sexta-feira, 29 de setembro de 2017

ESCOLA DOMINICAL CPAD ESBOÇO - Subsídio da Lição 1

EDITANDO
AULA EM 1º DE OUTUBRO DE 2017 - LIÇÃO 1
(Revista CPAD)

Tema: Uma Promessa de Salvação

Texto Áureo: Gn 3.15


INTRODUÇÃO
- Professor(a), nesta lição passa para os alunos que esse conhecimento é necessário também para o evangelismo, pois será apresentado ao ímpio e desviados.
- "processo imediato (conversão) e contínuo na vida do crente (santificação)"
, quer dizer que a partir do momento em que ele se converte está salvo e como o processo também é contínuo pela santificação, ele pode perder a salvação caso deixar de se santifica.
- "necessário que o nascido de novo conheça todos os benefícios", na verdade é extremamente necessário, pois o mundo vai sempre apresentar o que a pessoa está perdendo e as desvantagens de ser salvo em Cristo Jesus. 

I – O CONCEITO BÍBLICO DE SALVAÇÃO

1. O conceito.
- "saúde física, mental e emocional"
, lembrando sempre que o crente também sofre enfermidades e até pode morrer se não se cuidar, a salvação nos ajuda a lhe dar com as adversidades.
- "No sentido prático, salvação significa livramento da condenação", na prática a Salvação produz na pessoa efeitos em todas as áreas da vida, através de um processo chamado regeneração, onde a pessoa começa a produzir o fruto de Espírito Santo.

2. Salvação no Antigo Testamento.
-"o Altíssimo prometeu salvação ao seu povo no sentido de libertá-lo"
, nesse tópico entendemos que no Antigo Testamento a salvação está se referindo ao aspecto físico,, porém podemos tomar como modelo e representação espiritual para as nossas vidas hoje.
- "sobre a vida e a morte do "Servo Sofredor" (Is 53)", somente após a morte e ressurreição de Cristo é que os discípulos entenderam que a passagem de Isaías 53 falava do Senhor Jesus. O judeu tinha dificuldade para entender que Deus levantasse alguém para sofrer. Até hoje o que as pessoas esperam e buscam é vitória e alegria.

3. Salvação em o Novo Testamento.
- "Paulo é um dos que mais esclarece os conceitos de salvação"
, os conceitos doutrinários passados por Paulo a cerca de graça e fé é de difícil entendimento até mesmo para muitos crentes, devido a sua grande profundidade, porém é de grande importância para os discípulos de Jesus hoje.
"o Pai o justifica, o perdoa, o reconcilia consigo", desde que ele queira, Deus não o força e não o salva à revelia, a pessoa tem que reconhecer o senhorio de Cristo e declarar publicamente. 

II - A IMPORTÂNCIA DA DOUTRINA DA SALVAÇÃO

1. A grandeza da salvação.
- "ou seja, proteger a mente com as verdades salvíficas"
, o capacete da salvação é a proteção contra as dúvidas que o inimigo tenta colocar na cabeça dos crentes e de outras coisas que vem com o conhecimento secular e teológico para tirar a pessoa do foco.
- "assim compreendermos os conceitos fundamentais dessa gloriosa doutrina"
, nesse tópico alguns conceitos que se forem entendidos pelo crente então ele estará mais perto da maturidade e dificilmente se desviará dos caminhos de Cristo.

                                       EDITANDO

SE VOCÊ QUER AJUDAR ESSA OBRA, ENTÃO CLIQUE NO ANÚNCIO ABAIXO! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários estão liberados, dessa forma o seu comentário será publicado direto no CLUBE DA TEOLOGIA.
Porém se ele for abusivo ou usar palavras de baixo calão será removido.