quinta-feira, 1 de maio de 2014

ESCOLA DOMINICAL - Esboço e Subsídio da Lição 5 - Revista da CPAD


AULA EM 04 DE MAIO DE 2014 - LIÇÃO 5
(Revista: CPAD)

Tema: Dons de ELOCUÇÃO  

Texto Áureo: 1 Pedro 4.11
  
INTRODUÇÃO
- Amado(a) professor(a), nesta lição se concentre em ensinar como os dons são atuais e necessários para a Igreja hoje.
- “elocução”, significa a expressão de ideia ou pensamento de forma verbal. Esses dons são assim chamados por exprimirem o pensamento de Deus à Igreja.
- “edificar”, significa construir, é construir ou reforçar uma base sólida da fé.
- “exortar”, significa chamar a atenção ao erro, quando Deus exorta a igreja pela boca de um profeta, a Palavra toca alguns irmãos que estavam com sua fé em perigo ou caminhando para algum pecado. Há casos em que o pecado é revelado.
- “utilizadas na igreja de forma incorreta”, entendemos que há situações em que a pessoa recebe a profecia, mas a entrega para a igreja de maneira imprópria, outras situações ocorrem quando muitos irmãos falam em línguas em total desordem.
__________________________________________
1. DOM DE PROFECIA (1 Co 12.10)

1. O que é o dom de profecia?
- “mensagens espontâneas”, são mensagens que surgem de repente, sem que haja prévio planejamento. Em um entendimento ao pé da letra a profecia seria a previsão de fatos, antes que ocorram.
- “não é desejar uma bênção”, não é virar para uma pessoa e dizer: “eu profetizo para a tua vida isso, isso e aquilo.” Sendo que essas coisas partiram do coração de quem profetizou e não do Espírito Santo.
- “uso incorreto deste dom”, existem várias formas de uso incorreto desse dom, como usá-lo para benefício próprio, para tentar agradar alguém, usar de forma mentirosa, de forma antiética, etc.
- “julgando e discernindo”, devemos sim julgar as profecias, analisando segundo as doutrinas da Bíblia, pedindo a confirmação por outro profeta e avaliar seu cumprimento.

2. A relevância do dom de profecia.
- “exortou a sua busca”, de fato o dom de profecia é que mais exorta e disciplina a igreja, imagine uma situação em que um profeta anuncia que alguém que está com um certo pecado oculto vai ser envergonhado diante da igreja, diante dessa situação, com certeza todos que estão com pecado oculto se concertarão, o profeta falou para um, mas ninguém vai pagar pra ver rsrs.
- “quanto ao seu conteúdo”, é avaliar se a profecia tem respaldo bíblico, de fato existem pessoas que profetizam cada absurdo sem tamanho.
- “três fontes distintas”, é saber que está falando pela boca do suposto profeta.
- “Deus”, se foi Deus quem falou, então a profecia é verdadeira e o seu cumprimento será de fato. Existem formas de se descobrir se foi Deus quem falou.
- “o homem”, é a famosa “profecia da carne”, quando a pessoa finge que Deus está falando, mas é ela mesma quem está falando aquilo que quer.
- “ou o Diabo”, também pode ocorrer de o demônio falar dentro da igreja, em língua estranha e por profecia, por isso é necessário o dom de discernimento de espírito.
- “vestidos como ovelhas”, a ovelha representa o servo fiel, os falsos profetas aparecem nas igrejas como sendo fieis, obedientes e trabalhadores para conquistar a confiança dos pastores e da membresia, mas em certo momento mostram suas garras. Todos aqueles que chegam nas igrejas se apresentando como obreiros, pregadores ou profetas devem ser avaliados com cuidado.   

3. Propósitos da profecia.
- “sejam guiadas por supostos profetas”, são líderes que dão mais espaço para a profecia do que para o ensinamento da Bíblia. Nessas igrejas as profecias tem valor de doutrina.
- “conduzida segundo as Escrituras”, os eventos e atividades da Igreja deve estar pautado na Palavra de Deus, as profecias são somente recursos para que o evangelho do Senhor seja pregado.
- “aquilo que as pessoas querem ouvir”, muitos profetas começaram até bem, mas depois com a possibilidade de ganhar privilégios e posição, passaram a inventar profecias a fim de agradar à líderes principalmente os dos grandes ministérios.
_____________________________________________
2. VARIEDADE DE LÍNGUAS (1 Co 12.10)

1. O que é o dom de variedades de línguas?
- “que o próprio falante não entende”, esse é um dos dons mais criticados na igreja, por discordarem da ideia de uma língua que não se entende Atos 2.8. Também é um dos dons que causam muita confusão na boca daqueles que sabem usar, que não conhecem a Bíblia, pois muitos acham que porque manifestam algum dom então não precisam de compromisso com a liderança e nem com a liturgia.
- “colocam os dons em ordens diferentes”, quer dizer que eles não aparecem na mesma sequência nas outras passagens, por isso se entende que Paulo não tinha a intenção listar os dons em uma ordem de prioridade.
- Nas línguas espirituais existem termos complexos que não conseguimos entender, mas os reconhecemos nas diversas vezes em que os ouvimos. Na variedades de línguas parece existir outros termos, porém é difícil identificar. A melhor coisa é não procurar semelhanças e nem tentar imitar esses termos.
2. Qual é a finalidade do dom de variedade de línguas?
- “edificação da vida espiritual do crente”, a pessoa fica saciada pelo Espírito Santo, sentindo uma paz interior, animada para enfrentar as lutas.
- “para a devoção espiritual”, a palavra “devoção” dá ideia de dedicação e serviço, esse dom serve para fazer o crente mais dedicado e melhor no serviço da obra de Deus.

3. Atualidade do dom.
- “fenômeno exclusivo do período apostólico”, a doutrina cessacionista defende que os dons cessaram após o fim do período apostólico e por isso não haveria manifestação de dons hoje e o que os pentecostais fazem seria imitação ou invenção.
- “batizados com o Espírito Santo e falaram noutras línguas”, por esse fato a maioria dos pentecostais acreditam que a evidência inicial do batismo com o Espírito Santo é o falar em outras línguas.
_________________________________________
3. INTERPRETAÇÃO DE LÍNGUAS (1 Co 12.10)

1. Definição do dom.
- “habilidade de interpretar”, quando alguém fala em língua estranha, é o Espírito de Deus quem está e por isso a própria pessoa não entende, mas se alguém manifestar esse dom poderá dar conhecimento à igreja do que está sendo dito.
- “haja intérprete”, a recomendação de Paulo é que só se fale em línguas em voz alta na igreja se houver intérprete e no máximo três para evitar a confusão na igreja.
- “esteja calado na igreja”, com essa orientação entendemos que há controle sobre o dom e que por isso a pessoa pode se calar quando quiser. Deus não toma o controle sobre a pessoa deixando-a em transe.

2. Há diferença entre dom de interpretação e o de profecia?
- “os crentes ficarão sem entender nada”, o problema é que em algumas ocasiões haverá visitantes na igreja e se o visitante não entender o que está acontecendo no culto, ele pode até não retornar mais. Além do mais algumas aberrações que tem ocorrido são motivo de brincadeiras na boca dos críticos.
- “Estevam Ângelo de Souza” (1922 - 1996) foi um escritor, teólogo e líder que dirigiu as Assembleia de Deus no estado do Maranhão entre os anos de 1957 a 1996.
______________________________________
CONCLUSÃO
- “não podemos desprezar o dom”, por ser dom não pode ser comprado ele somente é dado, mas só é dado a quem pede. Não é pecado não buscar os dons, muitos tradicionais não se importam com eles e pro isso não o recebem, mas isso não os impede de fazer a obra de Deus.
- “façamos tudo conforme a Bíblia”, não existe instituição que sobreviva sem um regulamento e a Igreja de Cristo tem a Bíblia como seu manual de fé. Mas se os crentes fizerem as coisas do jeito que quiserem logo virão os escândalos e a vergonha.
- “Deus usará os seus filhos”, Deus pode usar quem Ele quiser, mas se os crentes souberem usar os dons com ética, ordem e decência então haverá bom testemunho e quando Deus nos usar todos crerão.
- Corrija o questionário, isso anima a maioria dos irmãos a estudarem a lição em casa.

Marcos André – Superintendente e professor


Boa Aula!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários estão liberados, dessa forma o seu comentário será publicado direto no CLUBE DA TEOLOGIA.
Porém se ele for abusivo ou usar palavras de baixo calão será removido.