INICIE CLICANDO NO NOSSO MENU PRINCIPAL



__________________________________________________________________

sábado, 21 de setembro de 2013

ESCOLA DOMINICAL - Esboço e Subsídio para a Lição 12 - Revista da Central Gospel


AULA EM___DE______DE 2013 - LIÇÃO 12
(Revista: Central Gospel)

Tema: O CRISTÃO E AS FINANÇAS
  
Texto Áureo:  Salmo 24.1
 _________________________________________
 PALAVRA INTRODUTÓRIA
- Professor(a), nesta lição ensine um pouco de educação financeira, você pode conseguir algumas excelentes dicas de economia familiar na internet. Seria interessante passar aos alunos em folha separada
__________________________________________
1. DEUS É DONO DE TUDO
- As verdades ditas aqui serve para você concluir que não adianta o individuo querer economizar de forma avarenta, sem desfrutar de nada. Por isso a pessoa deve economizar e gastar com moderação no que for conveniente.

1.1. O dinheiro no Antigo Testamento
- Nesse tópico podemos ver que não problema em ser rico, desde que seja salvo e convém lembrar que não é plano de Deus que todos sejam ricos, se fosse assim ele não mandava Elias ser sustentado por uma viúva, fazia Elias ficar rico.

1.2. O dinheiro no Novo Testamento
- “coisas que priorizamos”, são as que damos mais importância.
- “é algo neutro”, não está em nenhum lado nessa luta, não é o dinheiro que corrompe ou que abençoa. Só precisamos ter disciplina para usá-lo.
_______________________________________
2. O DINHEIRO E OS MULTIPLOS ENCADAMETOS
- “instituiu o trabalho”, o trabalho não é maldição, pois ele já aparecia antes de Genesis 3.
- “que vão alem do alimento”, se refere aos bens materiais que muitos compram para se afirmar socialmente.

2.1. Benção e maldição
- “Quando se torna um deus”, é quando o individuo não manda mais no dinheiro e o dinheiro passa a mandar nele. Não se iluda, pois existem crentes assim.  

2.2. Esforço e recompensa
- A aquisição de dinheiro de modo irregular ou ilícito, não pode ser tomada como base para exemplos. O dinheiro deve ser adquirido de forma limpa.

2.3. Acomodação e desânimo
- Todas as situações aqui mencionadas levam o crente a acomodação. Essa situação deve ser evitada.
- “conviver com a miséria”, esse é o pior estágio da acomodação, onde a pessoa se entrega ao descompromisso total.

2.4. Avareza e ganho fácil

2.4.1. Avareza
- “acumular riquezas”, existe o tipo clássico de pessoas que tem uma poupança bem gorda, mas tem uma qualidade de vida muito baixa.
- Convém lembrar guardar dinheiro é bom desde que seja para um fim específico.

2.4.2. Ganho fácil
- “ócio”, é estado do que está parado, vagabundo.
- “envolver em negociatas”, tem surgido crentes que apostam na loteria em bolões ou individualmente, isso é falta de fé em Deus.
_______________________________________
3. ADEQUADO USO DO DINHEIRO
- “quantidade...que sai...que entra”, essa é essência da economia familiar, mas existem fatores que complicam. Um deles é o cartão de crédito, pois com ele fica difícil manter a disciplina nos gastos.

3.1. Priorizar o dono de todas as coisas
- Entregar o dízimo, ofertar, ajudar um necessitado, deve ser visto como um investimento no Reino de Deus.

3.2. Avaliar as necessidades
- Para as necessidades primárias você pode recomendar aos alunos que evitem economizar exageradamente comprando produtos de má qualidade, pois a perda é maior.
- Para as secundárias o crente deve dar preferência às que atendam a toda a família, como um lazer, uma pizza, etc.

3.3. Não contrair dívidas
- O ideal seria o cristão comprar à vista, pois com dinheiro na mão ele pode conseguir boas ofertas. Se uma geladeira está sendo vendida à R$ 2.000,00 e alguém que disciplinadamente ajuntou esse valor numa poupança estiver precisando, pode negociar o pagamento à vista e adquirir um item mais novo que economizará mais energia que a geladeira velha. O mesmo serve pra compra de carro.

3.4. Economizar
- “Orçamentar”, seria escrever num papel as entradas e as saídas para o mês seguinte.
- “Não desperdiçar”, numa casa convém deixar tudo funcionando bem, concertar vazamentos de água, economizar energia, gás, etc, no total pode se economizar mais de R$ 100,00 o que já dá para um pequeno lazer com a família.
____________________________________
CONCLUSÃO
- “critério”, são padrões a serem observados na escolha.
- Oriente os alunos a evitarem os cartões de crédito e o crédito fácil.

Boa aula!


Marcos André – professor

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários estão liberados, dessa forma o seu comentário será publicado direto no CLUBE DA TEOLOGIA.
Porém se ele for abusivo ou usar palavras de baixo calão será removido.