INICIE CLICANDO NO NOSSO MENU PRINCIPAL



__________________________________________________________________

quarta-feira, 31 de julho de 2013

ESCOLA DOMINICAL - Esboço e Subsídio da Lição 5 - Revista da Editora Betel


AULA EM 04 DE AGOSTO DE 2013 – LIÇÃO 5
(Revista: EDITORA BETEL)

Tema: “PRATICANDO COM SABEDORIA A COMUNICAÇÃO NO LAR”
  
Texto Áureo: João 13.15
  
INTRODUÇÃO
- Professor(a), nessa lição mostre aos seus alunos como é importante a comunicação na família e como deve ser essa comunicação.
- “aplicá-los à família”, todo conhecimento só terá utilidade se puder ser aplicado, colocado em prática, pois conhecimento sem aplicação só serve para deixar a pessoa soberba. A aplicação aqui se refere à família que é o primeiro lugar onde o servo de Deus deve passar a mensagem de Cristo.

            1. ESTABELECENDO A COMUNICAÇÃO FAMILIAR
            - “comunicação plena”, pleno significa completo, significa aqui a comunicação total dentro da família.
- “ações subjetivas”, são ações que não vão direto ao objetivo, mas elas conduziram ao ele de forma indireta.
- Notemos que a comunicação dentro da família não envolve apenas palavras mais sim algumas ações simples que comunicam tanto quanto a fala.

1.1. Comunicação e democracia
- “não estabelecer regras”, se refere as situações em que os pais tentam dar a máxima liberdade para os filhos e um para com o outro.
- “diferenças fundamentais”, se refere às diferenças de autoridades dentro da família.
- “abole os papéis”, extingui, acaba, destrói os papéis da autoridade.
- “anarquia”, é a falta da autoridade, sinônimo de desordem, bagunça.
- “se desfazem”, se refere obviamente ao divórcio, muitos lares se desfazem devido à falta da autoridade dentro de casa, quando essas concessões são estabelecidas e a autoridade dos pais não são observadas, o fim acaba sendo o divórcio.

1.2. Comunicação e autoridade
- “regime de arbitrariedade e tirania”, é totalmente oposto ao democrático, se caracteriza pela imposição da autoridade sem discussão ou opiniões contrárias.
- “com moderação”, sem exageros.
- “sem...imparcialidade”, sem tomar partido, fazendo as ordens serem iguais para todos e não pesarem mais pra um do que para outro. As regras devem valer igual para todos dentro do lar.
- “coerência”, cada ordem ou regra deve contribuir para um objetivo.

1.3. Comunicação e informação
- “deve ser usada para estabelecer o canal do diálogo”, todo conhecimento útil deve ser trazido para dentro do seio familiar e conversado pelos integrantes da família, dessa forma os pais estarão estreitando os laços de amizade com os filhos e ensinando os filhos a formularem opiniões próprias e tornando o lar um lugar agradável.
____________________
2. COMUNICANDO PRINCÍPIOS E PADRÕES DURADOUROS
- “paradigma”, é um modelo de ação padronizado, que se for quebrado resulta em não aceitação pelos indivíduos independente do resultado.
- “obedecem a princípios”, alguns padrões foram instituídos de acordo com as características humanas.

2.1. O que são padrões?
- “estabelecido para servir de referência”, já que estamos falando de comportamento, você pode explicar que os padrões são os referenciais de comportamento existentes na sociedade para servirem de modelo. Um exemplo de quebra de padrões pode ser a manifestação ocorrida em 27 de julho de 2013, em Copacabana, durante a visita do papa, chamada de Marcha das Vadias, onde manifestantes zombaram de símbolos religiosos, poucas ocasiões na história de humanidade se admitiu esse tipo de desrespeito. Fig 1

2.2. A importância dos padrões na edificação da família
- “aplicação da disciplina”, disciplina aqui se refere ao respeito e à observação das normas e regras, pode ser entendido como a capacidade de seguir regras.
- Os padrões familiares são os valores tradicionais das famílias, como respeito aos mais velhos, aos pais, a honestidade, a ajuda entre os membros da família, etc.
- “constância na doutrinação”, as correções, os exemplos e a manutenção da disciplina devem ser constantes, não podem ser apenas em momentos isolados.
- “devem ser comunicados”, os padrões devem ser passados por meio da comunicação, que nem sempre serão por palavras, podem ser transmitidos por meio de exemplos através de atitudes, que muitas vezes falam mais do que palavras. 

2.3. Discernindo padrões fundamentais e padrões secundários
- “padrões verdadeiramente cristãos”, muitos desses padrões geralmente se confundem com os padrões familiares tradicionais.
- “como usuário de drogas”, é um exemplo de alerta aos filhos sobre comportamento para evitar o pré-julgamento. Com certeza se alguém andar em companhia de usuário de drogas será fatalmente confundido com um.
 ____________________________________
3. CRIANDO CONVICÇÕES POR MEIO DA COMUNICAÇÃO
- “capacidade de serem juízes”, é formar no jovem as condições de autocrítica, as pessoas aprendem primeiro a julgar os outros e alguns nunca chegam a entender a importância da autoanálise.

3.1. Comunique valores e princípios inquestionáveis e universais
- “valores que padronizam”, esses valores são comuns nos verdadeiros servos de Jesus, o mundo espera ver isso nos cristãos, todos cobram isso de nós. Os pais devem se esforçar para comunicar aos filhos esses padrões.
- “amor incondicional”, é conhecido como amor ágape, amor incondicional significa que ama sem impor condições à pessoa amada.
- “respeito aos iguais e aos diferentes”, quer dizer que não faz acepção de pessoas.

3.2. Comunique valores e princípios com coerência
- “entre o que se fala e o que se faz”, é a falta de exemplo, não adianta os pais aconselharem, estimularem e cobrarem dos filhos uma postura e eles mesmos não praticarem aquilo que ensinam. Esse tipo de comportamento pode afastar os filhos até da presença do Senhor.
- “o que veem”, o exemplo demonstrado através de atitudes é poderoso para instruir os jovens. Um exemplo fala mais do que mil palavras.
- “saibam sempre o que esperar”, os pais não devem ser inconstantes nas palavras, ou de coração dobre, que um momento querem uma coisa e em outro momento outra. Tiago 1.8

3.3. Comunique um relacionamento confiável e aconchegante
- “ímpeto juvenil”, é a precipitação do jovem que faz com  que ele cometa erros, tome atitudes erradas, alguns chegam a se afastar de Deus, mas se esse jovem teve um lar aconchegante, então por mais que ele erre não se distanciará do Senhor.
- “ouçam sempre seus argumentos”, esse é um princípio de boa comunicação que jamais pode ser ignorado, é ouvir o outro, Jesus sempre fazia isso. Professor ensine aos seus alunos que muitos problemas no lar são resolvidos quando os pais ouvem ao invés de falar. Vivamos no tempo em que todos querem falar, mas poucos estão dispostos a ouvir.
___________________________
CONCLUSÃO
- “empatia”, ato de se imaginar no lugar do outro, para saber como ele se sente.
- “a fim de desenvolvermos”, comente que o exercício da comunicação como está sendo ensinado nesta lição, pode ajudar aos pais a prepararem seus filhos para a sociedade.
- Na Bíblia encontramos situações de filhos que não seguiram o mesmo padrão dos pais, caso dos filhos de Eli 1 Samuel 2.12 e os filhos de Samuel. 1 Samuel 8.5

Boa aula!


Marcos André – professor

FIGURA

                                  Fig 1 - Manifestante seminua sentada em cima de crucifixos 

10 comentários:

  1. Parabéns Professor Marcos pela sua auto ajuda nestas maravilhosa lições,este seu esboço é muito,muito, maravilhoso Deus abençoe você de uma forma maravilhosa.
    Sempre eu uso seu esboço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado irmão Jorge, por valorizar nosso trabalho, Deus te abençoe. Me ajude em oração. Paz.

      Excluir
  2. A Paz do Senhor Jesus, professor Marcos, gostaria de lhe agradecer e dizer que louvo a Deus, por sua vida, o senhor tem sido de uma grande ajuda a nós professores com seus esboço aprendemos e conseguimos levar as salas de aulas um bom estudo. E que o amor de Deus a graça de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo e as doces consolações do Espirito Santo, nunca se aparte de sua casa. Obrigado por sempre fazer o melhor para o Reino de Deus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amém irmão Gildo obrigado pelo carinho e consideração, estou tentando colocar em dia os esboços e ter mais tempo para minha família, preciso de oração mais do que de qualquer outra coisa.
      PAZ.

      Excluir
  3. parabéns pelo blog,tem sido de imensa utilidade para minha vida ministerial,logo terei condições de ajudar esse ministério tão abençoado
    estamos programando um curso para professores de E.B.D.gostaria de saber se o irmao ministra esse tipo de curso e como seria, como o irmão poderia nos ajudar. Aguardo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Paz querido, se tiver ao meu alcance, eu posso ministrar, por isso vai depender do local. Faz um contato comigo:
      Cel 21 92791366
      tel 21 37540312
      email: licks1996@gmail.com

      Excluir
  4. pastor , parabéns o senhor é uma benção na minha vida ,tem me ajudado muito na ebd ,que deus o abençoe .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amém irmão Richard, estamos sempre tentando melhorar, ore por mim e se puder contribua rssr (só se puder) Paz.

      Excluir
  5. Muito bom este blog, todo sábado tiro minhas dúvidas quanto a lição e tenho certeza que o que aprendo aqui enriquece muito a aula que ministro para a união feminina. Irei colaborar. A paz do Senhor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Glooooooooria! Mais uma ajudadora do CLUBE DA TEOLOGIA, Deus nos ajudará. Paz.

      Excluir

Todos os comentários estão liberados, dessa forma o seu comentário será publicado direto no CLUBE DA TEOLOGIA.
Porém se ele for abusivo ou usar palavras de baixo calão será removido.