INICIE CLICANDO NO NOSSO MENU PRINCIPAL

quinta-feira, 31 de maio de 2018

INTERPRETAÇÃO BÍBLICA - Aborrecer


Considere as passagens a seguir:


"Porque o que faço não o aprovo; pois o que quero isso não faço, mas o que aborreço isso faço." Rm 7.15

"Tens, porém, isto: que aborrece as obras dos nicolaítas, as quais eu também aborreço." Ap 2.6

Nessas passagens o termo sublinhado é uma palavra que mudou o sentido na língua portuguesa com o passar do tempo. Atualmente essa palavra recebe o sentido de "causar aborrecimento", "inquietar", "causar ou sofrer desgosto".  Porém na Palavra de Deus em suas versões no português ela traduz o verbo grego "miseõ" que possui o sentido de odiar ou desagradar, por isso foi usada a palavra aborrecer que tem no português além do seu significado "causar aborrecimento" também pode significar "odiar ou desagradar". 

Na primeira passagem Paulo está falando que aquilo que ele odeia, isso ele faz, o verbo aborrecer com o sentido de "odiar". Já na segunda passagem Jesus está afirmando na carta à igreja de Éfeso que odeia as obras dos nicolaítas, essa tradução já pode ser encontrada em algumas versões atuais.
No entanto ao traduzir o verbo grego com o sentido de "odiar" pode surgir algumas contradições como esta:

"Se alguém vier a mim, e não aborrecer a seu pai, e mãe, e mulher, e filhos, e irmãos, e irmãs, e ainda também a sua própria vida, não pode ser meu discípulo." Lc 14.26

Se usarmos essa tradução podemos ter uma interpretação contraditória das palavras de Cristo, como se Ele estivesse mandando alguém odiar seus pais, porém nesse caso o verbo aborrecer deve ser entendido como "desagradar",  ficando então:

"Se alguém vier a mim, e não desagradar a seu pai, e mãe, e mulher, e filhos, e irmãos, e irmãs, e ainda também a sua própria vida, não pode ser meu discípulo." Lc 14.26

Ao traduzir os textos bíblicos devemos levar em conta a variação do sentido das palavras desde o período mais arcaico até os dias atuais.

Pr Marcos André

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários estão liberados, dessa forma o seu comentário será publicado direto no CLUBE DA TEOLOGIA.
Porém se ele for abusivo ou usar palavras de baixo calão será removido.