INICIE CLICANDO NO NOSSO MENU PRINCIPAL



__________________________________________________________________

quinta-feira, 17 de julho de 2014

ESCOLA DOMINICAL - Esboço e Subsídio da Lição 3 - Revista da CPAD


AULA EM 20 DE JULHO DE 2014 - LIÇÃO 3
(Revista: CPAD)

Tema: A Importância da Sabedoria Humilde

Texto Áureo: Provérbios 4.6
  
INTRODUÇÃO
- Amado(a) professor(a), nesta lição ensine aos alunos a importância de se ter sabedoria e também ser humilde. Recomendo que você comece pedindo que eles definam “sabedoria”.
- “sabedoria divina”, entendemos pela Bíblia que há, pelo menos, duas sabedorias a racional e a espiritual, por exemplo: a sabedoria de Salomão era racional por se ater a questões racionais. Já a sabedoria de Daniel era espiritual. A sabedoria divina tratada aqui é aquela dada por Deus, seja ela racional ou espiritual.
- “em tom de exortação”, na verdade toda a carta de Tiago segue em tom de exortação.
- “coerência”, significa “concordância”, é viver a Palavra de acordo com o bom senso e ensino das doutrinas. Do contrário há alguns cometem absurdos em nome da Palavra de Deus. Isso é incoerência.  
__________________________________________
1. A NECESSIDADE DE PEDIRMOS SABEDORIA A DEUS (Tg 1.5)

1.  A sabedoria que vem de Deus.
- “agradável e perfeita vontade divina”, é sabedoria que faz o homem entender o que agrada a Deus e o que não agrada. Com essa sabedoria a pessoa entende qual a melhor decisão sem precisar ficar recebendo revelação o tempo todo.
- “dominado por suas emoções”, seguindo os conselhos de seu enganoso coaração. Não adquire maturidade.
- “vivermos com prudência”, é viver com cuidado, com cautela. Professor(a), aqui você pode perguntar aos alunos, qual a palavra que define bem essa afirmação? “viver com prudência”  creio que a melhor palavra para definir isso seja “vigilância”.
- “é possível que nos falte sabedoria”, no calor da luta temos dificuldade para raciocinar direto e podemos tomar decisões equivocadas. Nessas horas precisamos de amigos fieis.
- “adquirindo maturidade espiritual”, professor(a), incomode os alunos com essa pergunta: o que é maturidade espiritual? Deixe eles falarem, incentive que eles digam o que pensam ou sabem. A maturidade espiritual é o amadurecimento nas coisas espirituais.

2.  Deus é o doador da sabedoria.
- “não detalha a maneira pela qual Deus concede sabedoria”, não fala se é pelo estudo, ou se é pela revelação, ou qualquer outro meio.
- Eu diria que a sabedoria racional, que era a de Salomão, ele conseguiu pela observação. Deus não tocou nele e ele ficou sábio da noite pro dia, nos textos observamos Salomão dizer constantemente: “Tenho visto debaixo do sol”, então a sabedoria dele veio pela observação, Deus deu a ele uma capacidade de observar sobrenatural. Já a sabedoria de Daniel, que era espiritual parece ter sido dada por revelação, pois ele afirmava que Deus é quem revela e dá as interpretações. Então podemos especular que a sabedoria racional Deus dá pela observação das coisas que ocorrem ao nosso redor, já a sabedoria espiritual é revelada por Deus através de Seu Espírito Santo em nós.
- “Juntamente com a súplica pela sabedoria”, só recebe essa sabedoria quem a busca e o primeiro passo para essa busca é pedir a Deus.
- “O Senhor dá todas as coisas.”, dessa forma, até aqueles que estudam e leem muito, e por isso são muito inteligentes, devem estar gratos a Deus por ter-lhes dado a saúde, a memória e a disposição para o estudo.
- “pessoas, em seu nome, “comercializá-las””, se refere àqueles que comercializam as mensagens, e até as revelações. Podemos citar também aqueles cantores que começam contando nos cultos e vigílias de graça, depois ficam famosos e o louvor deles passa a se chamar show, antes glorificavam a Jesus, agora dão autógrafo e o que faziam de graça agora custa 40 mil cada show.  

3.  Peça a Deus sabedoria.
- “ponha em prática este ensinamento”, tem faltado isso a muitos irmãos, colocar em prática aquilo que se aprende. Estamos vivendo o tempo das pregações bonitas, que mexem com as pessoas e emocionam, mas falta exemplo dos líderes. O povo sai da igreja e apaga tudo o que foi dito.
_____________________________________________
2. A DEMONSTRAÇÃO PRÁTICA DA SABEDORIA HUMILDE (Tg 3.13)

1.  A sabedoria colocada em prática.
- “que exercem alguma liderança”, naquela época existiam os anciãos e até os diáconos, embora parecesse de menor importância eles tinham um nível de liderança.
fora.
- “na igreja local”, a igreja local aqui seria a igreja de Jerusalém, porque sabemos que Tiago era pastor da igreja de Jerusalém.
- “em nossos relacionamentos”, os relacionamentos tem grande poder de influenciar as pessoas, porém se a pessoa for sábia, ela terá o poder de influenciar seus amigos e aqueles que se relacionam com ele de alguma forma.
- “O tempo do verbo “mostrar”...  indica uma ação contínua”, se refere à conjugação do verbo “mostrar”, no texto de referência, esse texto está na Leitura Bíblica em Classe, veja:
“Quem dentre vós é sábio e inteligente? Mostre, pelo seu bom trato, as suas obras em mansidão de sabedoria.”Tg 3.13
O verbo aqui está na segunda pessoa do afirmativo imperativo, conforme o site http://www.conjuga-me.net (eu nem sabia que existia esse tempo verbal)
- Tiago nesse versículo está mandando os sábios e inteligentes a mostrarem as obras que vem dessa sabedoria, ele usa a palavra mansidão porque os inteligentes tem mania de se exaltarem. Não adianta ser sábio e não ter boas obras de mansidão, sendo arrogantes.

2. . A humildade como prática cristã.
- “portador dessa humildade”, portar significa conduzir junto ao corpo. Nesse sentido tem crente só parece ter humildade dentro da igreja, mas quando sai de lá volta a ser o mesmo crente arrogante de sempre.
- “virtude contínua”, é uma virtude que sempre está presente, não se deteriora com o tempo e dela não se enjoa.
- “homem natural”, se refere ao homem que cuida das coisas materiais e tomas suas decisões segundo a ótica natural.
- “busca ajuda do alto para viver”, isso porque sabe que não pode viver plenamente se não for pela força do Senhor.

3. Obras em mansidão de sabedoria.
- “aborrecem por pouca coisa”, as pessoas vivem complexadas, se despedaçando o tempo todo. Se magoando com tudo.
- “não convivem espontaneamente com as outras”, espontaneamente significa sem premeditar ou planejar, conviver espontaneamente, dá a ideia de conviver simplesmente por gostar do outro, sem reservas, sem premeditar nada de prejudicial.
- “valores éticos absolutos”, quer dizer que são valores que não variam de cultura para cultura, nem de um lugar para outro.
_________________________________________
3. O VALOR DA VERDADEIRA SABEDORIA E A ARROGÂNCIA DO SABER CONTENCIOSO (Tg 3.14-18)

1  Administrando a sabedoria.
 - “novo caráter lapidado pelo Espírito Santo”, o caráter da pessoa está em constante formação, ele é fortemente influenciado pelos relacionamentos. Se a pessoa se relaciona com o mundo o seu caráter será alterado para a forma do mundo, mas se a pessoa tiver relacionamento com o Espírito Santo ele terá será influenciado pelo caráter de Deus.
- “administre as bênçãos”, para administrar instituições, grupos e outras coisas no mundo é necessário inteligência e muito trabalho, mas para administrar as bênçãos de Deus, seus dons e a obra que Ele colocou em nossas mãos é necessário, além de inteligência e trabalho, também a sabedoria que vem de Deus.
- “viver a inteireza do Reino de Deus diante dos homens”, os crentes precisam dar testemunho ao mundo, de como é viver no Reino de Deus, do que é ser crente. Jesus quer que as pessoas vejam os nossos bons exemplos e comecem a se interessar em seguir essa fé.

2. Sabedoria verdadeira e a arrogância do saber.
- “orgulhosas que, por se julgarem sábias”, geralmente são pessoas inteligentes, que possuem até algum conhecimento, mas não tem a verdadeira sabedoria, pois lhe faltam a humildade que é o item fundamental dessa sabedoria.
- “há sabedoria e segurança na multidão de conselheiros”, quer dizer que se uma pessoa souber ouvir os conselhos e julgar o melhor caminho a seguir, agirá com sabedoria e terá segurança em suas decisões. É bom ouvir conselhos, pois quem está de fora de uma partida de xadrez consegue ver lances que o jogador, as vezes não vê.
- “pedantismo trágico”, pedantismo significa mostrar uma erudição que não possui, é a pessoa se fazer de inteligente e culto, sem ser. Quando um líder faz isso ele está colaborando para o mal no meio do povo, ele será ouvido, mas não terá nada para passar.

3. Atitudes a serem evitadas.
- “espírito faccioso”, “faccioso” significa aquilo que causa divisão e “espírito”, se traduz por “ânimo”, é a pessoa que tem o ânimo para causar divisão no meio do povo.
- “nosso adversário inspira pessoas”, as armas que o adversário usa estão dentro da própria pessoa, é o ego e às concupiscências carnais. Esses instintos estão dentro da natureza decaída do homem.
- “quaisquer lugares onde nos relacionarmos com o outro”, o mal que a má conduta pode causar é tão ruim que até as empresas sérias selecionam seus empregados baseado nesses requisitos. Alguns irmãos são dedicados na obra de Deus, mas deixam de vigiar nesses requisitos de que trata aqui: “Atitudes que trazem contenda, facções, divisão, gritarias e irritabilidade devem ser evitadas em nossa família, em nossa igreja”
- O termo “gritaria” na Bíblia é apresentado como “chocarrice”:
“Nem torpezas, nem parvoíces, nem chocarrices, que não convêm; mas antes, ações de graças.” Efésios 5:4
_____________________________________
CONCLUSÃO
- “vida cristã em qualquer esfera humana”, essas esferas humanas se referem aos nossos relacionamentos na esfera profissional, familiar ou social.
- “estabelece parâmetros”, parâmetro são referências para se basear a nossa tomada de decisão.
- “piamente”, significa plenitude, ou viver de forma plena.
- Recomendo que você apresente a próxima aula, para incentivar os alunos a estudarem-na em casa.

Marcos André – Superintendente e professor
Juliane Leandro - Cooperadora
Gustavo Matos – Cooperador

Boa Aula!

2 comentários:

  1. Ola ..meus irmãos a paz do senhor

    Me chamou muito a atenção neste esboco quando vocês sugeriram aos professores intigarem aos alunos com perguntas. Na ebd não e convinhiente fazer perguntas capciosas e comentários fora da temática da lição em foco mas também não e admizivel que a aula seja um verdadeiro monólogo um abraço a todos.irmão Evaldo fortaleza CE.

    Dsculpe me os erros. Estou escrevendo de um trem que ainda não sei utilizar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade irmão Evaldo, existem aulas que afastam os jovens, porque eles gostam de interação.
      Olha eu pensei que você estivesse dentro de um trem, mas agora entendi que você se refere a um aparelho novo. rsrs
      Essa modernidade acaba com a gente.
      Paz.

      Excluir

Todos os comentários estão liberados, dessa forma o seu comentário será publicado direto no CLUBE DA TEOLOGIA.
Porém se ele for abusivo ou usar palavras de baixo calão será removido.