INICIE CLICANDO NO NOSSO MENU PRINCIPAL



__________________________________________________________________

sábado, 8 de junho de 2013

ESCOLA DOMINICAL - Esboço e Subsídio da Lição 10 - Revista da Central Gospel


AULA EM___DE______DE 2013 - LIÇÃO 10
(Revista: Central Gospel)

Tema: IDE E ENSINAI
  
Texto Áureo:  Pv 22.6
 _________________________________________
 PALAVRA INTRODUTÓRIA
- Professor(a), nesta lição ensine a importância de ensinar, use as referências e dê exemplos atuais.
- “Moisés reapresentou os dez mandamentos”, isso porque o povo anterior já havia morrido no deserto por causa da murmuração e esses eram crianças quando Moisés trouxe pela primeira vez os dez mandamentos. O livro de Deuteronômio foi escrito um ano antes do povo adentrar a terra prometida.
- “teofanias”, é a aparição divina em forma humana, aconteceram algumas vezes no Antigo Testamento, como no caso da aparição dos três varões a Abraão Gênesis 18.1-3 e nessas ocasiões ele era chamado de o “Anjo do Senhor”, os teólogos afirmam que essas aparições eram a manifestação de Jesus no Antigo Testamento.
- “revelação escrita”, essa foi a forma encontrada por Deus para perpetuar o conhecimento a Seu respeito. Antes os fatos acerca de Deus eram passados de pai para filho, mas devido a corrupção da humanidade essa prática deixaria a Palavra de Deus muito alterada, por isso a manifestação escrita é a melhor forma de se manter um conteúdo tão importante.
__________________________________________
1. FINALIDADE DO ENSINO BÍBLICO
- “educação religiosa”, se preocupa com a forma de praticar a religião.
- “ensino bíblico”, busca ensinar o que é a religião através das suas doutrinas.
- “sabedoria prática”, é a sabedoria aplicável no cotidiano da vida do indivíduo que a adquire.

1.1. Comunicação dos atos de Deus
- O objetivo de se ensinar esses feitos do Senhor era de buscar a manifestação de gratidão e de fé do povo de Deus. Isso manteria o povo unido, é possível notar que o Senhor sempre ordena a construção de memoriais para que as gerações futuras pudessem se lembrar do Senhor.
- Você pode comentar também, que Deus sabia como é o ser humano, que nós esquecemos rápido o bem que recebemos, por isso as Escrituras foram deixadas para nos lembrar e nos mostrar o poder do nosso Deus.

1.1.1. Manifestações de misericórdia e graça
- “o apresentam”, muitas vezes querem ensinar somente que Deus é terrível e vingativo e que está pronto a castigar. Na verdade houveram ocasiões em que o Senhor precisou agir corretivamente, mas devemos ensinar aquilo que Deus quer que ensinemos, que é os seus mandamentos.
- “que não há espaço para outros deuses”, somente o ensinamento da Bíblia pode mostrar o que são esses outros deuses. Pois não são somente as imagens de escultura existem muitos ídolos na vida de alguns crentes. O importante aqui é saber que se não houver o ensino bíblico, muitos vão pensar que idolatria só existe dentro das igrejas católica.

1.1.2. Mostras da fiel e inabalável dedicação do Senhor
- Aqui podemos ensinar que a Bíblia mostra como o Senhor foi dedicado em manter a aliança, conduzindo o povo à terra, enviando os juízes e profetas, castigando e exortando e por fim, enviando Seu único filho.
- “aliança...com Abraão”, de que faria dele uma grande nação Gênesis 15.5, e que nele seriam benditas toas as famílias da terra. Através da Igreja o Senhor está honrando a Sua aliança com Abraão.

1.2. Instrução espiritual e ética
- “instrução das ordenanças”, a Bíblia manda fazer e pela instrução aprendemos como fazer. Por isso é importante o ensino. Um bom exemplo disso é o caso de Aió e Uzá em 1 Crônicas 13.7-10, eles sabiam que deveriam levar a arca, mas não sabiam como levá-la ou não sabiam a gravidade de não seguir o ensinamento. 
- “promover a transformação de vidas”, não se ensina para que as pessoas sejam mais espertas do que as outras, mas para que elas sirvam melhor o Senhor.

1.2.2. A obediência conduz à vitória
- “naquele novo ambiente”, Canaã era um lugar de maldição e idolatria agora deveria ser o lugar da benção, essas ordenanças mostram que o objetivo do Senhor não era somente conduzir o povo e deixá-lo ali, mas Deus queria ser o seu Senhor para sempre.
- Você pode perguntar para a classe se eles sabem algum outro motivo para que Deus exortasse o seu povo todas aquelas ordenanças e os convidasse a ficarem fieis? Uma resposta: para que Deus enviasse através deles o Salvador do mundo.
________________________________________
2. FATORES ESSENCIAIS AO ENSINO BÍBLICO

2.1. Uma experiência real e constante com Deus
- “e não de Moisés”, toda lei que Moisés escreveu veio de Deus, mas por mero costume humano dizemos a “lei de Moisés” até o próprio Jesus cita dessa forma João 7.19. Um outro exemplo são as “cartas de Paulo”.
- Aqui convém passar que se Deus é o agente educador então precisamos ter experiências com Ele.
- “filactérios”, Fig 1 e 2 – pequena caixa de madeira presa por tiras no braço ou na cabeça, contendo extratos da Torá.
- “mezuzá”, Fig 3 e 4 – cilindro contendo extrato da Torá, para ser fixado na porta.
- Ainda hoje os judeus ortodoxos utilizam esses tipos de objeto.

2.2. Instituições fortes e saldáveis
- “em razão do lugar central”, quer dizer, por terem colocado a Palavra no centro da família e a obedecerem então a instituição família se tornou forte em Israel naquele período.
- “a partir da família”, não havia instituições escolares e para que houvesse aprendizado ele deveria começar na primeira instituição que a pessoa conhece em sua vida, a família, por isso o Senhor mandou que o ensino começassem em casa.
- “escola da profetas”, foi uma instituição forte no tempo de Elias e Eliseu, desapareceu pouco antes do cativeiro.
- “sacerdotal dos escribas”, eram sacerdotes escrivães que tinham a responsabilidade de compilar os rolos e ensiná-los ao povo e autoridades. Essa classe parece ter surgido durante o cativeiro.
- “sinagoga”, Os judeus entenderam que o motivo de estarem no cativeiro foi a falta de conhecimento da Palavra do Senhor. Por isso surge a sinagoga nesse período.
_____________________________________
3. CONSEQUÊNCIAS DO ENSINO BÍBLICO PARA O POVO DE DEUS
- Essas consequências mencionadas aqui podem ocorrer de maneira literal e atá espiritual hoje em dia. Recomendo que você tente citar exemplos de como essas consequências ocorrem hoje.

3.1. Uma geração que conhece ao Senhor e o teme
- “estimula o povo a buscar”, comente que essa é a finalidade do ensino da Bíblia, pois o grande objetivo do evangelho é levar o homem à presença do Senhor como no princípio.
- “das nações visinhas”, está sendo citado o exemplo dos fatos ocorridos no Pentateuco, mas devem ser comparados com os dias atuais.
- “assimilação”, é o processo onde se entende, se aceita e se integra ao meio, costume ou pessoa. Assimilar a natureza de Deus é entendê-la e se integrar a ela buscando imitá-la em seus aspectos que toca o viver humano.

3.2. Uma geração que se identifica com o Senhor
- “que não leve em conta o exemplo”, que ignora o exemplo, que não ensina sobre isso e não passa isso aos alunos, sempre o amor de Deus manifestado do Pentateuco até a cruz e de Atos até Apocalipse deve ser ensinado e imitado.
________________________________________
CONCLUSÃO
- “grandes vitória”, note que nenhuma vitória mencionada no texto é financeira, mas todas essas mencionadas aqui podemos chamar de prosperidade. Esse é o caminho próspero que Deus quer nos dar.
- “educação dos filhos”, diante de uma juventude mergulhada no vício do crack, álcool, pornografia, tráfico e outras mazelas, ter filhos educados no caminho do Senhor é uma grande vitória.
- Prepare as perguntas para puxar a interação da classe, estimulando o debate e sempre buscando temas atuais com os quais a classe se identifique.

Boa aula!

Marcos André - professor

FIGURAS


 Fig 1 - filactérios



Fig 2 - Judeu ortodoxo usando os filactério atados aos dedos, braço e à cabeça.




Fig 3 - mezuzá


.

Fig 4 - mezuzá colocada na porta como é de costume ainda hoje em algumas casas de Israel.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários estão liberados, dessa forma o seu comentário será publicado direto no CLUBE DA TEOLOGIA.
Porém se ele for abusivo ou usar palavras de baixo calão será removido.