INICIE CLICANDO NO NOSSO MENU PRINCIPAL



__________________________________________________________________

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

ARTIGOS INTERESSANTES - Como é pregado

     MENSAGEM APELATIVA

       A Paz do Senhor, tenho observado uns tipos de pregações apelativas ao extremo, onde o mensageiro pedem insistentemente para os irmãos darem "glória" como se esse fosse o combustível da mensagem. Vejamos porque acontece isso: Alguns irmãos aprenderam que mensagem boa é aquela em que todos estão gritando bem alto "glória Deus!" "Aleluia", etc. e aprenderam também que o culto bom é aquele em que os irmãos estão pulando, sapateando e rodando. Isso é uma cultura do meio pentecostal incutida na cabeça dos crentes pentecostais. Foram décadas vivendo nesse prejudicial costume. Alguns irmãos chegam a criticar o culto classificando de frio, como se o culto fosse para ele, enquanto o Senhor está esperando para receber um culto de nossas mãos, nossas bocas e nosso coração. Com a mensagem acontece algo parecido, o pregador quer ter a fama de avivado, pega um versículo, sem contexto mesmo, não explica nada, compara com uma situação atual qualquer e ai começa uma gritaria interminável, pede incessantemente para a igreja glorificar, se esforça o máximo para o povo ver que ele tem unção, fala mais em mistério do que em português, muitas vezes nem entendemos o que ele está dizendo, quem dirige esse tipo de mensagem é o povo e não o Senhor e no final ouvimos alguns comentários assim:
        "- Que Palavra tremenda! Poderosa!"
        "- E o que você aprendeu?"
        "- Ha...que...sei que foi muita unção!!!" 

       Saibamos que o culto que agrada a Deus é o que sai do coração adorador independente de volume sonoro, pois "Deus é Espírito" e que mensagem boa é aquela em que todos estão prestando atenção.
       Pregador não peça ao povo para glorificar, deixa o Senhor Jesus conduzir tua mensagem e logo você verá a igreja incendiar pelo poder unicamente da Palavra de Deus.
Marcos André - Professor

4 comentários:

  1. Parabéns pelo post. Infelizmente o apelo emocional é muito forte em muitas igrejas. Algumas apelam até para técnicas de "lavagem cerebral", e através destas técnicas vemos vários absurdos que são propagados como "avivamento".

    ResponderExcluir
  2. a paz do Senhor, amado, que maravilha de mensagem, oro a Deus que todos entenda o que é adorar em espírito e em verdade. abçs em Cristo.

    ResponderExcluir
  3. A PAZ DO SENHOR, A CONCORDO, DEUS NÃO É SURDO, NA PALAVRA DIZ QUE NÓS TEMOS QUE SER FERVOROSOS DE ESPÍRITO(RM 12:11) MAS NÃO PRECISA GRITAR FERVOROSO DE ESPÍRITO É TER FÉ NO QUE ESTÁ CRENDO E SENDO CHEIO DO PODER DE DEUS. NA PALAVRA DO SENHOR TAMBÉM DIZ PARA SER TUDO COM ORDEM E DECÊNCIA(1CO 14:40), POIS DEUS NÃO É DEUS DE CONFUSÃO(1CO 14:33), QUE DEUS CONTINUE A TE ABENÇOAR. VISITE MEU BLOG:

    http://blogevangelicomaranata.blogspot.com/

    QUE A GRAÇA E A PAZ DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO CONTINUE A REPOUSAR EM NOSSOS CORAÇÕES.

    ResponderExcluir
  4. A Paz Pastor Marcos. Olhe eu concordo com tudo que o senhor escreveu. Sabe, acho que pregadores que ficam mandando as pessoas falarem com seu vizinho do lado, ou mandam dar glórias, são pretestos para pensarem no que vão dizer, assim eles ganham tempo de verem o que vão falar. Sabe o pregador quando esta na unção. A Igreja fica calad escutando a palavra e quando o Espirito santo se manifesta a Igreja glorifica, Não é preciso ninguém mandar. O Espririto Santo é sábio ,ele sabe a hora de se manisfestar. Parabéns pelo post e pelo blog.Que Deus continue te abençoando e te usando.Estou seguindo seu blog.

    ResponderExcluir

Todos os comentários estão liberados, dessa forma o seu comentário será publicado direto no CLUBE DA TEOLOGIA.
Porém se ele for abusivo ou usar palavras de baixo calão será removido.