INICIE CLICANDO NO NOSSO MENU PRINCIPAL



__________________________________________________________________

sexta-feira, 20 de junho de 2014

ARTIGO - Testemunho

O PERDÃO

 O perdão é um princípio fundamental para a vida cristã; uma das coisas que mantém muitos em cativeiro hoje é a falta de perdão. Falar de perdão é falar de experiência individual. Não dá para falar de Perdão sem se lembrar de experiências vividas no passado. 

Lembro de minha infância amarga e triste em que vivi com minha família em uma favela em Duque de Caxias – RJ. 

Como se fosse hoje, recordo com muita emoção em meu coração, meus pais separados e o choro a cada noite de minha mãe com três filhos para criar. Foram momentos únicos que não se apagam da memória de uma hora para outra, ou por ter se convertido ao evangelho do amor. 

A maioria está muito bem com o princípio do perdão, mas nunca realmente executam o seu pleno significado em sua vida, a falta de perdão é uma escravidão destrutiva, causando contendas, divisão, opressão, doenças diversas e divórcios.

Isso tudo vi se revelar em minha mãe, uma mulher forte, porém sem proteção de um “homem” (seu marido) para vencer as dificuldades que estava sendo proposta, afinal ter três filhos para criar não era uma tarefa tão fácil..., de dia, gritava, lutava, conquistava de noite amargurada de coração chorava e praguejava um homem que idealizou como seu príncipe, meu pai! Triste depois de algum tempo, depois de “você não ter culpa em estar no mundo” e sofrer com espancamentos e fomes sem ter um colo para te aquecer ...ter que catar comida, e vender balas no transito, para poder comer, condenada a viver a mesma história que muitos viviam e vivem..., abandono .. sim essa é a palavra! Mas essa se repetirá enquanto não recebemos ajuda divina ou até de outras pessoas, necessário do ponto de vista dos outros a fim de verdadeiramente compreender a nós mesmos. Podemos então optar por uma vida nova e diferente, quando olhamos para isto tudo, e lembramos que ainda há esperança... sim esperança essa que se concretizou quando ele voltou, sim meu pai o príncipe de minha mãe voltou..., foi oração não sei não lembro, mas sei de uma coisa, o Deus que eu desconhecia estava lá comigo a cada choro e a cada sofrimento que tive que viver. Agora você que está lendo pode me perguntar: o que isso que foi relatado tem haver com perdão? Triste né? Vou te falar...meu coração se fechou...não via meu pai mais como o super-herói que tinha idealizado, quando ele chegava com doces para eu repartir com meus irmãos, só me lembrava que na ausência dele passei fome, tive que ver minha mãe descontar nas minhas costas toda a raiva que ela tinha dele...e por causa da falta de proteção dele, meu pai, meu protetor terreno, que sofri violências...violências que carrego as marcas pelo meu corpo até o dia de hoje. Mas uma coisa aprendi, que quem não aprende com passado vive preso a ele. 

Jesus sabia que as pessoas jamais poderiam entender completamente a vida, assim era eu... usando apenas o intelecto ou definindo meu momento. Ele não disse “vou ensinar a vocês o que é verdade” Ele apenas disse: "Eu sou a verdade” Ele sabia muito bem que a mais elevada forma de conhecimento decorre de relacionamentos em que existe e exige confiança mútua, e não de grandes quantidades de informações, e a informação que tinha naquele momento era que eu estava abandonada juntamente com minha mãe e irmãos, mas depois de alguns anos entendi um princípio espiritual: "A verdade mais profunda é aprendida através de nossos relacionamentos". Meu relacionamento com Deus foi a fonte de limpou meu coração, Ele me ensinou o que é: "misericórdia quero e não sacrifícios..." lição de que não devemos determinar nossos próprios passos, mas sim, nos deixar levar pelo ritmo do Senhor – devemos nos determinar pela sua maneira de andar. O andar de Deus se cumpre num caminho bem definido. Jesus seguiu por esse caminho de sofrimentos, isso tudo foi por mim, foi por você, difícil entender esse PERDÃO que não tem explicação ou conceito, Fomos perdoados de uma dívida que nunca poderíamos pagar, qualquer dívida para nós é minúscula em comparação ao que recebemos, fomos regenerados, justificados, santificados por Ele! Me sinto resgata para uma nova vida, nova história, novas emoções. Essa vida com Deus nunca será construída em um dia. Ela começa com a consulta habitual com o Pai, hora após hora, como fez Moisés no Egito. Mas progride para períodos maiores e mais freqüentes de comunhão, encontrando consumação e satisfação em dias e noites de intercessão, e espera, e relacionamento santo. Tenho construído relacionamento profundos com meu pai, pois o mesmo hoje é acometido de doenças... castigo de Deus? Não sei...e nem desejo saber! Mas de uma coisa sei muito bem, como eu amo o meu pai, que Deus me deu, quando pude dizer essa frase e materializar ela no meu interior vi diante de mim, o verdadeiro significado do perdão, levou me a entender que o conhecimento da verdade nos leva a um amor não fingido. Glória a Deus nas alturas, pois hoje posso dizer, sinto o o efeito do perdão dado a mais de dois mil anos atrás e vivo o perdão de perto em meus relacionamentos.

Seguindo...

"Esquecendo-me das coisas que para trás ficam avanço para que estão diante de mim...." Fp 3.13

Mais o que é perdão?

Definição de Perdão: Conceder indulto gratuito ou remissão de qualquer ofensa ou dívida; desistir de toda reivindicação. A palavra grega traduzida como “perdoar” significa literalmente cancelar ou remir. Significa a liberação ou cancelamento de uma obrigação.

Depois de passados alguns anos aprendemos que o perdão é uma ordem não uma sugestão dada numa reunião com irmãos. Mateus 6:14-15, é fato depois que o Senhor ensinou Seus discípulos a orar. O perdão é um ato volitivo. Não um sentimento, mas uma decisão. É contínuo (passado, presente e futuro). É do espírito – e não a carne, não a alma. - Você deve ser capaz de ver o seu agressor como um espírito vivo, não um inimigo, não como um desafio no caminho da vida, não como um obstáculo no seu caminho para o paraíso. A conciliação é sempre a resposta. Não podemos permitir quaisquer áreas de falta de perdão em nossa vida. Devemos manter nossa consciência limpa e manter-nos em comunhão. A falta de perdão é um pecado que bloqueia a prosperidade, nos deixa amargos e os nossos corações endurecidos.

“Tendo cuidado de que ninguém se prive da graça de Deus, e de que nenhuma raiz de amargura, brotando vos perturbe, e por ela muitos se contaminem” Hebreus 12:15

Conclusão: O perdão é a chave para liberdade.

"Porque te esquecerás do cansaço, e lembrar-te-ás dele como das águas que já passaram." Jó 11:16

Juliane Leandro - Colaboradora
Formada em Teologia
Professora, pregadora e palestrante
Congrega na Assembleia de Deus
Bairro Amazonas - Campo Grande-RJ
julianeleandrosantos@gmail.com
Cel 21 999070166

5 comentários:

  1. CLUBE DA TEOLOGIA; VIDA INTELIGENTE NA INTERNET. rsrsrs

    Parabens pelo o belissimo texto, muito esclarecedor.
    Me indetifiquei muito com seu testemunho, meu pai proporcionou muito sofrimento e humilhação para minha mãe e seus cincos filhos, de modo que na minha adolececia e juventude o unico sentimento que nutria por ele era rancor, não tinha dialogo e nem afeição alguma por ele, porem no dia em que conheci a VERDADE (Jesus) toda magoa saiu do meu coração, hoje não tem como eu não lembrar dos momentos ruins que ele me fez passar, mas também não tem espaço no meu coração para ter raiva ou rancor dele. o odio se transformou em amor. Irmão Evaldo Catalão-GO

    ResponderExcluir
  2. Paz do Senhor Jesus:

    Que poderia dizer, grande galardão te aguarda serva do Senhor:

    Mas dirá alguém: Tu tens a fé, e eu tenho as obras; mostra-me
    a tua fé sem as tuas obras, e eu te mostrarei a minha fé pelas
    minhas obras.
    Tiago 2:18

    Lamento muito nunca sofri dessa maneira, todos temos fazes difíceis na vida passei por muitos momentos ruis na minha infância e adolescência, mas sempre meu Pai e minha Mãe estiveram junto de mim, não havia dialogo em casa pois fui criado em um sistema rustico quase militar mas eu sabia que eles estavam lá para me socorrer se eu precisasse (hoje não os tenho mais em Memoriam), mas você amada irmã ENRIQUECE nossa Fé em Cristo, QUERO QUE TU SAIBAS QUE ES UMA BENÇÃO SABER QUE EXISTE AGUEM COMO VC VENCEDORA.
    Sabe na vida existe percalços você sabe disso melhor que ninguém, mas as forças de nosso coração são maiores que as do mundo que nós rodeia.
    Lamento que isso tenha ocorrido com você que Deus lhe proporcione muitas ALEGRIAS NA VIDA AGORA É FUTURAMENTE VOCÊ MERECE SER FELIZ.
    Fica com Deus.
    Á Paz de Cristo Jesus.

    ResponderExcluir
  3. Sempre teve um Pai; Um Pai misericordioso e criador do céu e da terra. Nós não o víamos mas Ele tava lá. Quando perdoou seu pai sanguíneo, ganhou um Pai celestial, Pai que ama seu genitor, que ama aqueles que não tiveram a oportunidade de chamar alguém de Pai. O perdão nada mais é que o amor derramado e produzido por Deus em um coração aquebrantado. Ele perdoou a humanidade para que nós o conheçamos. Amar os inimigos...tarefa difícil em uma sociedade hedonista. Deus usa o sofrimento para chamar as criaturas afinal, "toda criatura é boa, antes, que se converta". Você é feliz porque tem o amor de Deus. Imprescindível para santificação. "Quem pouco perdoa pouco ama"
    Tantos rituais, tantas festas, tantos eventos, campanhas e consagrações...sem o ato genuíno do perdão, como o exemplo de Irmã Juliane, nada adiantaria.
    É isso Doutora!
    Parabéns para nosso senhor Jesus!

    ResponderExcluir
  4. Não sei se o que vou falar,tem a ver com o perdão,acho que seria mais uma mágoa muito grande!Perdi meu pai,em junho fará 1 ano,nós não nos dávamos muito bem...sempre brigávamos,ele fazia muitas "besteiras",saía pra beber e ás vezes só voltava no dia seguinte,minha mãe,sempre muito calma,não dava confiança pra ele,acho que ela já estava acostumada com tudo aquilo,ví muitas vezes,ele chegando em casa embriagado e queria bater nela,ameaçava...e eu como sempre a defendia,ele não gostava!!
    Brigamos por muito tempo,só parou mesmo qd engravidei e fui morar com o meu marido,mas sempre ligava pra minha mãe,pra saber como estavam as coisas.O alcoolismo foi piorando e a cada vez que o via,estava ficando feio,magro,com aparência mesmo de doente!!Nesta hora,estávamos todas ali,do lado dele na hora que ele mais precisava(eu,minha mãe e minhas irmãs).Deus uma vez falou com ele ,que o tempo dele estava acabando e que as coisas a partir daquele momento,aconteceria no tempo dele(Deus),mas como sempre,ele não acreditou...Deus o levou,no dia 23 de julho de 2013.
    Infelizmente,não consegui chegar à tempo de me despedir e até hoje,ás vezes acho que vou chegar à casa de minha mãe e vou encontrá-lo...Acho que eu precisava ter tido um momento com ele e de nos perdoarmos,por tantas coisas ditas e tantas outras atitudes!!Apesar da nossa relação não ter sido das melhores,mesmo assim,o amava!!
    Hoje,depois desse acontecimento,sinto que eu,minhas irmãs e minha mãe,estamos muio afastadas,várias coisas desagradáveis aconteceram nesse meio tempo!!!Escrevo isso,com lágrimas nos olhos,pois a tristeza é muito grande,sinto falta de todas.Às vezes penso que,mesmo com todos os seus defeitos,ele ainda mantinha a família unida!!
    Peço desculpas pelo desabafo,mas acho que tem um pouquinho a ver com o tema acima!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Irmã Amanda, esse comentário tem tudo a ver com perdão, não se culpe por nada pois você o perdoou em seu coração e o queria fazer pessoalmente, apenas lhe faltou a oportunidade. Mas com essa experiência você poderá mostrar às pessoas que devemos amar as pessoas como a nós mesmos, ainda que elas tenham seus defeitos, pois não sabemos o dia de amanhã. Um dia eu fui na casa de meu irmão caçula que hoje tem sua família e mora distante de mim. Sentei com ele e parei para ouvi-lo, sabe, descobri que não conhecia meu irmão, e eu sempre estava com ele. mas nunca tinha parado para ouvi-lo e saber de seus planos e problemas.
      O Senhor usou a vida e te ensinou uma preciosa lição. Não deixe que isso se perca, use essa experiencia para orientar as pessoas que passam por situações parecidas com a tua.

      Paz de Cristo

      Excluir

Todos os comentários estão liberados, dessa forma o seu comentário será publicado direto no CLUBE DA TEOLOGIA.
Porém se ele for abusivo ou usar palavras de baixo calão será removido.