INICIE CLICANDO NO NOSSO MENU PRINCIPAL



__________________________________________________________________

terça-feira, 3 de março de 2015

ESCOLA DOMINICAL - Esboço e Subsídio da Lição 10 - Revista da Editora Betel


AULA EM 08 DE MARÇO DE 2015 – LIÇÃO 10
(Revista: EDITORA BETEL)

Dimensões da Fidelidade
Texto Áureo: 1 Tessalonicense 5.23
 _________________________________________
 INTRODUÇÃO
- Professor(a), nesta lição passe de forma bem aplicativa, mostrando aos alunos o que eles devem ser no seu dia a dia.
- “quem tem compromisso com aquilo que assume”, essa é uma excelente definição de fidelidade. Pode-se acrescentar que a fidelidade deve ser demonstrada em todo tempo, seja perto ou seja longe, na presença ou na ausência.
- “espiritual e a social”, a espiritual, diz respeito aos efeitos e às consequências da fidelidade no mundo espiritual. E a Social, diz respeito aos efeitos e consequências da fidelidade na vida social do crente.
- “diante de Deus e dos homens”, convém lembrar aqui, que os homens só observam a dimensão social, mas Deus tem conhecimento tanto da dimensão social quanto da dimensão espiritual.
_______________________________________________
1. Dimensão espiritual
- “racional, moral e espiritual”, racional, porque vive num mundo racional e por isso precisa agir de acordo com essa lógica racional; moral, porque estão gravados em sua mente os conceitos morais de Deus, como o conhecimento do certo e do errado; espiritual, porque ele é constituído também de alma e espírito e essa parte se comunica com o mundo espiritual.

1.1.  Crer e obedecer a Deus
- “não é um mero assentimento intelectual”, não parte de racionalidade da pessoa, ela não chega a convicção de que Deus existe por comprovação racional, tem um agir do Espírito Santo.
- “a pessoa tem certeza na existência de Deus”, o Espírito faz a pessoa passar a perceber Deus na vida e em tudo.
- “é necessário responder a Êle”, muitos se acomodam no simples fato de crer e ignoram a ideia de que precisam ter uma relação com Ele nos moldes que Ele estabeleceu pela Sua Palavra.
- “sem obediência não passa de hipocrisia”, essencialmente nós demonstramos com nossas ações aquilo que somos, ou seja, se alguém afirma ser algo, ou acredita com seu enganoso coração que é alguma coisa, mas suas atitudes não correspondem ao que ele acredita, então ele não é nada, a não ser um mentiroso e iludido.

1.2.  Amar a Deus
- “forma positiva de demonstrarmos o nosso amor”, sabemos pela Bíblia, que Deus tem prazer em que o homem obedeça, mais do que os sacrifícios. 1 Sm 15.22
- “quando brota de uma fé genuína”, aqui são apresentados dois elementos que redunda em obediência, fé e amor, sem esses elementos na vida do servo de Deus ele não conseguirá ter fidelidade ao Senhor. Quando alguém faz a obra de Deus por outras razões, talvez por medo do inferno, obrigação, ou para manter uma reputação, e não tiver amor, então ele conseguirá disfarçar até um certo ponto, mas chegará um momento em que não será possível disfarçar.

1.3.  Confiar nas promessas de Deus
- “fé que Ele cumpre as Suas promessas”, as promessas são o alimento da esperança, enquanto o ser humano tiver promessas para acreditar ele terá força para fazer a obra de Deus e para viver. Por isso nos ensinos e nas ministrações devem ser ressaltadas as promessas do Pai, bem como a confiança nelas.
- “tem poder para cumprir”, nos dias de hoje, muitos ministérios transmitem as promessas somente para essa vida. Não ensinam o povo a maior de todas as promessas, a volta de Cristo.
- “O imputa como mentiroso”, muitos se contradizem afirma que a Bíblia é a Palavra de Deus, mas não acreditam nela integralmente, só assimilam o que lhes interessa.

2. Dimensão social
- “fruto da obediência às leis e normas humanas”, as leis e normas são elaboradas para que os indivíduos possam viver em sociedade, se alguém não consegue observar essas leis ele está à margem da sociedade, por isso é chamado de “marginal”.
- “é também expressão de espiritualidade”, significa que uma das formas do crente demonstrar que é homem de Deus é obedecendo as leis humanas

2.1 O cristão e a obediência ao governo humano
- “constitui-se desobediência ao próprio Deus”, essa obediência se deve ao cargo, se a pessoa que está ocupando a cadeira de governante não é de boa índole, a culpa não é de Deus, mas daqueles que votaram nela.
- “sujeição absoluta que o cristão tem com Deus”, quer dizer que se algum governo tentar tirar alguém da presença de Deus, então acaba o nosso compromisso com tal autoridade.
- “princípios que devem ornar o caráter”, ornar significa enfeitar, o caráter do crente já é transformado pela Palavra, mas ao obedecer as autoridades, esse crente melhora a estética de seu caráter. Existem crentes que são excelentes na igreja, mas em seu local de trabalho é um rebelde, não respeita o chefe, o supervisor, etc.

2.2 O cristão e a solidariedade
- “descuido com as necessidades sociais”, essas necessidades se referem a pobreza, o crente não conseguirá resolver todos os problemas, mas pode amenizar o sofrimento das pessoas a sua volta.
- “e não fruto de obras meritórias”, são obras que merecem mérito ou elogio. A salvação não vem disso.
- “não se esgota na verticalidade espiritual”, verticalidade espiritual, se refere ao nosso relacionamento espiritual com Deus. Quer dizer que nossa fidelidade não se limita ao nosso relacionamento com Deus, também nas nossas relações com as pessoas.
- “usa a preocupação vertical como meio de esquivar”, seria a pessoa afirmar que tem compromisso com as coisas de Deus e por isso não pode ajudar ao próximo.
- “todas as obrigações morais da Lei cumprem-se na lei do amor”, Jesus afirmou que do mandamento do amor provém toda a lei. Mc 12.33
- “principalmente os domésticos da fé”, se refere aos que são de nossa fé, que são nossos irmãos em Cristo, devemos ajuda-los em primeiro lugar. Pelo certo não deveria haver necessitados em nossas congregações, e existem de fato, muitos crentes que cumprem isso, mas ainda há muitos outros que não se importam.

2.3 O cristão e o meio ambiente
- “o homem seja coroa da criação”, o homem é a coroa da criação porque ele foi feito no sexto dia, assim ele é o fechamento, e principalmente porque ele é o único feito à imagem e semelhança de Deus.
- “A Bíblia apresenta várias passagens”, professor(a) recomendo que você peça a algum aluno ler uma dessas referências e você comente.
- “não devemos deificá-la, como os panteístas”, deificar é adorar algo como se fosse Deus, os panteístas acreditam que a divindade está inserida ou é a própria natureza.
- Professor(a), é interessante comentar sobre a crise hídrica e a necessidade de economizar água. A atualidade é excelente para tornar a aula mais atrativa.
________________________________________
3. Resultados provenientes da fidelidade
- “a fidelidade está mais relacionada à observância de regras”, para a sociedade o simples cumprimento das normas já é demonstração de fidelidade, mas no Reino de Deus a fidelidade consiste em cumprir as regras e acreditar nelas e naquele que as outorgou.

3.1 Na dimensão espiritual
- “a suprema recompensa que o cristão receberá”, na dimensão espiritual devemos ser fiéis em aguardar essa promessa.
- “Quem tiver deixado “tudo” por amor a Cristo”, esse deixar tudo não significa se desfazer de tudo que tem, e sim não estar apegado a nada, nada pode estar acima de Cristo em nossa vida.
- “não nos isenta das perseguições e aflições”, existem os que acreditam e ensinam que o cristão não deve passar provação e outros acreditam que o crente não possa estar em conforto. Na verdade o crente deve estar apto a passar pelos dois sem abandonar a Jesus e sua obra. Fp 4.12

3.2 Na dimensão social
- “ao sermos fieis em todas as dimensões”, os ímpios observam a conduta dos servos de Cristo, se um servo de Deus não for fiel em algo ele logo será motivo de escarnecimento e acusação, mas se for fiel diante das pessoas todos verão esse bom exemplo e se animarão.

3.3 Na dimensão natural
- “mais estabilidade e justiça social”, essas recompensas contribui para o viver bem. Essas são as maiores recompensas, melhores do que bens materiais.
- “minimização dos sofrimentos humanos”, não é o acabar o sofrimento, mas torna-lo suportável e superável, o crente fiel se torna um vencedor.
Resumindo, na dimensão natural nossa recompensa será em nos tornarmos melhores e podermos ter uma vida melhor em meio às lutas.
____________________________________
CONCLUSÃO
- “leis universais da colheita e da semeadura”, essa lei consiste na simples lógica, semeia-se muito, colhe-se muito.
- “Ele não as alterará em nosso benefício”, não é porque alguém é filho de Deus que poderá usufruir de algo em que não investiu. Se investiu pouco, com certeza colherá pouco.
- Professo(a), recomendo que você confronte a turma com perguntas do tipo: O que você tem semeado, nesse tempo? Você tem sido fiel espiritualmente? Tem sido fiel socialmente?
- Como resumo, apresente os pontos mais importantes aos alunos.
- Corrija o questionário.

Paz de Cristo!

Boa aula!

Marcos André – editor

José Evaldo Barbosa - Colaborador 

4 comentários:

  1. DIMENSÃO SOCIAL

    Por sermos cidadãos do céu nãos somos isentos das responsabilidades sociais. Muitos em seus excessos de “espiritualidades” pensam que são desobrigados quanto aos seus deveres como cidadãos deste mundo. Esta lição veio como uma luva para a realidade dos dias em que vivemos se observa palas redes sociais que alguns pastores e crentes tem com objetivo principal de sua chamada a oposição e critica as autoridades constituídas, mas a palavra de Deus é bem clara que este não deve ser o papal da igreja. Enquanto nesta terra como cristão também somos cidadãos como qualquer outra pessoa, temos direitos e deveres, mas temos que entender que não é por que nossa constituição nos dar o direito de livre expressão que devemos está continuamente criticando espraguejando e desrespeitando nossas autoridades.
    Desde seu inicio a igreja se preocupou com a ajuda e o socorro aos necessitados, em nossos dias se observa em algumas igrejas que esta obra na igreja está sendo deixado de lado, o que percebemos é a predominância do egocentrismo, se eu e a minha família está bem porque eu vou me preocupar com terceiros? Mas como bem nos explica a lição, nós não fazemos obras para alcançar a salvação, nós fazemos obras porque já somos salvos.
    A bíblia realmente é repleta de ordenanças e exemplos de educação e responsabilidade ambiental, mas este é um tema que não está nos esboços de muitos ensinadores. A irresponsabilidade que observamos em nossos templos é aberrante, energia elétrica sendo esperdiçada, agua sendo derramados, copos plásticos sendo usados de uma forma demasiada, parece que os administradores das igrejas pensam assim: não sou eu que vou pagar, deixa gastar. Este é um tema muito serio que deve ser observado, não só pela questão financeira, mas sim pela subsistência do nosso planeta e seus habitantes.
    Forte abraço. Irmão Evaldo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom ouvir boas palavras dos irmãos que tem experiencia no que fala, gostei disso:
      "Mas como bem nos explica a lição, nós não fazemos obras para alcançar a salvação, nós fazemos obras porque já somos salvos."

      Gostaria que 80% da igreja tivesse consciência. Paz

      Excluir
  2. A PAZ DO SENHOR Pastor gostaria que mi ajudasse. tenho 5 anos que passei pelas aguas mas acho que sou um sepulcro caiado um mero religioso. Acho que tenho aparencia de vivo mas estou morto espiritualmente como faço para nascer de novo assim como o SENHOR JESUS disse a NICODEMOS mi ajude por favor AMEM

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu querido(a) irmão(ã), eu entendi que Jesus falou para Nicodemos que lhe faltava a unção espiritual, talvez você esteja muito envolvido com o trabalho cristão e só esteja ligado no lado físico e social do Evangelho, procure adquirir uma experiencia espiritual com Deus, comece com um jejum e peça para Deus falar contigo de forma poderosa. Faça propósito de oração e busque a unção espiritual, tenho certeza que Deus te impactará e tu será nascido então do Espírito.

      Paz de Deus.

      Excluir

Todos os comentários estão liberados, dessa forma o seu comentário será publicado direto no CLUBE DA TEOLOGIA.
Porém se ele for abusivo ou usar palavras de baixo calão será removido.