INICIE CLICANDO NO NOSSO MENU PRINCIPAL



__________________________________________________________________

sexta-feira, 8 de novembro de 2013

ESCOLA DOMINICAL - Esboço e Subsídio da Lição 6 - Revista da Editora Betel



AULA EM 10 DE NOVEMBRO DE 2013 – LIÇÃO 6
(Revista: EDITORA BETEL)

Tema: Cavernas: campo de treinamento de Deus para forjar campeões
  
Texto Áureo: 1 Samuel 18.12
  
INTRODUÇÃO
- Professor(a), nesta lição ensine os alunos a confiarem em Deus, use o exemplo de Davi expresso aqui para ajudar seus alunos a confiarem em Deus.
- “Aquis, rei de Gate”, relembre aos alunos que Davi era famoso em Gate, pois ele havia feito várias campanhas de guerra por lá e inclusive havia matado o gigante Golias que era natural dessa cidade, então ele se fingiu de louco diante do rei de Gate, pois assim que o rei Aquis colocasse as mãos em Davi o mataria.
- “situação igual ou pior”, eram homens fugitivos como Davi, que alimentavam a esperança de um reino governado com sabedoria.
_______________________________________
1. Removendo os alicerces
- “exército leal”, aqueles homens se tornaram os valentes de Davi registrados no capítulo 23 de 2 Samuel, a partir do verso 8.
- “remover os alicerces”, significa ter suas bases movidas, se refere ao fato de Davi ter que sair do conforto da casa real para a caverna.
- CONTÉM A RESPOSTA DA QUESTÃO 1, expresso no início desse subtópico.

1.1. Removendo as muletas
- “nada havia feito de errado”, Davi apenas apareceu mais do que Saul, teve mais destaque, conquistava o coração de todos ao seu redor e Deus era com ele. Muitos líderes agem como Saul, não suportam quando aparece alguém de maior destaque do que eles.
- “Ele perdeu tudo, menos a confiança em Deus”, às vezes a caverna é o momento de se encontrar com Deus e obter uma experiência nova, Davi perdeu tudo, mas foi visitado por quem ele não esperava e fez amigos onde jamais podia imaginar que os encontrariam. Às vezes Deus permite que entremos em uma caverna para mostrar que nem todos que julgamos ruim são realmente ruins. 
- “removendo as muletas”, é retirar o apoio de quem não pode andar, Davi perdeu o apoio de Jônatas, de Mical e de Samuel.
- CONTÉM A RESPOSTA DA QUESTÃO 2, expresso no final desse subtópico.

1.2. A um passo da morte
- “depois experimentava exatamente o oposto”, os que têm chamado de Deus vivem esses altos e baixos no início, para aprender a se portar diante de situações tão diferentes.
- “podia pagar com a própria vida”, porque se Saul soubesse que alguém ajudou a Davi, ele mandaria matar.

1.3. A ironia de uma caverna
 - “vemos Deus realizar coisas interessantes e hilárias”, Deus trabalha de forma diferente para cada pessoa. As coisas às vezes se complicam, depois inexplicavelmente se resolvem pela mão de Deus.
- “Tudo o que faz é não perder Deus de vista”, esse é um exemplo de Davi pra nossas vidas, independente da aflição que passamos nesse mundo, precisamos estar na presença do Senhor, pois há situações que só Deus pode resolver.
- “quando somos nós quem precisamos de ajuda”, você pode comentar com os alunos que muitas vezes que precisamos de uma Palavra, de um abraço ou de um conselho, aí é que Deus nos usa para dar uma palavra, um abraço ou um conselho. Deus tem a capacidade de fazer a gente enxergar que tem pessoas em situação pior que a nossa.
__________________________________
2. Antes do trono, uma caverna
- “motivo pelo qual devemos sofrer determinadas derrotas”, comente que nenhum exército, por melhor que seja, consegue vencer sempre, o exército de Cristo também não, às vezes precisamos perder uma pequena luta para não perder a guerra.
- CONTÉM A RESPOSTA DA QUESTÃO 3, implícita nesse subtópico.

2.1. Davi e as cinzas
- “se sentindo um nada”, diante das muitas lutas, alguns irmãos chegam a ficar assim, e se refugiam em uma “caverna” (em casa), o problema é que alguns deixam Deus totalmente e chegam a entrar em depressão. Não se deve afastar de Deus nessas horas.
- “a família pode ser nossa única fonte de ajuda”, às vezes a solução pode estar dentro da nossa casa e não vemos. Existem casos em que crentes fieis sofrem acidentes e ficam se perguntando o por quê! Então quando param de fazer a obra e ficam em casa se recuperando, começam a perceber detalhes na sua família, que antes não percebiam devido a correria do trabalho e das atividades da igreja. Quem sabe um filho precise de ajuda? Talvez seja necessário o Senhor nos mandar para uma caverna para vermos os problemas em nossos filhos e conjugue.
2.2. Davi e os que estavam em aperto
- “Os que se achavam em aperto”, pode ser o aperto financeiro, que naquela época logo se transformava em fome, o aperto financeiro era mais difícil naquele tempo. Dificilmente significa “estresse” como aponta a revista. Poderia ser também pessoa perseguida pelo governo como Davi.  
- “todo homem endividado”, naquela época o não pagamento de uma dívida dava o direito de se tomar os bens do endividado ou fazê-lo escravo. Por isso muitos endividados preferiam fugir.
- “todos os amargurados de espírito”, são as pessoas que estavam desiludidas com as ações do rei e suas injustiças.
- CONTÉM A RESPOSTA DA QUESTÃO 4, implícita no meio desse subtópico.

2.3. Deus prepara reis e exércitos na caverna
- “vai soprando para lá”, significa que Deus foi levando os súditos de Davi até lá.
- “Deus abriu os olhos de Davi para que visse algo além das lentes oculares”, Davi viu a qualidade naqueles homens, viu que aqueles homens não eram tão ruins como se pensava. A qualidade das pessoas não se vê a olho nu, é preciso se aproximar delas e conhecer suas histórias e seus motivos. Poucos fazem isso a maioria prefere pré-julgar antes de conhecer.
- CONTÉM A RESPOSTA DA QUESTÃO 5, expresso no final desse subtópico.
____________________________________
3. As lições da caverna

3.1. Davi soube aceitar a caverna
- “visualizar a finalidade divina”, seria entender parcialmente o propósito de Deus, não podemos “ver” claramente o porque de Deus agir de algumas maneiras, mas podemos “visualizar”, que seria imaginar.
- “nosso cristianismo está sem cruz”, isso é generalização, é falar por todos, não é recomendável a um professor generalizar dessa forma. Ainda existem igrejas fiéis e crentes fieis, ainda há um remanescente.
- “receitas e passos para sermos felizes”, parece que as mensagens buscam ensinar uma forma para nos acomodarmos nessa terra, como se fossemos ficar aqui para sempre. Atualmente falar em um púlpito que “hoje é o dia da sua vitória” provoca uma melhor resposta no povo, do que dizer que “Jesus salva”.
- “Davi transformou aqueles homens”, se você concordar, pode dizer aqui que Davi se torna um tipo de Cristo, pois ele agrega a si as pessoas mal vistas da sociedade e transforma eles em valentes valorosos.

3.2. A vida cristã inclui uma caverna escura
- “não usou sua língua para murmurar”, muitos crentes ao passarem por uma dificuldade que não entendem, a primeira coisa que fazem é murmurar. Comente essa grande lição que aprendemos com Davi.
- “manter a disciplina nas fileiras”, uma característica dos exércitos vencedores é a disciplina, quando existe disciplina existe obediência ao General e como o nosso General sabe o que é melhor para nós, então seremos vencedores.

3.3. Da caverna para o trono
- “confiar apenas no Senhor”, essa lição é importantíssima para quem vai fazer a obra de Deus, nossa confiança não pode estar dividida entre Deus e outras coisas. Muitas vezes precisamos enfrentar uma adversidade assim para aprendermos isso.
- “Deus redirecionou a vida de Davi”, assim tem acontecido com muitos servos de Deus. Muitas vezes uma mudança de direção é preciso para sairmos da acomodação que a vida nos coloca. Bens materiais e muita tranquilidade podem acabar fazendo o crente ficar acomodado e estagnado.
___________________________
CONCLUSÃO
- “depurar nossas almas”, depurar significa purificar, desembaraçar, dessa forma o Senhor nos desembaraça e nos purifica.
- “Deixemos que trabalhe”, é deixar Deus agir, pois às vezes queremos dar ajudinhas a Deus, ou achamos que Deus está demorando e tomamos atitudes passando a frente do senhor.
- Faça o resumo e corrija o questionário.
- Todas minhas dicas de respostas devem ser buscadas na revista.

Boa aula!


Marcos André – professor

3 comentários:

  1. Que Deus lhe abençoi e a cada dia lhe conceda mas e mas inspiração do seu Santo Espirito...

    ResponderExcluir
  2. Paz Pastor Marcos,
    a próxima lição da Betel tem como tema "Seitas e Heresias", incluindo nova era, seitas orientais, bruxaria, etc
    oportuno antecipadamente os professores estudarem opois com apenas uma hora de exposição por religião não vai ser nada fácil.
    Que bom que a Betel finalmente colocou tema corajosamente.
    Paz .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom.
      Na minha igreja nós temos 2 horas 9:00 às 11:00h.
      Paz irmão, vou orar pelo teu ministério.

      Excluir

Todos os comentários estão liberados, dessa forma o seu comentário será publicado direto no CLUBE DA TEOLOGIA.
Porém se ele for abusivo ou usar palavras de baixo calão será removido.