INICIE CLICANDO NO NOSSO MENU PRINCIPAL



__________________________________________________________________

segunda-feira, 14 de julho de 2014

ESCOLA DOMINICAL - Esboço e Subsídio da Lição 1 - Revista da Central Gospel


AULA EM___DE______DE 2014 - LIÇÃO 1
(Revista: Central Gospel - nº 39)

Tema: INTRODUÇÃO AOS LIVROS PROFÉTICOS
  
Texto Áureo: Hebreus 1.1
 _________________________________________
 PALAVRA INTRODUTÓRIA
- Professor(a), nesta lição você fará uma introdução às lições do trimestre, é bom dar uma olhada nos temas de cada lição antes da aula.
- “de seus livros serem menores”, geralmente as profecias nesses livros se referem a situações específicas, em um momento da nação de Israel ou de outro país, como o livro de Jonas que trata da conversão de Nínive. Já os profetas maiores vaticinam para nações e tempos diversos, sendo suas profecias mais abrangentes.
- Quando encontramos na Bíblia afirmação como esta:

“Disse-lhe Abraão: Têm Moisés e os profetas; ouçam-nos.” Lucas 16:29

- Nessa passagem Jesus ao citar Moisés se refere aos livros da Lei e ao citar os profetas se refere aos escritos dos profetas.
_______________________________________________
1. PROFETAS, HOMENS DE DEUS
- “anunciar palavras Suas”, o profeta era como um porta-voz de Deus, sempre que os reis precisavam tomar decisões importantes eles consultavam os profetas de Deus.
- “alianças abraâmica”, aliança feita com Abraâo na qual Deus promete fazer dele uma grande nação.
- “sinaítica”, aliança feita com Moisés no deserto do Sinai onde Deus estabelece a Lei.
- “davídica”, aliança feita com Davi onde o Senhor lhe promete que seu nome estaria para sempre no trono de Israel, isso se cumpriu em Jesus Cristo que nasceu na família de Davi.

1.1. Profetas orais
- “alguns se tornaram bem conhecidos”, alguns são Elias, Eliseu, Natã, Micaias e outros.

1.2. Profetas Literários
- “Torá ou Pentateuco”, são termos que correspondem aos cinco primeiros livros da Bíblia. Genesis, Êxodo, Levítico, Números e Deuteronômio.
- “Livros Históricos”, são livros que narram os fatos importantes à história de Israel.

1.3. Profetas videntes e não videntes
- “embora a Bíblia não o considere um bom profeta”, isso confirma a ideia de que Deus usa quem Ele quer, sendo assim Ele pode então usar alguém que está em pecado. Existem muitos profetas assim hoje em dia.
- “advento do Messias”, se refere a vinda de Cristo em carne.
- Existem profetas assim hoje, embora sabemos que uma grande quantidade deles são charlatões.
1.4. Profetas pré-cativeiro e pós-cativeiro
- “cativeiro babilônico”, é o período em que o rei de Babilônia levou cativo o povo de Judá, onde ficaram por um espaço de 70 anos exilados.
- “escreveram durante o cativeiro”, Daniel e Ezequiel foram levados cativos e permaneceram em Babilônia exercendo o ministério profético, Daniel no palácio e Ezequiel no meio do povo.

1.5. Profetas verdadeiros e falsos
- “Reino do Norte”, era o Reino constituído pelas 10 tribos do norte, se separou das 12 tribos logo após a morte de Salomão. Sua capital era em Samaria.
- “contratados pelo rei”, existem profetas assim hoje, que amam as grandes ofertas e os púlpitos.

2. A MENSAGEM DOS PROFETAS MAIORES
- “nem sempre o povo se lembrava”, naquele tempo não havia escolas, as sinagogas só surgiram depois do cativeiro. A educação ficava sob responsabilidade das famílias.
- “as piores eram cometidas pelos reis”, os reis tinham como mandamento o de ler sempre o livro da Lei, Deuteronômio 17.18,19. Por isso eles tinham dupla medida de culpa.

2.1. O ciclo das mensagens proféticas
- ...

2.2. Os profetas maiores
- “pergaminhos”, era o rolo feito com peles de animais preparadas para se escrever, eram costuradas para serem enroladas. Tem esse nome por ter sido muito fabricado em Pérgamo.
- “Isaías”, é provável que Isaias tenha sido assassinado a mando do rei Manassés, que o teria mandado cerrar ao meio.
- “muitas oposições”, a palavra de Jeremias não era aceito por ser uma palavra de juízo, sempre apontando os erros.

3. A POPULARIDADE DOS PROFETAS MENORES
- “são pouco lidos”, isso porque as pessoas gostam de ler o que mais lhes agradas. São leituras rápidas e sem profundidade.
- “pinçar alguns versículos”, é olhar versículos isoladamente e de forma rápida, a fim de conseguir da Palavra alguma mensagem que seja cooerente.
______________________________________
CONCLUSÃO
- “referencial absoluto”, referencial é a medida que tomamos como padrão, aqui está classificando essa medida como “absoluto” quer dizer que não existe nenhuma outra referência para equipararmos.
- “inconformismo”, eles não se conformavam com o erro.
- “estado moral”, se refere em como estava moralmente as nações de Israel e Judá. Ao estudar os profetas menores vamos aprender o que é pregar a um povo rebelde e pecador.

Boa aula!


Marcos André – professor

3 comentários:

  1. Pastor gostaria de saber se conseguirá postar antes dos domingo os esboços da Central Gospel, sei que tem muito trabalho mas estou orando para Deus renovar suas forças e continuar abençoando a muitos com as postagens das aulas.
    Gilson
    Pastor gostaria de saber se há possibilidade de publicar os esboços das lições da revista da Central Gospel: Primeiros Passos na fé "A Importância do Conhecimento" para novos convertidos. caso haja esta possibilidade ficarei muito grato, pois é de suma importância para o crescimento de muitos.
    Gilson

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Varão não sei se vou conseguir postar até a lição 3 do número 39 até esse sábado, e sobre o esboço para a revista primeiros passos não posso fazer no momento, mas é uma boa pedida, vou pensar no assunto.
      Paz irmão Gilson, obrigado por comentar.

      Excluir
  2. Deus os abençoe! Lição maravilhosa, mui edificante...

    ResponderExcluir

Todos os comentários estão liberados, dessa forma o seu comentário será publicado direto no CLUBE DA TEOLOGIA.
Porém se ele for abusivo ou usar palavras de baixo calão será removido.