INICIE CLICANDO NO NOSSO MENU PRINCIPAL



__________________________________________________________________

sábado, 3 de agosto de 2013

ESCOLA DOMINICAL - Esboço e Subsídio da Lição 5 - Revista da Central Gospel


AULA EM___DE______DE 2013 - LIÇÃO 5
(Revista: Central Gospel)

Tema: EUTANÁSIA, SUICÍDIO E PENA CAPITAL
  
Texto Áureo:  2 Coríntios 5.10
 _________________________________________
 PALAVRA INTRODUTÓRIA
- Professor(a), nesta lição nesta lição defina antecipadamente as suas posições éticas diante das questões do tema, para evitar perguntas que te deixem dividido.
- “equacionar”, quer dizer equilibrar.
- “questões éticas”, são as questões da sociedade que não estão claras se são certas ou erradas, ou até onde são certas, ou em que situações estão corretas.
- “responsabiliza cada pessoa”, todos esperam a orientação do pastor, mas cada um dará conta de si ao Pai.
- “que se reúnam”, é a reunião das pessoas que podem ajudar na decisão. Não se pode tomar uma decisão importantíssima como aquelas que envolvem vidas somente pelo que manda o coração ou por uma revelação ou visão.
__________________________________________
1. A EUTANÁSIA
- De acordo com a lição entendemos que a eutanásia é praticada por pessoas que deram totalmente a esperança.
- Embora o nome seja diferente, na verdade a eutanásia é uma prática de suicídio com ajuda de outros.

1.1. A eutanásia no Brasil
- A eutanásia não é autorizada no Brasil.
- A prática da “ortotanásia”, é uma espécie de eutanásia, porém não pode ser considerada como suicídio.         

1.2. A eutanásia no mundo
- ...  

1.3. O conflito entre prolongamento e apressamento
- Existem casos em que a família decide por desligar os aparelhos, não se configura suicídio.
- A pessoa deve ser orientada a lutar pela vida e não optar por essa prática de suicídio.
“Nenhum homem há que tenha domínio sobre o espírito, para o reter; nem tampouco tem ele poder sobre o dia da morte; como também não há licença nesta peleja; nem tampouco a impiedade livrará aos ímpios.”
Eclesiastes 8:8
_______________________________________
2. O SUICÍDIO
- “irracional”, que não tem base na razão, nem todos os casos de suicídio podem ser explicados racionalmente.

2.1. Causas motivadoras do suicídio
- “psíquico”, relativo à mente, são problemas que se originam na mente, onde a pessoa processe suas emoções e às vezes alguém entra em colapso.
- “fisiológicos”, relativo às funções vitais do organismo humano.
- “esquizofrenia”, seria a alteração da realidade, onde o indivíduo imagina coisas.
- “bipolaridade”, é comportamento de uma pessoa que muda de sentimentos de uma hora para outra, e também pode ser chamado de transtorno bipolar ou distúrbio bipolar.
- A marca principal do suicida é a perda da esperança, em todos os níveis, deixa de acreditar na vida, deixa de achar que as coisas podem melhorar.

2.2. Tipos de suicídio mais conhecidos
- “Émile Durkheim”, nasceu em Lorena na região nordeste da França, descendente de família judia. Iniciou seus estudos filosóficos na Escola Normal Superior de Paris, indo depois para Alemanha. Ainda menino decidiu se afastar do judaísmo, levando uma vida bastante secular.
- “Sociologia”, é a ciência que estuda a sociedade, e as relações sociais de seus indivíduos.
- “(falsamente), altruísta”, o tipo de determinação que Durkheim nomeou foi somente “altruísta” é chamado inclusive de “suicídio altruísta”, esse “falsamente” entre parênteses é acréscimo do comentarista.
- Durkheim chamou de altruísta por ser um suicídio em que a pessoa pratica em nome de um grupo e seus ideais. Como os kamikazes japoneses e os homens bombas dos grupos extremistas.
- “anômico”, relativo à anomia, falta de regras, desorganização social.
- “idealista”, pode ser confundido com o altruísta de Durkheim, parece que o comentarista quis dizer a mesma coisa de Durkheim, mas com outras palavras.

- “judicial”, motivado por um sentimento chamado de remorso. Foi o caso de Judas.
____________________________________
3. A PENA CAPITAL
- “também reconhecido”, reconhecido lá no Antigo Testamento, era uma prática inclusive ordenada por Deus em algumas ocasiões. Mas isso foi antes do advento de Cristo.

3.1. A pena capital no Antigo Testamento
- “Mas da árvore do conhecimento do bem e do mal, dela não comerás; porque no dia em que dela comeres, certamente morrerás.”
Gênesis 2:17
- “o adultério”, para ambos os adúlteros: “Também o homem que adulterar com a mulher de outro, havendo adulterado com a mulher do seu próximo, certamente morrerá o adúltero e a adúltera.”
Levítico 20:10
- “filho incorrigível”, atualmente pouco se fala dessas passagens. “Quando alguém tiver um filho contumaz e rebelde, que não obedecer à voz de seu pai e à voz de sua mãe, e, castigando-o eles, lhes não der ouvidos,
Então seu pai e sua mãe pegarão nele, e o levarão aos anciãos da sua cidade, e à porta do seu lugar;
E dirão aos anciãos da cidade: Este nosso filho é rebelde e contumaz, não dá ouvidos à nossa voz; é um comilão e um beberrão.
Então todos os homens da sua cidade o apedrejarão, até que morra; e tirarás o mal do meio de ti, e todo o Israel ouvirá e temerá.”
Deuteronômio 21:18-21

3.2. A pena capital no Novo Testamento
- “apenas o governo romano”, nas províncias controladas por Roma somente uma autoridade romana poderia autorizar a execução de alguém, em nome de César. Por isso tiveram que levar Jesus ao procurador de Roma que naquela época era Pilatos.
- “acusaram-no injustamente”, a acusação falsa era para apresentar algo que justificasse diante de Roma uma pena capital. Veja o texto: “Ora, os príncipes dos sacerdotes, e os anciãos, e todo o conselho, buscavam falso testemunho contra Jesus, para poderem dar-lhe a morte;”
Mateus 26:59
- “submeteu-se a ela”, Jesus é o nosso maior exemplo de disciplina, pois até na sua morte Ele cumpriu a lei, veja: “Não cuideis que vim destruir a lei ou os profetas: não vim abrogar, mas cumprir.”
Mateus 5:17
- Professor(a), vai aqui um argumento caso você tenha alguém a favor da pena capital na classe: a pena de morte foi instituída no Antigo Testamento, devido às leis universais instituídas por Deus conforme Ezequiel 18.4, “a alma que pecar, essa morrerá.” ou como em Romanos 6.23, “o salário do pecado é a morte” ou como em Hebreus 9.22 que diz: “sem derramamento de sangue não há remissão de pecados.
Porém no Novo Testamento Jesus não veio condenar ninguém a morte, mas Ele veio dar vida e vida com abundância João 10.10, por isso o próprio Jesus era contra a pena capital veja:
“E, como insistissem, perguntando-lhe, endireitou-se, e disse-lhes: Aquele que de entre vós está sem pecado seja o primeiro que atire pedra contra ela.” João 8:7
Ou será que esse texto resolve:
“Ao que te ferir numa face, oferece-lhe também a outra; e ao que te houver tirado a capa, nem a túnica recuses;”
Lucas 6:29
Existem milhares de outros textos contra a pena de morte em o Novo Testamento.
- Professor(a), se você for a favor da pena de morte recomendo que nem dê essa aula. Aliás recomendo que reveja seus conceitos cristãos sobre fé, amor e perdão.

3.3. Pena capital, hierarquia da justiça
- “hierarquia”, é a graduação da autoridade, por ordem de importância ou de superioridade.
- “há controvérsias”, são ideias contrárias, debates. A controvérsia reside na questão de saber se o estado tem condições de decidir sobre o extermínio da vida. Será que a máquina jurídica tem competência para julgar com imparcialidade todos os casos? E será que biblicamente o Senhor nos autorizou a tirar a vida de alguém?
- A doutrina do perdão faz oposição à pena capital.
________________________________________
CONCLUSÃO
- “zona de conforto”, se refere à segurança de não ter que emitir uma opinião para ser ferrenhamente contestado dentro e fora da igreja.
- “respostas plausíveis”, são respostas aceitáveis, admissíveis, coerentes.
- Professor(a), tenha as referências em mãos, mas recomendo que você tenha seu posicionamento firme sobre esses assuntos. É bom saber da direção da igreja, qual a posição dela também.  
- Eu apresentei aqui alguns argumentos e referências mas você pode pesquisar outros argumentos e referências também.

Boa aula!

Marcos André - professor             

2 comentários:

  1. A Paz do Senhor Pb.Marcos.Quero que saiba que os seus esboços muito tem me ajudado na ministração da minha aula, pena que os comentários da revista Central Gospel está com uma lição atrasada, e isto tem me deixado sem os esboços, porque quando o Professor faz o comentário a aula já foi dada. Será que seria possível o professor colocar em dia, seria uma benção muito grande, pois muito me faz falta. Que Deus continue abençoando o amado irmão, sua família, igreja e ministério. Fique na paz do Senhor. Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Paz irmã Marilza, estarei essa semana colocando essas lições em dia. Está dando bastante trabalho, mas sei que o Senhor está do nosso lado. Continue orando por essa obra.

      Excluir

Todos os comentários estão liberados, dessa forma o seu comentário será publicado direto no CLUBE DA TEOLOGIA.
Porém se ele for abusivo ou usar palavras de baixo calão será removido.