, uma mania, qualquer coisa pela qual podemos iniciar uma
conversa. Aqui está uma jóia do ensinamento missionário, se o missionário
souber encontrar esse ponto de contato, ele ganhará muitas almas pro Rei
Jesus.
____________________________________
3. UM HOMEM RESIGNADO

3.1. O objetivo de Paulo
 - “dedicação integral”, é a dedicação em todo tempo. Mesmo que trabalhemos
ou  estamos, devemos estar sempre dedicados na obra de Deus.
- “como o caso de João Marcos”, posteriormente quando Barnabé
tentou levar João Marcos em outra viagem At 15.36-39, Paulo não aceitou e por
isso houve uma divisão entre eles.
- Uma situação interessante pois:
a) Barnabé, como tinha um coração bondoso, queria dar uma segunda chance ao jovem;
b) Paulo, como era zeloso com as coisas de Deus, temia que Marcos falhasse novamente
deixando-os no momento difícil.
-“infestado de ladrões”, lembre-se que não se sabe se foi por esse motivo que
João Marcos deixou a viagem naquele momento.

3.2. Assim combato, não como batendo no ar
 - “contra-atacará”, o contra ataque de Satanás tem sido muito eficaz por pegar o
servo de Deus desatento e relaxado, pois normalmente depois de uma vitória nós
descansamos despreocupados, em vez de redobrar a vigilância, veja o que Jesus fez
logo após ter multiplicado os pães Jo 6.15.

3.3. Para alcançar uma coroa incorruptível
- “estão desclassificados a tempos”, por que será que Deus deixa alguém que
já perdeu a salvação, fazendo a obra e enganando o povo?
Proponho essa resposta: muitos atletas sãos desclassificados após a competição,
só para não estragar o evento. Assim o Senhor não tira da obra aquele que
está de qualquer maneira, pois a desclassificação dele vai ser no final, no Juízo
Final. Sabe como é, só pra não estragar o evento.
- O mais importante para Deus é espalhar a mensagem do evangelho no mundo,
por isso ele não fica eliminando todos os que estão deliberadamente em pecado.

 ___________________________
CONCLUSÃO
- Você pode concluir falando de preparo, pois há uma grande necessidade de
preparo por parte dos obreiros. Muitos obreiros são relaxados, fazendo a obra
de qualquer maneira, não se preparam e não buscam o conhecimento.
 - Se a tua classe for de jovens incentive-os a se prepararem para o ministério,
pois essa era uma das preocupações de Paulo, a continuidade da obra de Deus.  
 
 Boa aula!
 _____________________________________________

Marcos André - professor

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários estão liberados, dessa forma o seu comentário será publicado direto no CLUBE DA TEOLOGIA.
Porém se ele for abusivo ou usar palavras de baixo calão será removido.